14 de janeiro de 2021 às 11h22min - Por Mário Flávio

Mais de 200 mil mortos no Brasil. Essa é a triste realidade do Brasil desde o início da pandemia e o que vemos de duas lideranças brasileiras é uma briga desumana, que deixa perplexa a sociedade e mostra que a política chegou mesmo ao fundo do poço.

De um lado o presidente da República, que nunca deu muita importância a essa pandemia, desdenhando quando chamou de gripezinha, além de uma série de declarações infelizes durante quase um ano de pandemia. Do outro uma pessoa de marketing, que tenta usar a todo o custo a vacina para se promover, de olho na presidência da República.

Dória chegou até a esconder da população alguns dados e com a confirmação da eficácia em menos de 60%, ele praticamente não apareceu para dar explicações sobre esses percentuais, que são completamente aceitáveis, segundo os especialistas no assunto.

Com essas posições do governo paulista só aumenta a desconfiança com relação a vacina de parte da população. Ambos precisam entender a necessidade urgente de se vacinar a população e precisam parar de promover esses embates políticos, que não levam a nada e só aumentam a tensão no país.

E os brasileiros que estão na ponta precisam para de entrar nessa briga e entender que só existe um caminho para vencer essa crise: vacina.

Mudando de assunto…

A vinda de Artur Lira a Pernambuco mostra que o PSB segue mesmo divido em relação a eleição para presidência da Câmara. Ele conta aqui no estado com o apoio de vários deputados do partido, do prefeito do Recife, João Campos e do governador Paulo Câmara.

…O favorito

Lira é candidato e tem como principal adversário o deputado Baleia Rossi, que ainda não esteve em Pernambuco. Rossi é do MDB, mesmo partido dos senadores Jarbas Vasconcelos e Fernando Bezerra Coelho, que ainda não se posicionaram sobre o assunto.

Principal comissão com Liberato…

O vereador Ricardo Liberato ficou na presidência da principal Comissão da Câmara de Caruaru. Ele é aliado de primeira linha da prefeita Raquel e vai usar a experiência legislativa para não travar projetos que serão analisados pela Comissão.

…Apoio

Ele vai contar com o apoio dos vereadores Anderson Correia e Aline Nascimento. Anderson é advogado e jornalista e Aline fez vários cursos para se qualificar com instituições que prepararam futuros políticos. A Comissão ficou com uma boa formação.

Mais uma Comissão…

O Vereador Anderson Correia é defensor da causa animal e solicitou a criação da Comissão Permanente de Proteção e Defesa dos Direitos dos Animais, visando, entre tantas questões, promover, no âmbito legislativo, estudos, pesquisas e a discussão das leis protetivas dos animais e dos sistemas de garantia de direitos com o apoio dos grupos e organizações voltadas ao bem-estar dos animais não-humanos; fiscalizar e implementar, no âmbito municipal, a política municipal de atendimento dos direitos animais e os programas governamentais ou não-governamentais relativos a esses direitos.

…Ideias

Além dessa solicitação da Comissão Permanente de Proteção e Defesa dos Direitos dos Animais, Anderson também já protocolou nestes primeiros dias de mandato um Projeto de Lei para instituir o Conselho Municipal dos Direitos Animais de Caruaru; outro Projeto de Lei para a criação do Fundo Municipal de Proteção dos Direitos Animais; um requerimento para obter informações acerca do trabalho desenvolvido pela AMTTC no que diz ao planejamento para 2021 em relação ao registro e licenciamento dos veículos de TRAÇÃO ANIMAL e respectiva autorização para os condutores.

Aliado…

O vereador terá como aliado para a criação da Comissão o colega de Casa, Fagner Fernandes. Ele também tem uma bandeira parecida e logo na primeira sessão trouxe vários requerimentos sobre o tema. Os dois juntos formarão uma boa dupla pela causa na Câmara.

…Mais apoio

Quem também deve ter a causa é a vereadora Perpétua Dantas. Ela milita no campo dos Direitos Humanos e tem a irmã, professora Ana Maria de Barros, como uma das principais protetoras de animais do município. A pauta da causa animal deve avançar muito nos próximos quatro anos.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro