3 de novembro de 2013 às 20h31min - Por Mário Flávio

20131103-203533.jpg

O governador Eduardo Campos se reuniu neste domingo (03) com o fundador da ONG Transparência Internacional, Peter Eigen, e representantes do Partido Social-Democrata alemão, em Berlim. Avaliações sobre a conjuntura internacional, as relações Brasil-Alemanha e as possibilidades de cooperação entre a entidade e o Governo de Pernambuco foram os principais focos do debate, ocorrido na Humbouldt-Viadrina School of Governance.

“O Brasil tem na Alemanha seu maior parceiro comercial na Europa. Precisamos ampliar esta parceria, principalmente nas áreas científica e cultural. Isto pode ser construído com a ajuda da política, e a abertura do diálogo com entidades como a Transparência Internacional é de grande importância”, afirmou o governador, que um dia antes, no sábado (02), visitou o Instituto Fraunhoufer, reconhecido em todo o Mundo como grande desenvolvedor de soluções científicas para indústrias em diversos segmentos.

“Precisamos compreender a transparência não apenas pela divulgação de números e dados do governo. Transparência é também trazer as pessoas para perto da administração pública e favorecer o controle social”, colocou Eduardo, ao falar sobre a experiência desenvolvida em Pernambuco, pautada na elaboração de um modelo de gestão construído a partir de uma ampla ausculta popular. A parceria do Governo do Estado com a ONG será aprofundada nos próximos meses, com novas reuniões entre as entidades.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro