Centro de Valorização da Vida ganha sentido especial no Setembro Amarelo

Mário Flávio - 05.09.2020 às 22:05h

Quebrar tabus, superar estigmas e senso comum, alertar a população e conscientizar são tarefas cotidianas, mas, neste mês, ganham sentido especial com o Setembro Amarelo, movimento para prevenção do suicídio, onde promovemos uma ampla campanha de divulgação deste tema.

Há 58 anos a instituição, sem fins lucrativos, Centro de Valorização da Vida, CVV, realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar. Um voluntário está apto para a escuta, acolhendo através da conversa o desabafo de todo aquele que sinta esta necessidade.

Em Caruaru, o atendimento é feito através do número 188 gratuitamente, e pode ser através de telefone celular ou fixo. A ligação e mantida em total sigilo, e não é identificada, podendo ser feita também através de email ou chat 24h.

O CVV está disponível para conversar com a imprensa e colaborar com pautas ligadas à valorização da vida, depressão, autoconhecimento, voluntariado, solidão, angústia, desequilíbrio emocional e prevenção do suicídio.