17 de fevereiro de 2014 às 11h05min - Por Mário Flávio

20140217-110523.jpg

O líder do Democratas, Mendonça Filho (PE), vai propor ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, a formação de uma comissão externa para apurar as denúncias de pagamento de propina de uma empresa holandesa para fechar contratos com a Petrobras. De acordo com o democrata, a intenção é formar um grupo de parlamentares ou técnicos da Câmara que irão à Holanda para averiguar as graves revelações feitas pela revista Veja – na edição deste final de semana – com informações de que a SBM Offshore, a maior fabricantes de plataformas marítimas de exploração de petróleo do mundo, teria pago até US$ 30 milhões em suborno para favorecer contratos com a estatal brasileira. Mendonça Filho apresentará requerimento com a proposta na próxima reunião do colégio de líderes amanhã (18/2).

“É uma denúncia muito grave contra a Petrobrás que se envolve mais uma vez em um caso corrupção. A estatal está cheia de dívidas em decorrência de uma sequência de atos de má gestão e casos de corrupção. Essa denúncia precisa ser investigada a fundo”, opinou Mendonça Filho. Ele lembra que Petrobras enfrenta graves problemas econômicos com R$ 7,3 bilhões em débitos fiscais e agora está envolvida em um escândalo que movimentou mais de US$ 250 milhões. Conforme a matéria da Veja, além do Brasil, a SBM Offshore teria pago suborno em Guiné Equatorial, Angola, Malásia, Itália e Iraque.

Segundo o deputado, o caso a base aliada impeça a aprovação do requerimento no plenário existe a possibilidade da formação de uma comissão da oposição por conta dos partidos. “Mas não acredito que isso vá acontecer, pois o governo estaria sendo conivente com um caso de corrupção”, atestou. O roteiro também pode incluir Inglaterra e Estados Unidos onde também há investigações em curso de casos de suborno pela empresa holandesa.

A comissão externa será a primeira providência para aprofundar as investigações e dependendo das informações coletadas poderia haver até a instalação da uma Comissão Parlamentar de Inquérito.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro