Artigo – Tratem a Educação com Educação, por favor! – por Nayara Sousa*

Em um momento de ascendente desvalorização da educação em nosso país, em especial em nosso município, lembro uma reflexão do Filósofo e educador Paulo Freire, quando diz que “Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda”. Como ansiar dias melhores, se a base de sustentação da sociedade não recebe o seu devido valor? Conseguimos visualizar nitidamente as lutas árduas e solitárias dessa categoria, que busca apenas o seu devido reconhecimento.

Em países de primeiro mundo como Cingapura e Coreia do Sul, por exemplo, a educação encontra-se no topo da hierarquia de prioridades. O professor é um dos profissionais mais valorizados, principalmente se esse atuar nas séries de formação básica, por compreender que o mesmo, tem fundamental papel na construção da nação e somente ele pode atuar diretamente no presente com garantia de frutos sólidos no futuro.

Quando olho a realidade brasileira e caruaruense, sinto como se estivéssemos andando na direção contrária do restante do mundo. Uma das profissões mais importantes, precisa incansavelmente lutar por um salário digno para sobreviver. Precisa declarar greve para talvez ser ouvida. Justamente esses profissionais que acordam todos os dias e encaram salas de aulas extremamente lotadas, muitas vezes com pouquíssimos recursos, em locais onde em sua maioria, não oferecem nem segurança própria. Sem contar que sendo os seus salários baixíssimos, os mesmos são levados a assumirem vários vínculos para conseguirem sustentar suas famílias.

Mas, diante da atual conjuntura relembro mais uma vez o que a muito tempo atrás Freire afirmava: Seria uma atitude ingênua esperar que as classes dominantes desenvolvessem uma forma de educação que proporcionasse às classes dominadas perceber as injustiças sociais de maneira crítica.
Em tempos de nova gestão, termino minha reflexão reafirmando que “é fundamental diminuir a distância entre o que se diz e o que se faz, de tal forma que, num dado momento, a tua fala seja a tua prática”. (Paulo Freire)

Tratem a Educação, com Educação, por favor!

*Nayara Souza é Pedagoga/ Enfermeira, Especialista em Saúde da Mulher e Professora Universitária e Docente da Escola de Saúde Pública do Governo

Reforma Trabalhista é tema de seminário nesta quarta-feira (26) em Caruaru

IMG_2513

Nesta quarta-feira (26), a OAB CARUARU promove o Seminário sobre ‘Temas Atuais do Direito do Trabalho e Processo do Trabalho’. O evento é um dos mais esperados pela classe, onde será debatida a Lei 13.429/2017 que trata sobre a Reforma Trabalhista proposta pelo governo federal.

Estarão presentes no seminário os advogados especialistas do direito do trabalho, Rodrigo Fernandes e Thiago de Lima, e a procuradora do trabalho do Ministério Público do Trabalho da 6ª Região, Débora Tito. O seminário será realizado no Auditório da Superintendência da Caixa Econômica Federal, ás 19h, no bairro Universitário.

Paulo Câmara almoça em Brasília nesta terça com o presidente Michel Temer

paulo-camara-foto-aluisio-moreira-sei

O governador Paulo Câmara viaja a Brasília nesta terça-feira (25) para participar de um almoço no Palácio da Alvorada com o presidente Michel Temer e governadores de vários estados para discutir as reformas trabalhista e previdenciária.

Temer pretende discutir com os governadores as mudanças que serão aplicadas aos servidores públicos estaduais e pedir o apoio a cada um deles para que ambas as reformas sejam aprovadas.

A reforma trabalhista deverá ser votada nesta quarta-feira (26) e a previdenciária no próximo mês de maio.

Segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se a reforma previdenciária entrasse na pauta desta semana correria o risco de ser derrotada porque o governo ainda não tem os 308 votos necessários à aprovação.

Por isso ele achou prudente adiar a votação para que o governo disponha de mais tempo para convencer mais parlamentares a abraçarem o texto do projeto.

Senador defende renúncia de Temer e a antecipação das eleições

Humberto Costa no Senado

O senador Humberto Costa (PT-PE) defendeu nesta segunda-feira (24), em Brasília, a renúncia do presidente Michel Temer (PMDB) e a antecipação das eleições para que o Brasil volte imediatamente à normalidade democrática.

Segundo ele, “só o povo será capaz, ao escolher os seus governantes, de trazer a recuperação do crescimento do país, com legitimidade e credibilidade”.

O petista disse também a tese de novas eleições é compartilhada, inclusive, por parlamentares de partidos governistas, como o senador Ronaldo Caiado (DEM-GO).

“É um movimento que vem tomando corpo a cada dia e, muito breve, teremos um manifesto nesse sentido. Não será esse governo incompetente, ilegítimo e despreparado que será capaz de construir o futuro do país. Até os políticos mais conservadores, como Caiado, reconhecem a situação e já se manifestaram publicamente. Só teremos uma luz no fim do túnel para voltarmos a ser o que fomos recentemente com a saída de Michel Temer e a realização de novas eleições”, disse o líder da oposição no Senado.

Ministros que têm mandato serão exonerados para votarem a favor da reforma previdenciária

mendonca_filho_foto_sidney_lins_junior

O presidente Michel Temer decidiu exonerar todos os 12 ministros que são deputados licenciados para que possam votar a favor da reforma previdenciária (PEC 287/16) no próximo mês de maio. No dia seguinte eles retornarão aos seus cargos.

A decisão do presidente foi anunciada pelo ministro-chefe da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, após despacho com ele no Palácio do Planalto.

De Pernambuco serão exonerados os ministros Mendonça Filho (Educação), Bruno Araújo (Cidades), Raul Jungmann (Defesa) e Fernando Filho (Minas e Energia).

“O governo vai jogar todas as forças no sentido da aprovação da reforma da Previdência”, declarou Mendonça Filho, acrescentando que sem ela “o Brasil vai afundar”.

PSB proíbe seus 35 deputados de votar por reforma da Previdência

carlos-siqueira

A cúpula do PSB “fechou questão”, como se diz no vocabulário político, contra as reformas trabalhista e da Previdência. Isso significa que os deputados do partido poderão ser punidos caso votem a favor das mudanças.

Trata-se da 1ª legenda governista a se posicionar formalmente contra os principais projetos do Planalto. Houve uma reunião no final da tarde desta segunda-feira (24) entre caciques do partido.
A reforma da Previdência teve rejeição maior do que a trabalhista.

Foram 20 votos de oposição contra 5 favoráveis às mudanças no sistema de aposentadorias. As mudanças nas leis que regem as relações de trabalho foram rejeitadas por 20 votos a 7.

O PSB ocupa 1 ministério importante na Esplanada, o das Minas e Energia. O titular é o deputado Fernando Coelho Filho, que é contra a decisão do PSB. Em tese, partidos que têm representantes no 1º escalão do governo devem fidelidade ao governo nas votações prioritárias.

Mais cedo, o presidente do partido, Carlos Siqueira, havia dito a prefeitos da sigla em Brasília o seguinte: “O problema de cargo não nos preocupa. Nós não pedimos o ministério e nenhum único cargo no governo”.

No discurso, Siqueira criticou as reformas de Temer, dando uma pista do que seria a decisão do partido no final da tarde.

Marqueteiros dizem ao TSE que Dilma sabia de caixa 2 na campanha de 2014

dilma

Do G1

A marqueteira Monica Moura disse na ação do TSE que julga a cassação da chapa Dilma-Temer que discutiu diretamente com a ex-presidente pagamentos de caixa um e caixa dois na campanha de 2014.

Segundo depoimento de Monica, a conversa com Dilma aconteceu no Palácio do Planalto. Depois, a marqueteira foi encaminhada para acertar pagamentos por fora com o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega.

Mantega encaminhou, então, a marqueteira para a Odebrecht, que cuidou dos pagamentos por fora.

João Santana também falou na ação do TSE.

Diferentemente do que aconteceu na campanha de 2010, Dilma teria dito ao marqueteiro que ela cuidaria da campanha de 2014.

Segundo os marqueteiros, foram cobrados R$ 105 milhões na campanha de 2014 pelos serviços prestados pela dupla: R$ 70 milhões declarados e R$ 35 milhões por caixa dois.

Mas eles não teriam recebido todo o valor por fora.

Nas contas dos marqueteiros, dos R$ 35 milhões do caixa dois eles dizem ter recebido cerca de R$ 10 milhões.

Motivo: a Lava Jato.

O relato dos marqueteiros registra que o valor seria pago em 2015, mas, com o avanço das investigações da Lava Jato, o pagamento foi sendo adiado.

Com a prisão de Marcelo Odebrecht, a situação complicou ainda mais. E o responsável pelo setor de propinas da construtora Fernando Migliaccio, foi transferido do Brasil. Era Migliaccio o responsável por pagar a marqueteira.

Desta forma, afirmam os marqueteiros, a Odebrecht não pagou o que faltava.

Vereador defende privatização do Aeroporto de Caruaru

WhatsApp Image 2017-04-24 at 11.34.45

Foi realizada na manhã desta segunda-feira (24) a audiência pública que trouxe de volta o debate a respeito da requalificação do Aeroporto Oscar Laranjeira em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A iniciativa partiu do vereador Alberes Lopes (PRP), que recebeu, na Câmara Municipal, a população, poder público, setor empresarial e sociedade civil organizada para uma discussão qualificada e ampliada sobre o equipamento.

De acordo com Alberes Lopes, o próximo é pedir agilidade aos Governos Estadual e Municipal em prol do funcionamento e reestruturação do aeroporto para voos comerciais em Caruaru, que irá beneficiar o desenvolvimento de toda Região Agreste. “Vamos tratar o aeroporto de Caruaru como uma prioridade. Nesta terça-feira (25), estaremos levando um relatório para o secretário de transportes de Pernambuco, Sebastião Oliveira, para solicitar agilidade no processo de privatização do aeroporto. As companhias aéreas como a Azul e a Gol já demonstraram interesse em operar em Caruaru. Paralelamente, estaremos cobrando a prefeitura que faça sua parte no entorno do terreno do aeroporto”, explicou Alberes.

O secretário de Turismo, Esporte e Laser de Pernambuco, Felipe Carreiras, não pode participar, mas enviou uma mensagem de aprovação pelo engajamento do vereador Alberes em retonar com o tema do aeroporto. “Parabéns ao vereador Alberes Lopes pela iniciativa, porque sabemos da fundamental importância a volta do funcionamento do aeroporto para o desenvolvimento econômico de Caruaru, que é uma cidade vocacionada para o turismo, que faz parte do Polo de Confecções do Agreste, sendo uma das principais cidades do interior de Pernambuco. Contem com a Secretaria de Turismo e com a Secretaria de Transporte do Estado, porque em breve estaremos comemorando”, disse o secretário.

Participaram da audiência pública o diretor-presidente da Destra, Cel Hermes, o presidente do Conselho Municipal de Transito de Caruaru (Comut), Ricardo Henrique, ex-administrador do Aeroporto Oscar Laranjeira, Rui Siqueira, o ex-diretor da companhia aérea BRA, George Bastos, o idealizador do ‘Voo panorâmico do forró’, Edson Rosal, representantes do setor empresarial, proprietários dos hangares do aeródromo, vereadores, imprensa e sociedade no geral.

Como resultado, nos próximos dias será elaborado um documento com todas as informações apresentadas e debatidas, que será entregue a todos os participantes e especialmente ao Governo Estadual, que ficará responsável por repassar para a iniciativa privada.

Aeroporto Oscar Laranjeira/Caruaru – Atualmente, o Aeroporto Oscar Laranjeira, em Caruaru, possui com uma escola de formação de pilotos, hangares particulares, uma fábrica de aviões, oficina para aeronaves, posto de abastecimento de aeronaves, e alguns outros serviços.

Eleitor que não votou nas últimas eleições tem uma semana para regularizar situação

O eleitor, que não votou e não justificou a ausência nas três últimas eleições ou não pagou as multas correspondentes, tem até 2 de maio para regularizar sua situação perante a Justiça Eleitoral. Após essa data, uma semana de prazo restante, os eleitores nessa condição que não estiverem regulares, correm o risco de ter o título cancelado.

Em todo o país, mais de um milhão de eleitores (1.897.640) estão com seus títulos irregulares por ausência nas três últimas eleições. Na cidade de São Paulo (SP), esse número chega a 118.837 eleitores, no Rio de Janeiro (RJ) o total é de 119.734, em Belo Horizonte (MG) são 26.570, em Salvador (BA) esse número é de 31.263, e em Porto Alegre (RS) 18.782. Para conferir todos os municípios, clique aqui.

A legislação considera cada turno de votação um pleito em separado para efeito de cancelamento de título. O cancelamento automático do título de eleitor ocorrerá de 17 a 19 de maio de 2017.

O parágrafo 6º do Provimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nº 1/2017 estabelece que “será cancelada a inscrição do eleitor que se abstiver de votar em três eleições consecutivas, salvo se houver apresentado justificativa para a falta ou efetuado o pagamento de multa, ficando excluídos do cancelamento os eleitores que, por prerrogativa constitucional, não estejam obrigados ao exercício do voto”.

Assim, os eleitores com voto facultativo (analfabetos, eleitores de 16 a 18 anos incompletos e maiores de 70 anos) ou com deficiência previamente informada à Justiça Eleitoral não necessitam comparecer ao cartório para regularizar a sua situação.

O que levar

Para fazer a regularização, o eleitor deverá apresentar no cartório eleitoral documento oficial com foto, comprovante de residência e, se possuir, título eleitoral e os comprovantes de votação, de justificativa ou de quitação de multa.

Pesquisa

O cidadão pode consultar sua situação perante a Justiça Eleitoral por meio de pesquisa na aba Eleitor no link “Consulta por nome”, entre outros tópicos, localizada na barra verde superior da homepage do Portal do TSE ou no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do estado. Pode ainda ir ao cartório eleitoral e solicitar essa informação.

Maciel Melo na homenagem a Magno Martins em Caruaru

magno O cantor Maciel Melo vai também prestar homenagem ao novo cidadão de Caruaru, jornalista Magno Martins. Confirmou sua presença na solenidade de entrega do título, na próxima quarta-feira, as 20 horas, no plenário da Câmara de Vereadores. O talentoso forrozeiro, uma das estrelas na novela Velho Chico, da TV Globo, dará uma canja especial soltando a sua voz com a sua viola inseparável.

A cidadania caruaruense a Magno Martins, que edita o blog do Magno e apresenta o programa Frente a Frente, é de autoria do ex-vereador Diogo Cantarelli, tendo sido aprovada por unanimidade pelo plenário da Casa. Magno será homenageado também com a Medalha de Honra ao Mérito Jornalista José Carlos Florêncio, proposta pelo vereador Jaelcio Tenório.