13 de março de 2012 às 16h15min - Por Mário Flávio

Com informações do Congresso em Foco

 

Em meio à troca dos líderes do governo no Senado e na Câmara, a presidenta Dilma Rousseff afirmou que possui uma equipe “conjunta e coesa” na base do governo. A afirmação foi feita no plenário do Senado, durante a cerimônia de entrega do prêmio Bertha Lutz, que homenageia a luta em prol dos direitos das mulheres.
A declaração, no entanto, foi feita em um contexto conturbado nas duas Casas legislativas. Na semana passada, os senadores rejeitaram a recondução de Bernardo Figueiredo para a diretoria-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). O resultado foi considerado um claro recado à presidenta. O PMDB apostava na ideia de que Dilma recuaria e chamaria os partidos para conversar. Além disso, uma série de votações de matérias prioritárias para o governo ficaram paralisadas.
Porém, ontem (12), a presidenta destituiu do cargo de líder do governo o senador Romero Jucá (PMDB-RR), que será substituído pelo senador Eduardo Braga (PMDB-AM). Hoje pela manhã (13), a presidenta também tirou da  liderança na Câmara dos Deputados o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP). Até o momento, não há a indicação de quem será seu substituto. O anúncio de sua saída foi feito ainda durante a cerimônia que ocorria no Senado.

Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro