19 de junho de 2013 às 19h25min - Por Mário Flávio

O que está acontecendo no Brasil nos últimos dias é algo para ficar registrado nos livros de história, como também é um aviso urgente aos políticos que usam e abusam do dinheiro público que não ficaremos mais calados diante de tais absurdos.

O mau uso do dinheiro público não é privilégio apenas do nosso País. O primeiro mundo sofre dos mesmos males. Entretanto, numa proporção bem menor. Lá, os maus políticos são punidos severamente, algumas nações chegam a punir com pena de morte, que em minha opinião é um exagero.

O Brasil, na contramão do mundo, sempre foi cortês com a corrupção. Isso, que fique bem claro, não se restringe à política. A corrupção está em todos os lugares, é o conhecido jeitinho brasileiro tão proferido em tom de piada no nosso dia a dia.

Contudo, o aumento da passagem de ônibus em São Paulo foi o estopim para que o gigante adormecido despertasse, e, tomara que ele realmente tenha despertado. Que não seja apenas uma ação movida pelo calor do momento. Que isso vire regra a todo ato que afronte a sociedade, seja político ou não.

Ressalvas

Toda reunião ou manifestação, mesmo que seja pacífica, como as que estão acontecendo Brasil a fora, são passiveis de pessoas mal intencionadas que se infiltram no meio da multidão para cometer atos de vandalismo e roubo ou, apenas para tentar desqualificar o movimento legítimo.

Outros de forma não tão menos arbitrária e oportunista tentam ligar o movimento a partido político. Verdadeiros covardes, assim como os baderneiros, que tentam de forma descarada enganar a população dizendo que o movimento é contra esse ou aquele partido. O movimento NÃO TEM PARTIDO! Ele é um clamor contra tudo de errado que acontece e aconteceu no Brasil durante séculos. Que isso fique bem claro.

*Carlos Alexandre da Silva é servidor público municipal e autor do blog www.alexandredecaruaru.com.br


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro