15 de abril de 2020 às 09h32min - Por Mário Flávio

O ex-prefeito de Olinda, Germano Coelho, morreu nesta quarta-feira (15) aos 93 anos. Ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) na casa onde residia, em Casa Amarela, Zona Norte do Recife.

Ele era irmão de Gilvandro Coelho e Fernando Coelho, ex-deputado e advogado, que faleceu em abril de 2019 aos 86 anos, em decorrência de complicações pós-AVC.

Paraibano, Germano Coelho teve como um dos princípios a defesa da educação como instrumento de transformação social. Ele fundou e foi o primeiro presidente do Movimento de Cultura Popular (1960), que nasceu com objetivo de pensar e planejar a educação pública do Recife a partir da orientação do então prefeito Miguel Arraes de Alencar.

Advogado, educador, humanista e pensador social católico, Germano Coelho foi prefeito de Olinda por duas vezes (1977/1980 e 1993/1996) e articulou para o município o título de Cidade Patrimônio da Humanidade, concedido pela Unesco em 1982.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro