20 de maio de 2013 às 21h25min - Por Mário Flávio

Dr. Neves, eleito prefeito em São Caetano

O blog entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura de São Caetano para apurar informações sobre  erros nos pagamentos de servidores municipais e sobre redução no quadro de funcionários. Em resposta, a assessoria esclareceu que realmente ocorreram erros nos pagamentos de alguns funcionários, entre os meses de fevereiro e março. Isso se deu porque a empresa que prestava serviço ao município há mais de 20 anos alegou não ter mais interesse em ficar responsável pela folha. Sendo assim uma nova empresa foi contratada, e mediante implantação a empresa alertou que poderia ocorrer uma margem de erro de 10 a 20%. E foi o que ocorreu, a empresa contratada pela atual gestão cometeu alguns equívocos na hora de digitar os dados dos servidores, porém tudo foi resolvido sem quaisquer danos para os mesmos.

Outros questionamentos que estavam sendo feitos foram referentes a um abono que constava no contra-cheque dos servidores que recebem um salário mínimo, a Prefeitura esclarece que este valor era para complementar o valor salarial para que o mesmo fosse equivalente ao valor do salário mínimo. Como nesta gestão a cabeça do cheque já é no valor do salário mínimo não se faz necessário o abono para complementar.

Com relação ao corte na folha de pagamento, a prefeitura informou que diante das dificuldades enfrentadas como a queda do FPM, o aumento do salário mínimo e do pagamento do Piso Salarial dos professores, está infelizmente tendo que demitir alguns servidores. Porém é importante ressaltar que o município de São Caetano é um dos poucos da região que vem conseguindo pagar a folha até o quinto dia útil do mês, prazo previsto em Lei.

Especulações no início da semanas supunham inclusive que o prefeito José Neves (PTB) teria entrado em depressão devido a esses problemas nos primeiros meses de governo. No entanto, a assessoria informou que Neves está sim com um pequeno problema de saúde, porém não é grave e não implica o afastamento ou renúncia.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro