Representantes de bancos vão se reunir com o Procon/PE nesta sexta-feira

Pedro-Eurico-foto-divulgação-Alepe

Atendendo a um chamamento do secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, representantes de bancos que tiveram agências explodidas em Pernambuco nos últimos meses vão se reunir nesta sexta-feira (17), na sede do Procon/PE, no Recife, para discutir alternativas para o enfrentamento do problema.

Foram convidados representantes dos Bancos do Brasil, Santander, Itaú, Caixa Econômica Federal e Bradesco. Eles deverão comprovar ao Procon que estão tomando as medidas necessárias para a reabertura das agências que foram explodidas pelos bandidos.

A convocação foi feita por meio de medida acautelatória assinada pelo secretário na semana passada. Foi dado um prazo de cinco dias aos bancos, que expirou no último dia 12, para que as agências fossem reabertas, mas eles não tomaram conhecimento desta exigência.

Para fiscalizar o cumprimento da medida, fiscais do Procon visitaram 13 cidades pernambucanas que tiveram agências explodidas nos últimos meses.

Foram elas: Abreu e Lima, Goiana, São Vicente Férrer, Glória do Goitá, Amaraji, Barreiros, Ipojuca, Sirinhaém, Betânia, Capoeiras, Lajedo, Terra Nova e Verdejante.

A fiscalização constatou que o Banco do Brasil de São Vicente Férrer e Porto de Galinhas continuam fechados. Já em Goiana, Glória do Goitá, Amaraji, Barreiros e Sirinhaém, o BB está atendendo à população apenas de forma parcial.

Jornalista e blogueiro.