2 de junho de 2017 às 16h06min - Por Mário Flávio

O governador Paulo Câmara reuniu, nesta sexta-feira (2), no Palácio do Campo das Princesas, representantes de Pernambuco no Congresso Nacional e integrantes da Assembleia Legislativa para discutir medidas que possam, a curto e média prazo, reduzir o impacto das fortes chuvas do último fim de semana na Mata Sul e em parte do Agreste. Na ocasião, Paulo também apresentou um balanço com as ações de assistência realizadas pelo Estado e pediu a união de todos para que a população atingida possa voltar à normalidade.

“Estou ciente da nossa responsabilidade nesse momento difícil, da seriedade que o momento exige. Não irei desviar em nenhum momento dessa seriedade. Continuarei a trabalhar com muito afinco com objetivo de recuperar e proporcionar dignidade aos desabrigados e desalojados do nosso Estado”, completou.

A iniciativa do Governo de Pernambuco de ampliar a discussão, com a participação de integrantes do Parlamento, sobre as ações necessárias para a recuperação das áreas afetadas pelas chuvas foi elogiada pelo deputado federal Tadeu Alencar. “Pernambuco sempre dá sinais da sua largueza e sua grandeza quando precisar enfrentar estes problemas sérios em uma conjuntura desafiadora como essa. Digo ao senhor, governador Paulo Câmara, que nós temos confiança na sua missão à frente do Governo de Pernambuco, conseguindo imprimir um dinamismo possível em uma realidade como essa”, finalizou.

ICMS – Paulo Câmara também reforçou o anúncio de medidas que ajudarão o comércio das áreas afetadas pelas chuvas, como exemplo, a prorrogação do prazo de pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), permitindo que os comerciantes locais tenham mais condições de restabelecer suas atividades. O decreto, que deve ser publicado no Diário Oficial na próxima segunda-feira (05), proporcionará uma tranqüilidade maior para que precisa recuperar seus negócios.

CHAPÉU DE PALHA – O crédito do programa social Chapéu de Palha também será antecipado aos agricultores atingidos pelas chuvas, e linhas de créditos especiais serão criadas com objetivo fornecer uma base para que, aos poucos, a população possa voltar à sua rotina normal.

Estiveram presentes na reunião o vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico, Raul Henry; secretários estaduais, os deputados federais André de Paula, Augusto Coutinho, Cadoca, Danilo Cabral, Fernando Monteiro, Tadeu Alencar, João Fernando Coutinho (representado por Robson G.); Zeca Cavalcanti, Kaio Maniçoba, Ricardo Teobaldo, Severino Ninho e Silvio costa; os deputados estaduais, Guilherme Uchoa (presidente da Alepe), Álvaro Porto, Clodoaldo Magalhães, Henrique Queiroz, Joel da Harpa, Aluísio Lessa, José Humberto Cavalcanti, Zé Maurício, Júlio Cavalcanti, Lucas Ramos, Socorro Pimentel, Priscila Krause, Ricardo Costa, Sílvio Costa Filho, Simone Santana, Waldemar Borges, Edilson Silva; e o senador Armando Monteiro Neto.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro