Queiroz volta a subir o tom contra Raquel e pede “desculpas por apoio a prefeita na eleição de 2016”

Em entrevista à Rádio Jornal na manhã desta sexta-feira (12) o ex-prefeito José Queiroz (PDT) voltou a subir o tom contra a atual prefeita Raquel Lyra (PSDB). Ele criticou a gestão e foi mais duro nas colocações que no fim de 2017, quando terminou a chamada “quarentena” sobre o primeiro ano de mandato da tucana.

“Eu não me arrependo, mas peço desculpas ao povo de Caruaru. Eu não imaginava que era uma prefeita tão fraquinha, tão fraquinha”, disse sobre o apoio a Raquel no segundo turno da eleição de 2016.

O ex-gestor ainda disse que não concorda com o empréstimo de R$ 83 milhões que a gestão atual tenta junto à Caixa. Para ele, Raquel é aliada do Governo Federal e poderia buscar esse dinheiro sem empréstimo. “Esse empréstimo não é bom para Caruaru, já até comentei com um vereador. Mas ela é aliada de Fernando Bezerra Coelho, Mendonça Filho, Bruno Araújo, então consiga esse dinheiro com Temer. Eu apenas com Wolney consegui muito mais”, disse.

Jornalista e blogueiro.