25 de janeiro de 2012 às 18h26min - Por Mário Flávio

Adjar Soares recebeu a notícia por meio do blog. Ele se mostrou tranquilo e disse que o partido ainda não foi informado sobre a decisão. “Soube por meio da imprensa. Conversei com o presidente estadual do PMDB, Dorany Sampaio, ele confirmou que a executiva estadual não foi notificada. Caso o partido seja notificado, iremos agir da mesma forma que antes, quando ele conseguiu uma liminar e o Tribunal cassou”, disse.

O peemedebista aposta na decisão do Tribunal Regional  para reverter o caso, mas disse que enquanto a Executiva estadual do partido não foi notificada, ele segue firme na presidência. O político explicou que após a notificação vai recorrer, ele acredita que o PMDB volta para a oposição em breve. “Acredito que é uma questão de tempo, para que possamos ter o partido de volta. O nosso direito é bom e tenho certeza que no fim, iremos sair com a vitória. O partido estava caduco em Caruaru, por isso recebemos o apoio de Dorany Sampaio e do senador Jarbas Vasconcelos”, ponderou.

Adjar aposta que a decisão final vai favorecer ao grupo e que o PMDB fica na oposição


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro