16 de abril de 2018 às 16h54min - Por Mário Flávio

Nota de repúdio

As entidades que representam o setor econômico de Santa Cruz do Capibaribe vêm a público repudiar a atual situação do trecho urbano da PE-160. Além das inúmeras dificuldades impostas pela atual situação econômica que assola o país e desestimula a atividade empreendedora, a falta de manutenção no perímetro urbano da PE-160 em Santa Cruz do Capibaribe, um problema que se arrasta há anos, chegou a um ponto insuportável.

Milhares de pequenos, médios e grandes negócios estão sendo prejudicados. Sobretudo as pequenas fábricas de confecções espalhadas por 54 municípios, que escoam a produção para compradores de todo o Brasil, através das feiras semanais do Moda Center Santa Cruz e Calçadão.

As entidades que contribuem e sempre somaram esforços para promover o real desenvolvimento do agreste pernambucano estão aqui unidas com a legitimidade necessária para cobrar do Governo do Estado de Pernambuco providências urgentes no sentido de resolver essa lamentável situação.

Assinam a nota: CDL, FCDL, ASCONT, ASCAP, GOVERNANÇA EMPREENDEDORA, MODA CENTER SANTA CRUZ, FIEPE E SINDLOJA.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro