12 de novembro de 2012 às 18h40min - Por Mário Flávio

Da Agência Estado

Procurado por jornalistas, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não quis comentar sobre a condenação e penas dos petistas José Dirceu (ex-ministro da Casa Civil) e José Genoíno (ex-presidente nacional do PT). Históricos representantes da esquerda e aliados de Lula, ambos foram condenados pelo envolvimento no mensalão, esquema de compra de votos a favor da presidência durante a gestão Lula.

“Eu não achei nada porque eu não vi. Deixa eu ver”, respondeu Lula, após a abertura da Olimpíada do Conhecimento, em Barueri, no interior de São Paulo. Já o senador Cristovam Buarque (PDT), não se esquivou e externou seu lamento pela crítica situação de Dirceu e Genoíno. “São os dois personagens mais importantes da esquerda na minha geração”, recorda.

O pedetista avalia que o impacto do julgamento do mensalão só poderá ser sentido quando as penas começarem a ser cumpridas. Ele diz que ainda não sabe como a condenação de pessoas ligadas ao governo repercutirá no País. Mas levanta hipóteses: “Ou vai diminuir a corrupção ou vamos ter corruptos mais cuidadosos que não serão pegos”.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro