Lícius pesquisa projetos que aprovaram doação de repasses para clubes esportivos

Assim como a prefeitura de Caruaru também está se baseando em uma ação do Ministério Público do Rio Grande do Norte no município de Caicó, para ponderar sobre a doação do dinheiro da Câmara para o Central S.C., o presidente Lícius Cavalcanti (PCdoB) também parece ter feito sua lição de casa. Na Câmara Municipal de Caruaru, seus assessores pesquisaram casos semelhantes em que  municípios aprovaram a doação de repasses públicos para clubes esportivos, sem entrave algum.

Em consulta com o secretário Vicente Sabino, Lícius está se baseando especificamente em três documentos: um projeto de lei aprovado no município de Iporá, em Goiás, em maio de 2009, que firmou um convênio para prover despesas financeiras ao Iporá Esporte Clube; o resultado do processo analisado em agosto de 2007 pelo TCE-PE, que legitimou um convênio entre a Associação Educacional da Mata Sul, em Palmares, e um time de futebol local, e um processo do Tribunal Judiciário de Minas Gerais, julgado em outubro de 2011, que também legitimou um projeto de lei do município de Patos, para firmar convênio com de verbas públicas para clubes locais.

Para o recém chegado secretário de Relações Institucionais da Câmara, Lino Portela, esses documentos têm em comum o fato de levar em conta a importância cultural do esporte. “A justificativa parte de uma análise temporal, o Central S.C. pertence ao público de Caruaru, já que qualquer cidadão caruaruense pode fazer parte da direção do clube. Além disso o campo do Central é utilizada como ponto de evento para shows religiosos e mesmo para a realização do Festival de Fogueteiros e Baloeiros durante o São João de Caruaru. Há muito o Central transcendeu a relação de apenas torcedores”, esclarece. Além disso, Lino também citou que em contrapartida da doação do repassse para o clube, poderá ser discutida a utilização do da infraestrutura do Lacerdão para treinar clubes em eventos municipais, como os Jogos Escolares, o que estaria de acordo com o parágrafo único descrito na sucessão III, da Lei orgânica do município de Caruaru.

Lícius e seus assessores se baseiam na importância cultural do esporte

Trânsito pode ficar lento no Centro de Caruaru

O trânsito poderá ficar lento em algumas ruas do Centro, nesta sexta-feira, a partir das 16h, devido uma procissão promovida pela Diocese de Caruaru. Portanto, a Destra orienta os condutores a procurar rotas alternativas.

A Autarquia destaca tambem que, durante todo percurso agentes de trânsito estarão organizando o tráfego e Guardas Municipais darão um reforço na segurança.

A procissão sairá da Igreja Nossa Senhora da Conceição; passará na rua dos Expedicionarios; Rua Duque de Caxias; Rua Porto Alegre; Rua Dácio Esposito de Lima; Rua Doutor Germiniano Campos; Praça Nova Euterpe; Rua Vidal de Negreiros e Rua Cristóvão Colombo. A chegada será no Monte Bom Jesus.

O Brado Retumbante mexe com a cabeça dos políticos

A série veiculada na Rede Globo escancara as mazelas da política brasileira. Além disso, mostra como são costurados os acordos com os líderes de partidos. A série aborda ainda a questão do nepotismo e como essa prática faz mal a sociedade civil.

Alguns políticos criticam a exibição, para eles, existem exageros na trama, como a tentativa de assassinato ao presidente e o homicídio de um deputado. Os conchavos também são criticados, mas o fato da série ser veiculada em ano eleitoral é a principal reclamação.

No entanto, os políticos mais sonhadores gostam da postura do presidente e da tentativa do mesmo em moralizar a política. A série é muito bem produzida e serve para deixar a população mais atenta a respeito do cenário político no Brasil.

Juizado Especial Criminal de Caruaru tem salas cheias de aparelhos sonoros apreendidos

Com informações do MPPE

A atuação dos promotores de Justiça Henrique Ramos e Keyler Toscano no Juizado Especial de Caruaru tem apresentado bons resultados no combate à perturbação do sossego público no município, dentro da campanha “Som sim, barulho não”, do Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Graças a esse trabalho efetivo, de uns tempos para cá, quem costuma abrir o porta-malas de seu veículo em via pública de Caruaru e colocar o som no último volume corre o risco de ter o equipamento de som automotivo apreendido pela Polícia e ainda assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

De acordo com o promotor Henrique Ramos, a questão da poluição sonora está entre os três principais crimes levados ao Juizado Especial em Caruaru. “Temos quatro salas abarrotadas de aparelhos de som apreendidos nas operações policiais, o que significa que, com a ajuda das denúncias da população, o trabalho tem sido cumprido, com um combate diário em defesa da tranquilidade do povo caruaruense,” explicou.

As denúncias feitas pela população têm levado as Polícias Civil e Militar não só a cessar a poluição sonora no local, como também fazer a apreensão de toda a aparelhagem sonora e firmar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Em seguida, o Ministério Público realiza uma transação penal, pela qual o proprietário do som normalmente se compromete em realizar doações a instituições carentes, cadastradas junto ao Juizado Especial, já que se trata de crime de menor potencial ofensivo. Após os trâmites legais e comprovando que o aparelho de som lhe pertence, o proprietário pode receber o equipamento de volta.

Caso o proprietário do som seja reincidente, não terá mais o benefício da transação penal e será denunciado criminalmente à Justiça pelo Ministério Público.

Auditoria encontra falhas em verbas de Gabinete da Câmara de Jaboatão

Com informações do TCE

A Primeira Câmara do TCE, através de uma auditoria especial pertinente ao exercício de 2008,  na Câmara  Municipal de Jaboatão dos Guararapes, encontrou irregularidades na prestação de contas da verba de Gabinete dos seguintes vereadores: Edir Pinto Peres; Heraldo de Albuquerque da Selva Neto; e José Irton Alves dos Santos.
 
No Caso do vereador Edir Pinto Peres, não ficou comprovada a finalidade púbica das despesas com aquisição de combustíveis. E, segundo entendimento  do relator do processo, conselheiro Dirceu Rodolfo de Melo Júnior, a Câmara Municipal, deveria ter realizado a aquisição, através do processamento normal da despesa. Por esta razão, foi imputado ao edil, em co-responsabilidade com Maria do Socorro Neves Barbosa, a devolução aos cofres municipais da quantia de R$ 17.895,43.
 
Em relação ao vereador Heraldo de Albuquerque da Selva Neto, a irregularidade apontada foi relativamente a despesas com alimentação e aquisição de combustíveis. O relator aplicou o débito da seguinte forma:
 
1- Vereador Heraldo de Albuquerque da Selva Neto e Itapuan Mário Leonardi (funcionário da Câmara Municipal) débito de R$ 19.523,12 – relativamente a despesas indevidas  com combustíveis;
 
2- Vereador  Heraldo de Albuquerque da Selva Neto e Sebastiana Ferreira de Araújo (funcionária da Câmara) – débito de R$ 25.364,50, relativamente a despesas indevidas com alimentação e combustíveis.
 
Ao vereador José Irton Alves dos Santos e Rozelis Figueiroa de Souza foi determinada a devolução de R$ 29.705,06. Os motivos para a devolução foi que não ficou satisfatoriamente comprovada a finalidade pública das despesas.
 
O valor das multas deverá ser atualizado monetariamente a partir do primeiro dia do exercício financeiro subsequente ao das contas ora analisadas, segundo os índices e condições estabelecidos na legislação local, para atualização dos créditos da Fazenda Pública Municipal.

Miriam Lacerda usa twitter para se solidarizar com Jorge Quintino

A ex-deputada Miriam Lacerda (DEM) emitiu por meio do twitter os sentimentos ao ex-diretor de Meio Ambiente, Jorge Quintino(PMDB). O político perdeu o irmão gêmeo, que faleceu na madrugada de ontem. Por meio do microblog, a ex-deputada escreveu. “@MiriamLacerda25: Meus sentimentos ao amigo Jorge Quintino e família, neste momento de dor pela perda do irmão, jovem empresário que faleceu prematuramente.”

MAIS HOMENAGENS – Outros políticos também lamentaram a morte de Paulo Quintino. O secretário-geral do PMDB, Jeferson Paz, emitiu nota de apoio ao companheiro de partido. “Venho por meio dessa mensagem mostrar o nosso profundo sentimento com a morte do amigo e empresário Paulo Quintino, irmão do nosso grande amigo professor e empresário Jorge Quintino.Pedimos a Deus que console e fortaleça os familiares, parentes e amigos nessa hora tão árdua de suas vidas. Não podemos esquece: “Nunca compreendemos os planos de Deus em nossas vidas, mas Ele sempre tem o melhor para nós”.

O deputado federal Wolney Queiroz, que outrora foi aliado de Jorge Quintino, também emitiu nota de pesar pelo twitter. “@WolneyQueirozM: Minhas condolências à família de Jorge e Paulo Quintino. Esse último falecido prematuramente, nesta madrugada.”

Elba Ravane participa de reunião do Conselho da Mulher

A Secretaria Especial da Mulher participou na manhã desta quinta-feira, 19, da primeira reunião do Conselho Municipal da Mulher do ano. O encontro realizado na Casa de Cultura José Condé, no interior do Parque 18 de Maio, contou com a presença da secretária da mulher e também conselheira, Elba Ravane, que juntamente com as outras representantes das demandas femininas de Caruaru se reuniu para traçar o planejamento anual do conselho.

Na oportunidade, estiveram presentes as conselheiras eleitas em novembro do ano passado. O encontro teve como objetivos escolher três coordenadoras, duas da sociedade civil e uma representante do poder público, e uma secretária executiva entre a comissão de mulheres. Também como meta da reunião estava à formação de três comissões: para a elaboração do Plano Municipal de Políticas das Mulheres, para o Planejamento e Apresentação de Proposta para o dia 08 de março (Dia Internacional da Mulher) e por fim para Formação Continuada das próprias conselheiras, essa última tem por base possibilitar ações que amplifiquem o conhecimento das integrantes do Conselho Municipal da Mulher sobre as demandas das mulheres caruaruenses.

O calendário anual também foi estabelecido, o Conselho Municipal da Mulher terá encontros mensais para desenvolver suas atividades, os encontros serão na primeira quinta-feira de cada mês. Para a Secretária Especial da Mulher, Elba Ravane, as reuniões solidificam a autonomia do conselho e mantém o diálogo das mulheres de Caruaru com o conselho estadual e nacional. Elba definiu a maior meta do conselho como sendo “a construção coletiva do Plano Municipal de Políticas das Mulheres de Caruaru”. A Secretária ainda destacou a diversidade das integrantes que tem como propósito garantir que as mulheres locais sejam fielmente representadas.

Opinião: Quem me quer. Por Daniel Silva

O amor é dos mais antigos sentimentos humanos. Deve ter surgido há dezenas de milhares de anos, quando a necessidade de uns humanos por outros gerou o cuidado recíproco: era preciso cuidar para poder resistir a tudo. São várias as facetas do amor: amor materno/paterno, filial, fraternal, erótico-afetivo, caridade, amizade, enfim, diversos nomes e muita grandeza. Aqui, no entanto, pretendo abordar um dos aspectos do amor “romântico”, da paquera, do flerte… O amor tem história… e como tem… Penso, agora, nas declarações de amor do “Cântico dos Cânticos”, nas “Mil e Uma Noites”, nas palavras proferidas nos textos do teatro grego, no singelo amor de Dante por Beatriz ou mesmo no amor e reciprocidade de Julieta e Romeu…

Mas, e o que o amor tem a ver com esta coluna? Tudo! Acredito que os nossos leitures vão lembrar (ou já ouviram falar) do famoso “quem-me-quer”, o passeio de moças e rapazes na Festa do Comércio, na Caruaru de tempos saudosos… Era uma das três mais importantes festas da história caruaruense, juntamente com o Carnaval e o São João. Esta festa existiu, com este nome, entre os anos 1930 e 1990, tendo, anteriormente, o nome de Festa da Conceição (desde o final do século XVIII).

Nessa festa, que ocorria nos espaços próximos à Capela da Conceição (Praça Coronel João Guilherme e adjacências), havia carrosséis, barracas de comidas, bebidas, espaços de danças, jogos de azar. O Pastoril do Padre Zacarias animava a multidão e era destaque. O palco, com suas atrações locais e nacionais, atraía multidões da própria cidade e região.

E um capítulo especial era o tal “quem-me-quer” (também chamado, em tempos mais antigos, de “footing”, ou seja, o passeio, o desfile, no qual ocorria o flerte). Quantos casais surgiram do “quem-me-quer”? E, também, quantos devem ter terminado? Quantas mocinhas choraram ao verem seus “amores” passando, de mãos dadas, com outras garotas, a comerem algodão-doce ou uma “maçã-do-amor”? Quantos rapazes, por sua vez, voltaram para casa amargurados, perderam o sono, depois de verem suas pretendentes enamoradas de outros galanteadores?

No “quem-me-quer” havia a paquera, mas, também, o simples passeio de exibição das roupas e calçados novos, os penteados, os sorrisos, as poses, a teatralização de coisas, caras e bocas. Engana-se quem pensa que as barreiras sócio-econômicas atrapalhavam o flerte. Talvez, por preconceito das famílias abastadas, o romance não fosse à frente, pela falta de um “sobrenome” (como se o nome de família fizesse o Homem e a Mulher), mas, paquera acontecia sim!

Vale lembrar que as práticas, diferentes de hoje, não significam maior pureza ou melhores costumes, mas, sim, práticas daqueles tempos. Em vez do “ficar”, “ficar-ficando”, “ficar valendo”, “namorando sério” de hoje em dia, a paquera, o flerte ocorria com olhares, sorrisos, apertos de mão, roçadas de um braço no braço alheio. Não cabe pensar se era mais correto ou respeitoso que hoje, pois, cada momento tem suas formas de ser, agir e pensar. Apenas era… As coisas eram assim e foram transformadas no que são hoje. Agora, cabe, aos que viveram o “quem-me-quer”, lembrar das histórias, sorrir e comentar com os amigos…

Daniel Silva é Mestre em História

Trapalhadas de Agentes da Destra queimam a imagem da Autarquia

A Destra segue desenvolvendo um importante trabalho de organização do trânsito em Caruaru. A Autarquia segue firme no trabalho para fiscalizar e disciplinar o complicado trânsito da Capital do Forró. No entanto, a postura de alguns Agentes segue queimando a imagem da entidade e munindo a oposição, que encontra na Autarquia forças para aumentar o teor das críticas contra a atual gestão. O caso do carro estacionado em cima da calçada é mais um para ser somado ao problemas causados por Agentes ou Guardas de Trânsito, que são subordinados à Destra.

A direção da entidade já fez cursos, promoveu palestras e sempre proporciona capacitação para os servidores. Sem falar no criterioso treinamento, realizado pelos servidores, a partir do momento que foram aprovados no concurso público. Mas alguns, a minoria, é claro, seguem na contramão da Autarquia e promovem situações vexatórias, como é o caso registrado por toda imprensa pernambucana no dia de ontem.

O carro da Destra estava atravessado na calçada

Em Santa Cruz do Capibaribe, quatro políticos querem ser o vice de Edson Vieira

O clima eleitoral é quente em várias cidades do Agreste e Sertão de Pernambuco. No município de Santa Cruz do Capibaribe já teve até debate com os pré-candidatos a vice-prefeito. Situação estranha, já que as convenções começam apenas em junho. O debate foi realizada pela Rádio Vale AM, que tem a maior audiência naquela cidade. O curioso é que o programa foi com os quatro possíveis pré-candidatos a vice na chapa que pode ser encabeçada pelo deputado estadual Edson Vieira (PSDB). Na ocasião, estiveram presentes os vereadores Zezin Buxim (PSDB), Junior Gomes (PSB), o empresário José Rivaldo Mestre (PSB) e a única mulher a colocar o nome na disputa, Nara Leandro, que é conselheira tutelar no município.

Entre os temas debatidos, foram constantes as críticas à gestão do prefeito Toinho do Pará (PTB). Todos querem ser vice de Edson Vieira, devido a força do nome dele para as próximas eleições. Mesmo sendo do PSDB, o tucano tem uma relação próxima com o governador Eduardo Campos e deve contar com o apoio do também deputado Diego Moraes (PSB). Também pesa a favor dele, o desgaste do atual prefeito, que não deve se candidatar a reeleição.

Com informações do Blog do Melque

Os quatro aproveitaram o debate para criticar o atual prefeito. foto: G2