Frango e papel higiênico tiveram maiores reajustes em abril em Caruaru, diz Procon

Lucas Medeiros - 09.05.2023 às 16:25h
(Imagem: Pixabay)

A Prefeitura de Caruaru, por meio da Gerência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Caruaru), realizou entre os dias 24 e 27 de abril, nova pesquisa de variação da cesta básica, realizada em 13 estabelecimentos de 11 bairros da cidade, dos quais, 19 foram de gêneros alimentícios, quatro de limpeza doméstica e quatro de higiene pessoal. Dos itens pesquisados, em relação à pesquisa anterior (março/23), 14 itens tiveram seus preços reajustados e 13 itens tiveram reduções.

As maiores reduções, considerando os valores anteriores, se deram nos seguintes itens:: charque de 2ª, 11,63% (era R$36,17 passou para R$32,41, o quilo); carne bovina de 2ª, 7,55% (era R$24,42 passou para R$22,71, o quilo); e macarrão, 5,7% (era R$3,57 e passou para R$3,38, o pacote com 500g).

Já os maiores aumentos ocorreram nos seguintes produtos: frango inteiro, 14,7% (era R$11,12 passou para R$12,75, o quilo); papel higiênico, 14% (era R$2,87, passou para R$3,27, pacote com 4 unidades); e sabão em pó, 13% (era R$2,68, passou para R$3,02, pacote com 500g).

Em comparação à pesquisa de março, o Procon Caruaru identificou que o valor médio apresentou uma redução de 0,01% no valor total da cesta básica.

Com relação ao gás de cozinha, houve alteração de um mês para outro, com redução de 0,14%, passando de R$ 99,06 para R$ 98,93. A pesquisa para este quesito foi realizada em 10 estabelecimentos comerciais, com menor preço sendo obtido a R$90,00 nos bairros Pinheirópolis, José Carlos de Oliveira e Kennedy para compras à vista. Já para as compras a prazo, com retirada no local, o maior preço constatado foi de R$125, no bairro Santa Rosa.

Com a pesquisa, ficou constatado que o valor médio do botijão de 13 quilos em abril/23, correspondeu a R$98,93.