9 de abril de 2018 às 09h52min - Por Mário Flávio

Uma dicotomia interessante! Para o PT (que sempre força a barra dos fatos) Lula é um Preso Político, enquanto que, para nós, brasileiros comuns, não petistas e não esquerdistas, Lula é um mero Político Preso.
O mal é que a atividade política no Brasil tornou-se uma profissão, ainda que, fora do CBO (Código Brasileiro de Ocupações).

Destarte, todo “político profissional”, mesmo sempre alegando ter uma profissão regulamentada, nunca a exerce, ou seja, diz que tem dedicação exclusiva ao cargo eletivo que o “povo” lhe deu.

E como impera a reeleição, o político ocasional transformou-se em político definitivo, para a desgraça do povo que sempre vende seu voto nas contínuas eleições.

O Preso Político é aquele que é detido em nome das suas convicções e ideias! O Político Preso não passa de um preso comum que foi condenado por crime definido na lei penal, no qual foram a si foram atribuídas autoria e materialidade.

No caso de Lula (O Político Preso), nesta sua primeira condenação, pois outras advirão, a Justiça teve que trabalhar com provas não comuns ao dia a dia forense. O condenado achou que, não transferindo em cartório a propriedade para o seu nome, lhe seria lícito receber as propinas e cometer corrupção e lavagem de dinheiro, infrações pelas quais, recebeu pena de nove anos e meio do “juízo a quo”, majorada para doze anos e um mês pelo “juízo ad quem”.

O mal do Político Profissional é achar que está acima da lei! O que se viu neste último fim de semana no ABC paulista, mais precisamente em São Bernado, foi mais uma vergonha internacional para o Brasil e uma prova inconteste que o sindicato dos metalúrgicos, ali sediado, opta pela baderna e pelo descumprimento da Lei e da Ordem.

Lula não merece o tratamento que está recebendo… Estão o tratando a pão de ló. Ainda sexta-feira próxima passada um primo seu foi assaltado e morto em Garanhuns! Espero que o meliante seja identificado e preso!
Mas, que deem ao mesmo, o tratamento suave oferecido ao Lula.

Afinal, Maria do Rosário e os demais asseclas do PT e dos Direitos Humanos, vão também alegar que os bandidos são vítimas da nossa sociedade opressora. O primo de Lula não deveria ter reagido ao assalto! Talvez assim não houvesse nenhuma família chorando!

Enfim, se prenderem o ladrão que assassinou o primo do Lula, ele não será nem Preso Político e nem Político Preso… E que Deus se apiede de suas costas e de seu futuro por ter atirado no primo do Lula em pleno bairro de Heliópolis na cidade de Garanhuns!

Como arremate, que se apure também a tentativa de homicídio praticada pelo tal “Maninho do PT” que em frente ao sindicato que homiziou Lula por mais de 24 horas, jogou um pobre manifestante no “para choque” de um caminhão e lhe causou traumatismo craniano, com risco de morte.

Uma lástima o Brasil que vivemos! Agora o caminho está aberto e outros figurões serão também Políticos Presos!

*Severino Melo – smelo2006@gmail.com – fone / zap 999727818 – para quem mandato não é emprego e política não é profissão.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro