15 de junho de 2013 às 11h38min - Por Mário Flávio

20130615-114119.jpg

De César Melo

O senador Humberto Costa (PT) foi um dos entrevistados de ontem do programa “Nordeste em Foco” desta quinta-feira. O petista falou sobre o projeto das emancipações, que será avaliado pelo Senado ainda neste ano.
A favor das emancipações – ele disse ser favorável a bandeira dos emancipalista, no entanto, citou que o projeto ser analisado dentro de uma série de critérios. “Temos que ver bem os critérios, para que não existam emancipações precipitadas ou mal feitas”, disse ele, que continuou, “temos que tomar alguns cuidados para que as sedes não tenham prejuízos e que haja a condição digna de sobrevivência para cada nova cidade”.

Dilma caindo – sobre a queda da aprovação da presidente Dilma perante a opinião pública, mostrada em duas recentes pesquisas, o senador disse que os números são consequência de uma onda de negativismo. “Essa queda de avaliação tem mais a ver com o medo do que não pode dar certo no futuro, do que algo que aconteça agora”, disse ele que prosseguiu, “nosso país tem pleno emprego e a inflação está sob controle, ou seja, nossa economia não está em risco”.

Em compasso de espera – Humberto falou ainda sobre a disputa presidencial do próximo ano, que deverá colocar PT e PSB em lados opostos. “Eu acredito que nós só poderemos tomar uma posição mais clara em relação a eleição de 2014 em Pernambuco, quando Eduardo disser ser é ou não candidato a presidente da república”.

O palanque de Dilma – “Se ele não for, discutiremos o melhor nome na Frente Popular, caso contrário, formaremos o palanque de Dilma em nosso estado”, disse Humberto Costa.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro