29 de maio de 2015 às 16h51min - Por Mário Flávio

 
Caruaru recebeu nesta sexta-feira (​29​) a quarta unidade da Central de Depoimento Acolhedor de Pernambuco. O presidente do Tribunal da Justiça de Pernambuco, o desembargador Frederico Almeida Neves e o coordenador da Infância e Juventude, desembargador Luiz Carlos Figueiredo presidiram a cerimônia, na manhã desta sexta-feira (29) no Fórum Dr. Elísio Florêncio, bairro Universitário, onde irá funcionar a Central de Depoimento Acolhedor de Caruaru. 
Através desse serviço, crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência serão ouvidas por servidores especializados, em ambiente que evita constrangimento e reduz danos psicológicos, pois não há contato com os réus. O serviço já é oferecido nas comarcas de Recife, Camaragibe, Petrolina e agora Caruaru. Nessas unidades, a interação com a sala de audiência, onde estão juiz, promotor de justiça, advogados, serventuários e réu, é realizada por videoconferência – o que melhora a qualidade do atendimento. Em Caruaru, o serviço conta com recepção e salas de escuta e de audiência, além de brinquedoteca.
O coordenador da Infância e Juventude, desembargador Luiz Carlos Figueiredo, reforçou a importância desta ação para a população do Agreste. “O método do sistema de depoimento especial de escuta de crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de violência é extremamente eficaz. Pernambuco tem hoje uma equipe de profissionais altamente qualificados e a chegada desse serviço a Caruaru representa um marco na prestação jurisdicional de boa qualidade ao povo do Agreste.” 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro