9 de agosto de 2012 às 18h36min - Por Mário Flávio

Apesar de o juiz da propaganda eleitoral em Caruaru, Pierre Souto Maior, ter determinado o recolhimento de todo o material de campanha de Zé Queiroz (PDT) que contenha a legenda do PMDB inserida, a assessoria de comunicação da coligação Caruaru com a Força do Brasil, que apoia o candidato, explicou que as peças de propaganda produzidas com o nome do partido já vinham sendo removidas desde o dia da convença da base do governo, no dia 30 de junho e que atualmente os membros da coligação estariam verificando se alguma peça havia sobrado sem ser retirada de circulação.

No contexto

Material de propaganda de Queiroz que contenha legenda do PMDB deverá ser recolhido

Ainda de acordo com a assessoria, o novo material de campanha, sem conter a legenda do PMDB, já foi rodado e distribuído, sem possibilidade de ser enquadrado como propaganda irregular, já que o partido foi mantido na coligação Caruaru em Boas Mãos, da candidata Miriam Lacerda (DEM), depois de decisão proferida pelo juiz Jéfferson Félix, da  105ª Zona Eleitoral de Caruaru.

Mesmo assim, os advogados da coordenação de campanha de Zé Queiroz entraram com recurso no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) para derrubar a decisão em primeira instância sobre o material de campanha irregular, alegando que a sentença que manteve o PMDB na oposição ainda não é definitiva, já que também há recurso contra ela em tramitação. Contudo, o próprio Ministério Público de Pernambuco (MPPE) deu procedência à representação da base de oposição referente as irregularidades das peças de propaganda do prefeito.

Segundo assessoria, novo material já foi rodado e antigo foi recolhido – Crédito: Rafael Lima/ FP


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro