21 de outubro de 2013 às 14h13min - Por Mário Flávio

20131021-141258.jpg

“NOTA DE ESCLARECIMENTO

Desde que Tambaba foi fundada, em 1991, a praia é frequentada por milhares de famílias do mundo inteiro. São pessoas, desprovidas de más intenções, e que querem ter um contato com o meio ambiente da maneira mais natural possível. O acesso é controlado com o máximo de rigor. Apenas pessoas acompanhadas dos companheiros/companheiras podem entrar na área de preservação, caso contrário, precisam ser identificados com pulseiras. A permanência no local, também é regida por regras. É veementemente proibida qualquer prática de ato obsceno, por mais leve que seja.

Portanto, o Vereador Gilberto de Dora não entende o motivo da repercussão do assunto. Ele frequenta a praia de Tambaba há mais de vinte anos, o que nunca manteve como segredo. Uma prova disso foi aceitar ser entrevistado pelo programa que vai ao ar em rede nacional. Para o parlamentar, naturismo é um assunto que deve ser tratado com muito respeito.

É importante salientar que o naturalismo é permitido por lei em mais de dez praias brasileiras. No caso de Tambaba, foi o decreto 276/91 que autorizou a prática considerando que o naturismo é uma filosofia de vida visando a harmonia com a natureza, voltado para o auto respeito, a respeito mutuo e para preservação do meio ambiente e do ser humano.”


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro