25 de fevereiro de 2013 às 14h55min - Por Mário Flávio

Dr. Demóstenes - FOTO - VLADIMIR BARRETO (1)

Com informações de Jaciara Fernandes

Recentemente, o vereador Dr. Demóstenes (PSD), líder da base do governo na Câmara Municipal de Caruaru, fez indicação criar um Juizado Especializado na Defesa da Pessoa Idosa. A justificativa dele acompanha o registro do Disque Denúncia Agreste, que avaliou um aumento de 16,35% no número de denúncias de violência contra o idoso no ano de 2012 em Caruaru, comparando com dados de 2011. Foram 208 denúncias em 2011 contra 242 no ano passado. Esses refletem ainda a fragilidade de garantia de direitos a pessoas idosas, algo exposto na mídia nos últimos meses em casos de diferentes tipos de violência contra idosos.

Para Demóstenes, o Juizado cumpriria uma finalidade específica e garantiria um suporte aos idosos na Capital do Agreste. “Caruaru tem se tornado uma cidade onde os maus tratos às pessoas idosas têm sido grandes. Esse juizado atenderia especificamente essa demanda. Os idosos precisam disso e se sentiriam muito melhor com o suporte através do Juizado”, explicou o vereador.

Já a presidente da Associação da Terceira Idade de Caruaru, Eunice Albuquerque, explicou que são necessárias implantações de políticas públicas para combater esses índices de violência. “A cada momento, agravam-se questões relacionadas a desrespeitos aos direitos das pessoas idosas, mas quando procuramos os órgão de direito, existe grande demora na atuação deles, e os problemas vão se agravando. Torna-se necessário maior rigor no cumprimento de direitos para as pessoas idosas. Um Juizado específico seria muito útil para a solução de nossos problemas”, defendeu a presidente.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro