Arthur Lira acerta fusão entre PP e União Brasil

Mário Flávio - 01.10.2022 às 17:28h

Arthur Lira anunciou, neste sábado (1º), que o Progressistas (PP) irá se fundir ao União Brasil, o que ampliará ainda mais o poder do partido de direita, nascido da fusão do Democratas com o PSL. A informação foi confirmada pela assessoria do parlamentar, atual presidente da Câmara.

Lira jantou nesta sexta-feira (30) com Antônio de Rueda, vice-presidente do União Brasil, para selar o acordo. Após a validação da fusão pelo Tribunal Superior Eleitoral, o União voltaria a ser a maior bancada da Câmara dos Deputados – hoje, ambos os partidos têm 109 deputados, número que certamente irá mudar com as eleições deste domingo (2).

A fusão, que chegou a ser negociada no ano passado, será fundamental para a disputa pela Presidência da Câmara, evitando a eleição de Roseana Sarney, candidata de Lula.

Também irá interferir no fundo eleitoral para 2026, quando o partido provavelmente será dono do maior quinhão. Maior bancada eleita em 2018 (quando ainda eram DEM e PSL), o União Brasil recebeu mais de R$ 750 milhões em fundão para este ano.