Pesquisa Datafolha para presidente: Bolsonaro, 35%; Haddad, 22%; Ciro, 11%; Alckmin, 8%; Marina, 4%

Do G1

O Datafolha divulgou nesta quinta-feira (4) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. A pesquisa ouviu 10.930 eleitores nesta quarta-feira (3) e na quinta (4). 

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos. 

Nos votos totais, os resultados foram os seguintes: 

  • Jair Bolsonaro (PSL): 35%
  • Fernando Haddad (PT): 22%
  • Ciro Gomes (PDT): 11%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 8%
  • Marina Silva (Rede): 4%
  • João Amoêdo (Novo): 3%
  • Alvaro Dias (Podemos): 2%
  • Henrique Meirelles (MDB): 2%
  • Cabo Daciolo (Patriota): 1%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 0%
  • Vera Lúcia (PSTU): 0%
  • João Goulart Filho (PPL): 0%
  • Eymael (DC): 0%
  • Branco/nulos: 6%
  • Não sabe/não respondeu: 5%

Acima, nos votos totais, são considerados os votos brancos e nulos e o percentual dos eleitores que se declaram indecisos. 

Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado na terça-feira (2): 

Bolsonaro passou de 32% para 35%; 

Haddad foi de 21% para 22%; 

Ciro se manteve com 11%; 

Alckmin foi de 9% para 8%; 

Marina se manteve com 4%; 

Os indecisos se mantiveram em 5% e os brancos ou nulos, de 8% para 6%. 

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto. 

  • Jair Bolsonaro (PSL): 39%
  • Fernando Haddad (PT): 25%
  • Ciro Gomes (PDT): 13%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 9%
  • Marina Silva (Rede): 4%
  • João Amoêdo (Novo): 3%
  • Henrique Meirelles (MDB): 2%
  • Alvaro Dias (Podemos): 2%
  • Cabo Daciolo (Patriota): 1%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 1%
  • Vera Lúcia (PSTU): 0%
  • João Goulart Filho (PPL): 0%
  • Eymael (DC): 0%

O Instituto também perguntou: “Em quais desses candidatos você NÃO VOTARÁ de jeito nenhum NO DOMINGO QUE VEM?”

Neste levantamento, portanto, os entrevistados podem citar mais de um candidato. Por isso, os resultados somam mais de 100%. 

  • Bolsonaro: 45%
  • Haddad: 40%
  • Marina: 28%
  • Alckmin: 24%
  • Ciro: 21%
  • Meirelles: 15%
  • Boulos: 14%
  • Cabo Daciolo: 14%
  • Vera: 13%
  • Alvaro Dias: 13%
  • Eymael: 12%
  • Amoêdo: 11%
  • João Goulart Filho: 11%
  • Não votaria em nenhum: 2%
  • Poderia votar em todos: 2%
  • Não sabe/não respondeu: 4%

Simulações de segundo turno

  • Bolsonaro 44% x 43% Haddad (branco/nulo: 10%; não sabe: 2%)
  • Ciro 48% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 9%; não sabe: 2%)
  • Alckmin 43% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 13%; não sabe: 2%)
  • Alckmin 42% x 38% Haddad (branco/nulo: 17%; não sabe: 3%)
  • Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Entrevistados: 10.930 eleitores
  • Quando a pesquisa foi feita: 3 e 4 de outubro
  • Registro no TSE: BR- 02581/2018
  • Nível de confiança: 95%
  • Contratantes da pesquisa: TV Globo e “Folha de S.Paulo”

TRE de Pernambuco reforma sentença e absolve Hélio dos Terrenos

Nesta quinta-feira (4) por unanimidade de votos, o pleno Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco reformou a sentença que havia decretado a inelegibilidade do prefeito de Belo Jardim, Hélio dos Terrenos (PTB). Para o relator, não houve elementos que pudesse manter condenação e todos os desembargadores do TRE seguiram pela neste sentido, terminando em 7 a 0.

Pesquisa Datafolha para o Senado em Pernambuco: Jarbas, 38%; Humberto, 34%; Mendonça, 25%

Do G1 PE

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (4) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado em Pernambuco: 

O Datafolha também realizou o levantamento da disputa pelo governo do estado de Pernambuco. 

  • Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 1.482 eleitores em 59 municípios, com 16 anos ou mais
  • Quando a pesquisa foi feita: 3 e 4 de outubro
  • Registro no TSE: PE-05100/2018
  • Contratantes da pesquisa: TV Globo e Folha de S.Paulo
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

Pesquisa Datafolha em Pernambuco: Paulo Câmara, 42%; Armando Monteiro, 28%

Do G1 PE

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (4) aponta os percentuais de intenção de voto para o governo de Pernambuco. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. 

Veja os números da pesquisa estimulada, considerando todas as intenções de voto, inclusive as respostas dos eleitores que se declaram indecisos ou que votariam em branco ou nulo: 

A candidata Ana Patrícia Alves anunciou, na terça-feira (2), que retirou a candidatura ao governo de Pernambuco. 

Evolução dos votos totais

Em relação ao levantamento anterior, divulgado na sexta-feira (28): 

  • Paulo Câmara foi de 38% para 42%
  • Armando Monteiro foi de 30% para 28%
  • Dani Portela foi de 2% para 3%
  • Julio Lossio se manteve com 3% 
  • Maurício Rands se manteve com 3%
  • Ana Patrícia Alves se manteve com 1%
  • Simone Fontana se manteve com 1%
  • Branco/nulo/nenhum foi de 16% para 15% 
  • Não sabe foi de 6% para 4%

Veja, abaixo, o resultado da pesquisa Datafolha considerando apenas os votos válidos. Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto. Veja os índices: 

  • Paulo Câmara (PSB): 52%
  • Armando Monteiro (PTB): 35%
  • Dani Portela (PSOL): 4%
  • Julio Lossio (Rede): 4%
  • Maurício Rands (Pros): 3%
  • Ana Patrícia Alves (PCO): 2%
  • Simone Fontana (PSTU): 1%

A Datafolha também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome, por isso, os resultados somam mais de 100%. Veja os índices: 

  • Paulo Câmara (PSB): 32%
  • Armando Monteiro (PTB): 32%
  • Dani Portela (PSOL): 26%
  • Ana Patrícia Alves (PCO): 25%
  • Julio Lossio (Rede): 24%
  • Simone Fontana (PSTU): 24%
  • Maurício Rands (PROS): 24%
  • Rejeita todos/não votaria em nenhum: 8%
  • Votaria em qualquer um/não rejeita nenhum: 3%
  • Não sabe: 6%

A Datafolha apresentou cenário para o segundo turno com os dois primeiros colocados. Veja: 

  • Paulo Câmara (PSB): 46% x 36% Armando Monteiro (PTB) (branco/nulo: 16%; não sabe: 3%)
  • Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
  • Quem foi ouvido: 1.482 eleitores em 59 municípios, com 16 anos ou mais
  • Quando a pesquisa foi feita: nos dias 3 e 4 de outubro
  • Registro no TSE: PE-05100/2018
  • Contratantes da pesquisa: TV Globo e Folha de S.Paulo
  • O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

Um clássico na eleição 2018: quem terá mais votos: Zé Queiroz ou Tony Gel?

A eleição desse ano traz um embate histórico para a política de Caruaru. Pela primeira vez os ex-prefeitos Tony Gel e Zé Queiroz se enfrentam numa disputa. Os dois concorrem ao mandato de deputado estadual e têm a chance pela primeira vez de medir as forças num mesmo espectro eleitoral.

O retrospecto eleitoral mostra que desde 1988, quando Tony entrou na política, nunca colocou ambos com esse tipo de disputa. Vale a pena relembrar a história e fazer as apostas…

Eleição para prefeito de 1988: Tony Gel perde para João Lyra Neto, que foi apoiado por Zé Queiroz;

Eleição de 1990: Tony Gel disputou para deputado federal e foi eleito e Zé Queiroz para Senador, perdendo para Marco Maciel;

Eleição de 1992: Disputa para prefeito. Tony Gel não disputou e Zé Queiroz venceu;

Eleição de 1994: Tony Gel foi reeleito deputado federal e Zé Queiroz não disputou, já que exercia o cargo de prefeito;

Eleição de 1996 para Prefeito: Tony Gel perdeu Para João Lyra Neto e Zé Queiroz apoiou Adolfo José;

Eleição de 1998: Tony Gel foi reeleito deputado federal e Zé Queiroz ganhou para Estadual;

Eleição de 2000: Tony Gel é eleito contra Jorge Gomes, que foi apoiado por Zé e João Lyra;

Eleição de 2002: Tony Gel não disputou e Zé Queiroz foi reeleito deputado estadual;

Eleição de 2004: Tony Gel reeleito prefeito contra João Lyra Neto, que foi apoiado por Zé;

Eleição de 2006: Tony Gel não disputou e Zé Queiroz foi reeleito Estadual;

Eleição de 2008: Tony Gel é eleito vereador e Zé Queiroz vai para o terceiro mandato como prefeito de Caruaru;

Eleição de 2010: Tony Gel eleito Estadual e Zé Queiroz não disputa, exercia o mandato de prefeito;

Eleição de 2012: Tony Gel não disputou e Zé Queiroz reeleito prefeito pela quarta vez;

Eleição de 2014: Tony Gel reeleito Estadual e Zé Queiroz não disputa, exercia a função de prefeito;

Eleição de 2016: Tony Gel perde a eleição para prefeito para Raquel Lyra, que é apoiada por Zé Queiroz no segundo turno;

Eleição de 2018: pela primeira vez na história Tony Gel e Zé Queiroz concorrem diretamente. Quem terá mais votos?

Por unanimidade, TRE decide pela manutenção da candidatura de Júlio Lossio ao governo

O candidato ao governo de Pernambuco pela Rede, Júlio Lossio, obteve uma grande vitória no Tribunal Regional Eleitoral. Por unanimidade em 7 votos a 0, os Desembargadores negaram o pedido da direção nacional do partido para que a candidatura de Lossio fosse retirada.

Com isso, o ex-prefeito de Petrolina segue com o direito de disputar o pleito no próximo domingo (7).

MPF pede condenação de Lula à prisão no caso do Instituto Lula

Do Antagonista

Nas alegações finais da ação penal envolvendo o Instituto Lula e um apartamento em São Bernardo do Campo apresentadas hoje, o Ministério Público Federal pede a condenação de Lula, seu advogado Roberto Teixeira, o ex-ministro Antonio Palocci, Marcelo Odebrecht e outras quatro pessoas envolvidas, informa Bruna Narcizo na Folha.

“O MPF também pede que seja decretado o perdimento do apartamento 121, vizinho ao dúplex onde Lula mora em São Bernardo, e o pagamento de R$ 75 milhões – valor correspondente ao total da porcentagem da propina paga pelo Grupo Odebrecht, segundo as investigações.”

Os procuradores da Lava Jato pedem “a determinação de regime fechado para o cumprimento inicial das penas para Lula, Antonio Palocci, Branislav Kontic, Marcelo Odebrecht, Paulo Ricardo Baqueiro de Melo, Demerval de Souza Gusmão Filho, Glauco da Costamarques e Roberto Reixeira”.

Mendonça Filho faz caminhada no Ceasa ao lado de Armando

Na reta final de campanha o candidato ao Senado pela coligação Pernambuco Vai Mudar, Mendonça Filho, iniciou esta quinta-feira (04/10), com uma caminhada pelo Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa-PE), ao lado dos candidatos ao governo, Armando Monteiro, e ao Senado, Bruno Araújo. Durante todo o percurso Mendonça recebeu declarações de apoios de comerciantes e clientes. “Foi um início de manhã maravilhoso, neste contato com a população que me recepciona sempre com um carinho imenso”, declarou Mendonça.

A comerciante Iris Nascimento, que trabalha há 7 anos no Ceasa, fez foto com Mendonça e declarou seu voto. “O trabalho dele é muito bacana, Mendonça é um homem trabalhador”, pontuou.

Já o vendedor de pimentões Givaldo Nunes quando avistou Mendonça de longe já gritou “o senhor está eleito. Aqui sou Mendonça” e ainda completou, “sempre votei em Mendonça. Ele é um cara simples e que sabe trabalhar. Sempre foi muito atuante. É a melhor opção”, finalizou.

No encerramento da caminhada, o candidato foi parado por um cliente do Centro de Abastecimento, Edvaldo Silvestre, que é morador de Camaragibe e pediu material de campanha de Mendonça para distribuir entre familiares e amigos. “Você é um homem decente, ficha limpa e que faz muito bem seu trabalho. Conheço e gosto de sua trajetória e lá em casa todos vão votar no senhor”, disse Edvaldo para Mendonça.

Raquel realiza caminhada em Caruaru nesta quinta (04)

Faltando apenas três dias para a eleição de domingo (07), Raquel Lyra realizará, na tarde desta quinta-feira (04), a caminhada denominada de “O melhor para Caruaru”, com a participação dos candidatos a deputado federal e estadual Daniel Coelho e Priscila Krause – respectivamente. A concentração será a partir das 15h, na Estação Ferroviária.