João Campos faz as pazes com Marilia Arraes

Lucas Medeiros - 13.10.2022 às 20:55h

Do Blog do Jamildo

(Imagem: Reprodução/ Redes Sociais)

Longe dos holofotes, Marília Arraes (Solidariedade) e João Campos (PSB) já se encontraram, na semana passada, na capital pernambucana. A imprensa local não registrou o encontro. Os dois se enfrentaram na campanha municipal de 2020, no Recife, em uma das mais campanhas mais acirradas da capital pernambucana.

A conversa de agora aconteceu na casa do deputado federal André de Paula (PSD) que foi candidato ao senado na chapa da neta de Arraes. André de Paula sreviu de ponte entre os dois porque havia sido aliado da Frente Popular até a janela eleitoral, quando Lula (PT) cobrou a vaga do Senado para o PT e ele ficou sem espaço com o PSB e PT.

A filha dele Cacau de Paula também havia sido secretária de Turismo de João Campos, até o começo da eleição.

Marília Arraes e João já se resolveram“, revela uma fonte, sem entrar nos detalhes da conversa.

Nesta sexta-feira, assim, não será mais surpresa que apareçam juntos na caminhada de Lula pelo Recife.

Não por acaso, no guia eleitoral, Marília Arraes começou a usar a imagem de Eduardo Campos, elogiando o legado do ex-governador.

A assessoria da candidata foi procurada, mas não comentou.

Na semana passada, o PSB e o PT já haviam anunciado que apoiariam a candidata do Solidariedade, em prol da campanha de Lula. Marília Arraes passou a campanha criticando o PSB e o PT, de onde saiu no começo do ano, para lançar um palanque duplo para Lula. 

Clima mudou desde o começo do ano

Com a derrota do PSB, em Pernambuco, o clima mudou radicalmente. No começo do ano, durante as discussões para a formação da chapa da Frente Popular, o prefeito do Recife João Campos pegou ar quando seu nome foi associado a uma manobra do PSB em Brasília para segurar Marília no PT, com o recuo e a oferta da vaga ao Senado. A deputada federal, então no PT, recusou a oferta, deixando o partido para disputar o governo pelo Solidariedade. 

Detalhes da agenda de Lula

O deputado estadual e presidente do PT Pernambuco, Doriel Barros, esteve reunido, na manhã de hoje (13), com a coordenação de campanha de Lula, em níveis estadual e nacional, na qual foram acertados os últimos detalhes da vinda do candidato à presidência pelo PT ao Recife.

Nesta sexta-feira (14), Lula percorrerá as principais vias do centro da cidade, junto à candidata ao Governo do Estado Marília Arraes, e de representantes dos partidos que apoiam as duas candidaturas. “Vamos fazer uma grande caminhada. Será uma grande festa da democracia”, afirmou Doriel.

A concentração dos apoiadores para a Caminhada Brasil da Esperança será no Parque 13 de Maio, no bairro de Santo Amaro, a partir das 10h. Nesse mesmo horário, Lula e Marília farão uma coletiva de imprensa.

Às 11h, o presidente Lula e Marília Arraes seguirão em caminhada, junto ao povo, pelas ruas do Hospício, avenidas Conde da Boa Vista, Guararapes e Dantas Barreto, terminando o trajeto na praça do Carmo.

A adesão da população mostrará que Pernambuco quer mudança; quer tirar o Brasil do caos, elegendo Lula outra vez”, afirmou.

Lula no Recife nesta quinta

O presidente Lula chega ao Recife já nesta quinta-feira, no horário previsto, por volta das 20 horas. No terminal aeroviário, Lula será recebido pelo governador Paulo Câmara (PSB), que havia anunciado engajamento total nestes atos de segundo turno, em Pernambuco. O governador vai estar ao lado de Lula na passeata pelo centro do Recife e já começará o dia com um café da manhã ao lado de Lula.