Após incêndio, Alepe entrega donativos para Lar Paulo de Tarso

Lucas Medeiros - 25.04.2023 às 18:05h
(Imagem: Divulgação)

Os donativos arrecadados pelos gabinetes dos deputados estaduais e por funcionários da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), em solidariedade às vítimas do incêndio no Abrigo Lar Paulo de Tarso, no Ipsep, ocorrido na semana passada, foram entregues, nesta terça-feira (26), no novo endereço temporário da instituição, localizado no Torreão. Dentre as doações estão gêneros alimentícios, material de limpeza, brinquedos, roupas, sapatos e móveis. A entrega do material contou com as participações do presidente da Alepe, deputado Álvaro Porto (PSDB), do 1º secretário deputado Gustavo Gouveia (Solidariedade) e de funcionários da Assembleia e representantes do abrigo.

O Lar Paulo de Tarso integra a rede de instituições parceiras do projeto ‘Alepe Acolhe’, que oferece qualificação profissional e estágio remunerado a jovens aptos à adoção. A iniciativa é uma parceria com o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE). Durante a visita, o presidente Álvaro Porto e o primeiro secretário Gustavo Gouveia conheceram as instalações da nova residência e conversaram com os representantes e crianças do abrigo. O local passou a se chamar Casa de Acolhimento Margareth Silva em homenagem a uma das cuidadoras que faleceu na durante o incêndio.

Para Gustavo Gouveia, momentos de tragédia reforçam a necessidade de união e mobilização do poder público. “Aproveito para prestar, mais uma vez, solidariedade às famílias das vítimas e agradecer aos servidores e colegas deputados que fizeram a sua parte. Fizemos um bom trabalho e continuaremos focados em ajudar no que estiver ao nosso alcance”, enfatizou.

Segundo Álvaro Porto a Alepe não poderia se furtar a ajudar no momento em que as pessoas mais precisam. “O trabalho coletivo é sempre mais acolhedor e traz mais resultados. A Assembleia terá sempre um olhar mais atento para aqueles que mais precisam. Num momento como aquele da tragédia, de luto e dor, nossa obrigação é acolher e prestar solidariedade”.

Segundo o diretor administrativo do Lar Paulo de Tarso, Gezsler Carlos West, a vinda dos donativos da Alepe chega em boa hora. “Essa iniciativa é maravilhosa. É a força do amor. A Assembleia nos procurou no primeiro momento da tragédia, fomos abraçados por deputados que se colocaram à disposição para ajudar“. Geo contou que uma criança do abrigo, ECMS, de 11 anos, chamou sua atenção, ao dizer após o incêndio que a vida é bela. “Essa criança não sorria, mas agora vive distribuindo sorrisos”, disse o administrador do abrigo. ECMS reforçou a fala de Geo. “O sorriso é a única coisa importante na vida da gente. Eu estava internada com minha irmã porque inalei muita fumaça. Sai do hospital e minha irmã deixará o hospital também. A vida é bela”, enfatizou.