21 de dezembro de 2015 às 20h35min - Por Mário Flávio

Até está segunda-feira, 21 de dezembro, o Disque Denúncia Agreste registrou 10.876 denúncias. O número foi recebido como positivo já que houve aumento em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram registradas 9.879 denúncias.

Entre os assuntos mais denunciados este ano estão perturbação de sossego, com 4.319 registros; informações sobre tráfico de drogas, com 3.132 denúncias; intrafamiliar, com 2.824 registros; crimes contra o patrimônio, 2.495 informações; e armas de fogo, com 2.488 denúncias. Desse total, 1.491 registro denúncias foram online (através do site www.disquedenunciape.com.br).

Essas denúncias possibilitaram que as polícias Civil e Militar realizassem: Prisão (1.352); Inquérito Policial (218); TCO (147); Notificações de irregularidade referente a Vigilância Sanitária (496); Veículos recuperados (77); Apreensão de animais (434); Apreensão de maconha (371,208 kg); Apreensão de carne de cavalo (800 kg); Apreensão de armas de fogo (2.204); Contrabando (34 caixas de cigarro e 25.500 unidades); Apreensão de GLP (botijões) – 2.371; Medicamentos controlados (191 caixas); Mídias pirateadas apreendidas (121.487); Munições (1.041); Multas de irregularidades trabalhistas (R$ 786.251.78); Erradicação de plantação de maconha (185.856 pés); Papelotes de maconha (439); Apreensão de máquinas caça-níqueis (301); Dinheiro apreendido (tráfico) R$ 30.509,00.

Além disso, em uma única apreensão foram encontradas mais de 15 toneladas de material explosivo, sendo 1.300 garrafas, cada uma com 100g de pólvora; 14 toneladas e 700g de chumbo, 10 mil calibres variados; equipamentos para fabricação artesanal de armas e munições e armas prontas. 


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro