8 de dezembro de 2017 às 23h42min - Por Mário Flávio

Do Blog de Inaldo Sampaio

O PSDB fará em Brasília, neste sábado (9), convenção nacional para eleger o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, presidente nacional do partido. Ele substituirá o senador Aécio Neves, que se afastou do cargo deste maio deste ano.

Segundo alguns sites do sul do país, trechos do discurso que Alckmin fará para os convencionais vazaram nesta sexta-feira e mostram que ele (governador) será duro com o ex-presidente Lula.

Exemplos:

a) “As urnas o condenarão pelos 15 milhões de empregos perdidos, pelos milhares de lojas fechadas, sonhos desfeitos e negócios falidos”.

b) “As urnas o condenarão pela frustração dos projetos de milhões de famílias levadas ao desespero, por ter sucateado o SUS e atentado contra a saúde de todos os brasileiros”.

Alckmin foi derrotado por Lula na eleição presidencial de 2006. Hoje, segundo o Datafolha, o petista tem 34% de intenções de voto, ante 6% do tucano.

Mesmo assim, Alckmin garante que irá derrotá-lo nas urnas por não acreditar que o Brasil vá eleger um “condenado” para presidente da República.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro