Associação defende lei federal para regular segurança em parques

Da Agência Brasil

Uma lei federal que regulamente a operação de parques de diversão é o que defende a Associação das Empresas de Parques de Diversões do Brasil (Adibra) para trazer mais segurança ao setor. “A partir do momento em que o poder constituído fizer isso, nós teremos uma segurança, mesmo nos parques menores, muito aumentada”, explica o presidente da entidade, Francisco Donatiello Neto.

Em parceria com a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a Adibra elaborou as regras para o setor, em um documento lançado em 2011. “São aproximadamente 300 páginas, aceitas internacionalmente. Nós estamos trabalhando agora para que os governos municipais assumam essas normas para a abertura de parques.” Mas o ideal, de acordo com ele, é que o padrão seja estabelecido nacionalmente. Assim, nenhum parque ficaria de fora da regulação. “Está faltando o Poder Público assumir as normas técnicas como lei”, defende.

Apesar de pedir que o setor seja regulamentado, Donatiello garante que as empresas brasileiras de parques trabalham de acordo com os padrões internacionais de qualidade. “Parques de diversões são lugares altamente seguros. Nós trabalhamos em perfeita sintonia com os fabricantes mundiais. Há alguns aparelhos com sistema de modem, que manda informações para os fabricantes.”

Donatiello critica o relatório da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, no qual 1.641 pessoas ficaram feridas em acidentes nos playgrounds e parques de diversões durante o ano passado. Foram, em média, 4,49 internações por dia em todo estado. “Eles estão colocando na mesma estatística todo e qualquer acidente em playground, que é um equipamento da municipalidade. Essa estatística está longe de ser verdade no que se refere a parques de diversão”, reclama.

O médico supervisor do Grupo de Resgate e Atendimento a Urgência (Grau), Gustavo Feriani, chegou a relacionar o alto número de acidentes na região de Campinas (76%) aos grandes parques instalados nas proximidades do município.

Donatiello reconhece que o Poder Público enfrenta dificuldades para fiscalizar os parques. O problema poderia, segundo ele, ser resolvido com a adoção das normas técnicas elaboradas pela Adibra. As regras exigem, por exemplo, que os parques apresentem periodicamente um laudo assinado por engenheiros, referendando a instalação dos brinquedos.

Em Vinhedo, na região metropolitana de Campinas, a prefeitura informou que solicita aos parques o alvará de funcionamento e o alvará prévio do Corpo de Bombeiros. A cidade abriga um dos maiores parques da América Latina, o Hopi Hari, onde em fevereiro um acidente matou uma adolescente de 14 anos.

Agenda – Miriam vai ao Recife para planejar a campanha

A candidata da Coligação Caruaru em Boas Mãos, Miriam Lacerda (DEM), tem o dia dedicado para planejar detalhes da campanha eleitoral. Ela vai ao Recife e participa de reunião sobre a campanha eleitoral. Segue a agenda completa da candidata.

9h – Gravação para o guia eleitoral

11h – Reunião com coordenação de campanha

14h – Viagem a Recife para acertar detalhes sobre a campanha

Agenda – Fábio José prioriza plano de governo

O candidato a prefeito pela Coligação Caruaru Pode Mais – Por um Socialismo de Verdade, Fábio José (PSOL), vai tirar o dia para debater o plano de governo. Ele tem uma importante reunião com o coordenador geral da campanha Zé Carlos Menezes. Segue a agenda completa do candidato.

Manhã
9h- Reunião com lideranças e o candidato a vereador Cássio no Bairro do Caiúca

11h- Reunião para discutir o Plano de Governo- no Escritório Político do coordenador geral Zé Carlos Menezes

Tarde
Reunião com equipe do Guia Eleitoral

À noite não haverá compromisso de campanha.

Agenda – Zé Queiroz concede entrevistas à emissoras de rádio

Candidato a reeleição pela Coligação Caruaru com a Força do Brasil, Zé Queiroz (PDT), tem mais um dia cheio. Nesta segunda, pela manhã, ele participa de entrevistas em emissoras de rádio. Ele ainda participa de plenárias e inaiguração de comitê de candidatos a vereador. Segue a agenda completa do candidato.

07h30 – Entrevista à Rádio Cultura

10h30- Entrevista à Rádio Liberdade

Local: Radio Liberdade

13h- Cerimônia de imissão de posse no assentamento Nova Serraria

Local: II Distrito

17h30- Reunião com coordenação da campanha

Local: Escritório político

19h- Inauguracao do comitê de Delrita (PRTB)

Local: Fernando Lyra

19h30- Plenária na Acic

Local: Sede da Acic (Centro)

Em caminhada do Salgado ao São João da Escócia, Miriam volta a criticar Saúde em Caruaru

A candidata a prefeita Miriam Lacerda (DEM), da coligação Caruaru em Boas Mãos, reuniu sua militância amarela e moradores do Salgado e do São João da Escócia em uma caminhada na noite desse sábado (11). O evento teve cerca de 2 km de percurso e, ao final, contou com discurso de candidatos a vereador pelas oposições, do deputado estadual Tony Gel (DEM), da candidata e seu vice, Diogo Cantarelli (PSDB), além da participação do deputado federal tucano Bruno Araújo.

No contexto

Aparecida Souza diz que reconstrução da Saúde em Caruaru já começou

Entrevista – Bruno Araújo: “Nosso time está em campo e a torcida começa a aparecer”

“A cada dia as ações de Miriam reúnem mais gente e contagiam mais a população, ela exerce uma liderança natural e vai representar inovação para a gestão de Caruaru”, citou Bruno. Já Miriam aproveitou seu discurso para criticar a infraestrutura urbana e atendimento na saúde. “A comunidade sofre com problemas de calçamento e saneamento nas ruas, mas nós vamos atender essas necessidades da população. Além disso, vamos reformar e ampliar as unidades de saúde do município, algo que não foi feito durante 3 anos e meio da gestão atual”, ressaltou a candidata.

Militância vermelha de Zé Queiroz tomou ruas do Santa Rosa no sábado (11)

A militância vermelha do candidato à reeleição Zé Queiroz (PDT), da coligação Caruaru com a Força do Brasil, tomou as ruas do bairro Santa Rosa na noite desse sábado (11). Com concentração na rua Capitão Dé, a caminhada seguiu pelas principais ruas da cidade e em discurso, o prefeito prestou contas das ações durante a atual gestão e voltou a destacar as ações municipais em parceria com os governos estadual e federal.

Caminhada se concentrou nas principais ruas do bairro

Agenda – Zé Queiroz grava para o guia neste domingo (12)

Depois de uma grande caminhada nas ruas do Santa Rosa, em Caruaru, na noite de sábado (11), o candidato à reeleição Zé Queiroz (PDT) tem uma agenda resumida na manhã deste domingo (12). Depois de gravar para o guia eleitoral, no Parque das Rendeiras, o prefeito participa de um culto religioso.
Manhã 
Grava para o guia

Culto religioso

Local: Rua do Mar, Santa Rosa

Em reunião com Sindloja, Fábio José propõe criação de centro gastronômico ou cultural na Feira da Sulanca

O candidato a prefeito de Caruaru Fábio José (PSOL) participou na noite de sexta (10) de reunião no Sindloja, em que apresentou propostas aos lojistas e ouviu da diretoria do Sindicato diversas sugestões e necessidades para um melhor funcionamento do comércio da cidade.

Entre as propostas apresentadas, estão: rever a lei que dirige as normas comerciais da cidade, que segundo o Sindicato está atrasada; revitalização do centro da cidade, com infraestrutura adequada ao porte e ao crescimento de Caruaru; mobilidade urbana para as ruas que cortam os principais pontos de comércio e serviços da cidade, observando os custos de estacionamento, engarrafamentos em dias de feira, a disponibilidade de uma via específica para transporte público, bem como a interligação dos bairros pelas linhas de ônibus; ciclovias; qualificação da mão de obra através da criação de uma secretaria específica para cuidar das empresas e incentivo à formalização.

Os representantes do Sindloja também questionaram quais as providências que Fábio tomaria em relação à Feira da Sulanca e ao Parque 18 de maio, caso eleito. A ideia do candidato é que, no local onde funciona a Feira da Sulanca, seja construído um centro de cultura ou um centro gastronômico. Sobre a segurança na feira, a proposta de Fábio é realizar um fórum para discutir medidas possíveis para mudar o quadro atual de assaltos e tráfico de drogas na região.

Fábio também apresentou proposta para revitalização do centro da cidade

 

Entrevista – Bruno Araújo: “Nosso time está em campo e a torcida começa a aparecer”

Bruno avalia de positivamente participação do PSDB nas majoritárias em PE – Crédito: George Gianni/ PSDB

O deputado federal Bruno Araújo, líder do PSDB na Câmara Federal, marcou presença em Caruaru, no comício realizado pela candidata a prefeita Miriam Lacerda (DEM) nos bairro São João da Escócia nesse sábado (11). Em entrevista ao blog, o tucano avaliou a parceria de Miriam e Diogo Cantarelli (PSDB) na chapa das oposições na cidade e também comentou sobre a expressividade de candidatos tucanos em outras cidades do Agreste Pernambucano, inclusive no que se refere às parcerias com o PSB em algumas chapas majoritárias. Ele falou ainda sobre a candidatura de Daniel Coelho e disse que o PSDB na capital está mostrando seu time nas ruas, assim como no restante do estado, apesar de o candidato ter aparecido com pouca expressividade nas últimas pesquisas de intenção de voto.

Que avaliação você faz das primeiras ações de campanha da candidata Miriam Lacerda?

São movimentos que tem empolgado a população em uma eleição que tem contagiado as pessoas. Miriam é uma mulher que assumiu uma liderança natural junto ao eleitorado de Caruaru e estamos muito confiantes no potencial, nas propostas e no compromisso dela com a população.

Diogo Cantarelli é uma figura jovem e relativamente inexperiente, pelo menos no que diz respeito a sair em uma disputa majoritária em Caruaru. Qual sua análise da participação dele no palanque de Miriam?

Isso gera um equilíbrio. Nós temos uma mulher candidata, forte e firme e temos uma liderança jovem que se aproxima e apresenta uma linguagem acessível e clara para a população jovem que tem dificuldade de se relacionar com a política. Nossa aposta é que essa aliança possa permitir algo de bom para o município de Caruaru, com inovação e compromisso.

A união do DEM e PSDB aqui em Caruaru aparenta ter se revelado de forma positiva entre o eleitorado da base das oposições.  Esse caso pode servir de exemplo para mostrar que em Recife deveria ter sido feito o mesmo?

Nós temos, na complexidade de ações nacionais, uma série de alianças importantes. A exemplo do que aconteceu aqui em Caruaru, isso se repete em Salvador, onde o PSDB apoia o amigo ACM Neto, como se repete em São Paulo onde o DEM apoia José Serra. São alianças nacionais que se consolidam. Às vezes por uma questão local ou por outro tipo de projeto não se pode caminhas junto, mas na grande maioria dos casos temos os dois partidos têm caminhado juntos nestas eleições.

Você apoia alguns candidatos do PSB na região, como Odon em Toritama. Qual o nível de receptividade que as parcerias de PSB  e PSDB tem tido regionalmente?

A relação entre os dois partidos se consolida em diversas cidades. Somos aliados em Belo Horizonte, em Curitiba, por exemplo. Em Toritama, onde o PSDB indicou o candidato a vice de Odon, a eleição deve confirmar uma virada. É um município onde assistimos inclusive em reportagem na Rede Globo, essa semana, que se trata de uma cidade rica, mas que deixa muito a desejar no que se refere a infraestrutura. A nosso objetivo é que em Toritama a unidade traga uma nova linha de governo para a população.

Em Caruaru Miriam Lacerda afirma que aposta no Orçamento Participativo como uma das metas do plano de governo. No entanto, a base de governo critica que isso se trata de uma política de esquerda que não pode ser sustentada por representantes de partidos de direita. Qual sua opinião sobre isso?

Acho que o povo deve definir pela política do bem. Esquerda, direita, do meio, do canto… Conheço muitos governos de esquerda que não fazem nada pela população, conheço governos de direita que também não cumprem sua expectativa com o povo. Pra mim o que vale é acreditar na melhoria de condições para a cidade e isso eu creio que Miriam vai fazer.

Qual sua avaliação sobre a candidatura de Daniel Coelho?

Ele é um jovem deputado que tem uma oportunidade de disputar uma eleição em uma legenda nacionalmente importante, a qual eu tenho a honra de liderar em Brasília, e ele tem tudo para fazer uma eleição que marca uma posição importante para o PSDB, que estava afastado das eleições  municipais há muitos anos no Recife. É o momento do partido se reencontrar com o eleitor da capital pernambucana.

Mas, você cita isso mesmo com a pouca expressividade de Daniel nas pesquisas?

Acho que eleição é igual a time de futebol. Se o time disputa campeonato tem torcida, se não disputa, tende a desaparecer. Entramos com nosso time em campo e a torcida começa a aparecer.

 

Tony Gel rebate Jorge Gomes: “O governo deles tem a marca da insensibilidade”

Durante comício realizado pela candidata a prefeita Miriam Lacerda (DEM) nos bairros Salgado e São João da Escócia, em Caruaru, nesse sábado (11), o deputado estadual Tony Gel (DEM) reservou seu discurso para falar sobre a saúde e sustentou mais uma vez o discurso de que a saúde durante suas gestões passadas foi melhor do que na administração atual do prefeito Zé Queiroz (PDT). Na verdade, as declarações do democrata serviram como respostas diretamente aos últimos pronunciamentos do prefeito e de seu vice, Jorge Gomes (PSB), que criticaram severamente o governo anterior. O vice-prefeito, aliás, disse que a oposição achincalha a saúde.

No contexto

Jorge Gomes: “Os irresponsáveis que não fizeram nada por oito anos achincalham a saúde”

“No nosso governo não faltava médico e a população contava PSFs e atendimento de qualidade. Nós queremos trazer isso de volta, pois a atual administração não atende a população carente e insiste em passar a imagem de que está tudo bem na saúde”, declarou o deputado. Em entrevista ao blog, o democrata foi mais direto sobre os comentários de Jorge Gomes e rebateu: “eu acho que ele não mora em Caruaru, porque por onde passamos, vemos que a maioria da população pede um melhor atendimento na saúde; ele deve estar fazendo pouco do povo e isso porque são insensíveis com a população, aliás, o governo deles tem a marca da insensibilidade”.