19 de janeiro de 2018 às 21h34min - Por Mário Flávio

O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral chegou na manhã desta sexta-feira (19) ao Instituto Médico Legal de Curitiba, onde fez uma avaliação. Depois, seguiu o Complexo Médico Penal, em Pinhais, na região metropolitana da capital paranaense.

A unidade é um complexo onde os internos tem atendimento médico e reúne alguns presos da Operação Lava Jato, como o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha. O ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto também está no mesmo local.

Sérgio Cabral foi transferido do Rio de Janeiro para Curitiba após o juiz Sérgio Moro afirmar que há a possibilidade do ex-governador prestar novos depoimentos à Operação Lava Jato.

Outro motivo apresentado para a transferência é a suspeita de que Cabral estava recebendo regalias dentro da Cadeia Pública José Frederico Marques, no Rio. Entre os indícios encontrados pela investigação, Cabral teria à disposição dentro da cela aparelhos de academia, videoteca, além de visitas fora dos horários estabelecidos. Também foi levada em conta pela Justiça a possibilidade de Cabral manter contato com antigos comparsas. A determinação tem caráter cautelar.

Acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, Cabral responde a 20 processos e foi condenado a 14 anos e dois meses em regime fechado. Se condenado nas demais acusações, pode permanecer 30 anos preso em regime fechado.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro