6 de agosto de 2013 às 13h25min - Por Mário Flávio
Isaltino não cumpriu os prazos determinados em audiência pública

Isaltino não cumpriu os prazos determinados em audiência pública

Em reportagem publicada no telejornal ABTV 2ª edição o DNIT confirmou que não existe um prazo definido para que a obra de duplicação da BR 423, entre São Caetano e Garanhuns, tenha início. De acordo com informações repassadas pelo secretário de Transportes do Estado, Isaltino Nascimento (PT), um projeto para a duplicação da rodovia foi apresentado em uma audiência pública realizada no dia 15 de fevereiro em Garanhuns.

Na ocasião, o petosta anunciou os detalhes da obra, orçada em 500 milhões de reais. O secretário garantiu que os processos licitatórios deveriam ter início até esse mês, o que não houve. Segundo a reportagem do jornalista Magno Wendel, esses prazos repassados só valeriam se o convênio entre os governos estadual e federal fossem assinados naquele período.

No entanto, de acordo com o DER, o projeto de duplicação da rodovia ainda está sendo apreciado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit). Por enquanto a obra segue sendo apenas um sonho de consumo para os motoristas e estudantes, que se somam aos mais de 7 mil veículos que circulam diariamente pela rodovia desgastada e cheia de buracos.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro