31 de março de 2012 às 04h14min - Por Mário Flávio

Será realizado neste domingo (1º), em São Paulo, o desfile do Cordão da Mentira. Composto por coletivos políticos, grupos de teatro e sambistas de diversos grupos e escolas da capital paulista, o Cordão da Mentira questionará quem e quais são os interesses que bloqueiam uma real transformação da sociedade brasileira.

No Manifesto que será distribuído há vários questionamentos, como:

“Quando vai acabar a ditadura civil-militar?”

Quando admitimos que os crimes do passado permaneçam impunes, abrimos precedentes para que eles sejam repetidos no presente. Com a roupagem indefectível da democracia, da constituição, do direito à livre manifestação, o Estado continua executando os seus inimigos e calando de uma forma ou de outra aqueles que pensam e atuam em favor da tolerância, em favor da utilização dos espaços públicos de maneira respeitosa e saudável.

Quando vai acabar o massacre de pobres nas periferias?

Quando os corpos do passado serão encontrados e dignamente reconhecidos em suas lutas?

Quando as armas dos militares deixarão de ser o signo do extermínio?

Até quando o dinheiro de poucos financiará o silêncio de muitos?

Até quando ouviremos o ronco dos Caveirões, Fumanchús e das Kombis genocidas?

Lembremos Pinheirinho, Eldorado do Carajás, Araguaia e as Ligas Camponesas! Casos que podem ser vistos como exemplos históricos do nosso tempo para a compreensão do processo pelo qual o Estado colocou a especulação imobiliária, a propriedade privada e a lucratividade acima da vida. Nada pode ser mais valorizado do que a vida. Somente um Estado calcado em mentiras pode favorecer essa inversão de valores.

Lembremos Mariguela, Pato N´Água, Herzog e os 492 executados em São Paulo em Maio de 2006! Personlidades anônimas ou conhecidas exterminadas pelas práticas autoritárias que resolvem suas contradições à bala.

Hoje, uma simples Comissão da Verdade – que apenas pretende investigar a história – levanta os fantasmas do passado, ocultos nas sombras da Lei de Anistia. Façamos então um Cordão da Mentira! Celebremos com a força dos batuques a farsa que une presente, passado e futuro.

Neste Primeiro de Abril, façamos a Mentira responder: Quando vai acabar a ditadura civil-militar?

 

Brasil é denunciado na OEA por assassinato de Vladimir Herzog

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), da Organização dos Estados Americanos (OEA), abriu oficialmente um processo para investigar a não-punição dos responsáveis pelo assassinato do jornalista Vladimir Herzog em 1975. As autoridades brasileiras foram notificadas na segunda-feira (26).

A morte de Herzog foi apresentada à família e à sociedade como um suicídio, e a investigação foi realizada por meio de Inquérito Militar, que concluiu pela ocorrência de suicídio. Entretanto, em 1978 a Justiça condenou a União pelo assassinato do jornalista.

O Brasil terá, agora, cerca de dois meses para se defender. Se considerar insuficientes as explicações do país, a Comissão poderá remeter o processo para a Corte Interamericana de Direitos Humanos, onde o Brasil poderá ser condenado – como já ocorreu em dezembro de 2010, no caso da Guerrilha do Araguaia (1972-1975).

 

  • O arquivo selecionado /tmp/filekqHVuE não pôde ser enviado, pois a pasta de destino sites/default/files/languages/pt-br_d61cccf16c0588e1912e67bfbbb54f13.js não esta configurada corretamente.
  • O arquivo selecionado /tmp/fileMwfVZ0 não pôde ser enviado, pois a pasta de destino sites/default/files/languages/pt-br_d61cccf16c0588e1912e67bfbbb54f13.js não esta configurada corretamente.

qui, 2012-03-29 1Hora do planeta

A Hora do Planeta é um ato simbólico, promovido no mundo todo pela Rede WWF, no qual governos, empresas e a população demonstram a sua preocupação com o aquecimento global, apagando as suas luzes durante sessenta minutos. Sábado, dia 31 de março, das 20h30 às 21h30. Apague as luzes e participe da Hora do Planeta 2012.

 

Dilma pede Nova Ordem Mundial

Índia e Brasil querem uma nova ordem mundial e reformas no Conselho de Segurança das Nações Unidas que levem em consideração a nova realidade do mundo, afirma a presidente brasileira, Dilma Rousseff, em um artigo publicado no jornal The Times of India.

 

Comunistas Comemoram em Caruaru

Assim como em todo país, durante vários eventos realizados o PCdoB Caruaru deverá concluir na próxima semana, com um ato festivo para convidados, a celebração dos 90 anos do partido.

 

Um outro mundo possível também na internet

A luta por uma internet livre, que permita o compartilhamento de informações e conhecimento, é fundamental para o avanço das lutas contra hegemônicas e a construção de outro mundo possível. Com esta base comum, diversas organizações e ativistas digitais realizaram no Fórum Social Temático, em Porto Alegre, no final de janeiro, o III Forum de Midias Livres, que prepara o II Forum Mundial de Mídias Livres, a ser realizado em junho, por ocasião da Rio + 20.

A comunicação é cada vez mais estratégica, sobretudo num tempo em que a opinião pública é formada nas grandes cidades e grandes centros políticos, onde milhões de pessoas são massivamente manipuladas pelos meios de comunicação.

 

Caruaru 2030

Depois da plenária geral realizada no início desta semana a prefeitura anunciou que vai prolongar mais um pouco a finalização do Projeto. Outros seguimentos da sociedade também terão oportunidade de serem ouvidos. A conclusão em forma de documento deveráacontecer durante o aniversário da cidade em maio.

 

1ª CONSOCIAL

Divulguei nesta coluna nos dias 17 e 24 de fevereiro sobre as Conferências que estão acontecendo em todo Brasil e no dia 22 de março o blog fez matéria sobre a de Caruaru realizada em 28/03.

Quem acompanha este blog consegue realmente manter-se bem informado do universo político em geral, e fiquem atentos, pois na segunda-feira começa o programa na 104 FM.

A 1ª Consocial (Conferência Estadual sobre Transparência e Controle Social) de Pernambuco terá representação de 75 municípios do Estado, acontece de 2 a 4 de abril em Recife. Vinte propostas sobre o tema serão priorizadas pelos delegados e encaminhadas à etapa nacional da Consocial, que acontecerá em Brasília, entre os dias 18 e 20 de maio.

A Consocial de Pernambuco é promovida pelo Governo do Estado, através das secretarias da Casa Civil, da Controladoria Geral e de Articulação Social e Regional.

PARA REFLETIR

“Há poder e poder. Poder inerente ao cargo que se ocupa ou aos bens que se possui, e poder inerente ao caráter e∕ou carisma da pessoa. Esses últimos, infelizmente, são exceção.” Frei Betto.

Paulo Nailson é militante político com atuação em movimentos sociais, Membro da Articulação Agreste do Fórum de Reforma Urbana (FERU-PE) e Articulador Social do MTST. Edita a publicação cristã Presentia. Foi filiado ao PT por mais de 10 anos. Cursa Serviço Social


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro