2 de novembro de 2016 às 21h28min - Por Mário Flávio

As eleições municipais mais uma vez passaram e nos mostraram uma paixão social pela política em Caruaru. Os candidatos tiveram boas estratégias… Alegria e festejos do lado vencedor e a tristeza do lado perdedor. Comparável até mesmo com uma partida de futebol. Todas as propostas sugeridas ao longo dos quase dois meses de campanha fizeram as pessoas acreditar que apenas o estado é capaz de suprir as necessidades da sociedade, e que haverá “um salvador da pátria” que será eleito nesse ano, para fazer em quatro anos tudo que não foi feito até hoje. Essa busca incansável continua e a cada nova eleição fica mais concreto que esse ser iluminado não é real, que continuar acreditando e tentando depender do governo é um eterno erro.

Vemos mais uma vez uma campanha de antigos conhecidos da cidade. Candidatos que já disputam a prefeitura há vários anos, com exceção da candidata Raquel, que seria “sucessora” dos Lyra no “trono” da prefeitura. Os Lyra alternavam o poder desde 1959, com o grupo político Queiroz e Rodrigues Lacerda, totalizando mais alguns anos de hegemonia política nessa terra com tamanha capacidade de autonomia e crescimento.

Renovação foi uma palavra muito ouvida nesse ano, mas isso não é visto há muito tempo em Caruaru. Quanto maior é a crença da sociedade na política municipal, menores são as chances de haver realmente uma mudança que faça caruaru se desenvolver com a força e poder que o empreendedorismo dessa cidade é capaz.

Ao invés de buscarmos “seres iluminados” que façam na política uma mudança cultural na sociedade, busquemos autonomia. Busquemos pessoas que quebrem a burocracia do estado para facilitar a nossa vida, e apenas assim encontraremos um político que mudará realmente algo. Caso contrtário, viveremos eternamente a mercê dos sonhos e mentiras de uma classe seleta de pessoas, que continuam se perpetuando pela nossa cidade e deixando herdeiros para dar seguimento a estagnação social. É necessário haver mudança para que haja renovação.

*Gabriel Henrique é membro do Grupo Libertários Mandacaru


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro