Pesquisa Datafolha para presidente: Bolsonaro cresce e vai a 32%; Haddad, 21%; Ciro, 11%; Alckmin, 9%; Marina, 4%

Do G1

O Datafolha divulgou nesta terça-feira (2) a mais nova pesquisa de intenção de voto para presidente. O levantamento foi contratado pelo jornal “Folha de S. Paulo”.

Segundo o Datafolha, Jair Bolsonaro (PSL) cresceu quatro pontos percentuais e ultrapassou, pela primeira vez em pesquisa do instituto, a barreira dos 30% e abriu vantagem sobre o segundo colocado, Fernando Haddad (PT), que parou de subir.

O nível de confiança da pesquisa é de 95% – o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro, que é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Vamos aos números:

Jair Bolsonaro (PSL): 32%
Fernando Haddad (PT): 21%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 9%
Marina Silva (Rede): 4%
João Amoêdo (Novo): 3%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Alvaro Dias (Podemos): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 2%
Guilherme Boulos (PSOL): 0%
João Goulart Filho (PPL): 0%
Eymael (DC): 0%
Vera Lúcia (PSTU): 0%
Branco/nulos: 8%
Não sabe/não respondeu: 5%
Em relação ao levantamento anterior do instituto, divulgado na sexta-feira (28):

Jair Bolsonaro passou de 28% para 32%;

Haddad foi de 22% para 21%;

Ciro sem manteve com 11%;

Alckmin foi de 10% para 9%;

Marina passou de 5% para 4%;

Os indecisos se mantiveram em 5% e os brancos ou nulos, de 10% para 8%.

Rejeição

O Instituto também perguntou: “Em quais desses nomes ___________ você não votaria de jeito nenhum no primeiro turno da eleição para presidente deste ano? E qual mais?”

Neste levantamento, portanto, os entrevistados podem citar mais de um candidato. Por isso, os resultados somam mais de 100%.

Os resultados foram:

Bolsonaro: 45%

Haddad: 41%

Marina: 30%

Alckmin: 24%

Ciro: 22%

Meirelles: 15%

Boulos: 15%

Cabo Daciolo: 14%

Alvaro Dias: 13%

Vera: 13%

Eymael: 12%

Amoêdo: 12%

João Goulart Filho: 11%

Rejeita todos/ não votaria em nenhum: 3%

Votaria em qualquer um/ não rejeita nenhum: 1%

Não sabe: 4%

Simulações de segundo turno
Ciro 42X% x 37% Alckmin (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 41% Bolsonaro (branco/nulo: 14%; não sabe: 2%)

Ciro 46X% x 42% Bolsonaro (branco/nulo: 10%; não sabe: 2%)

Alckmin 43% x 36% Haddad (branco/nulo: 19%; não sabe: 2%)

Bolsonaro 44% x 42% Haddad (branco/nulo: 12%; não sabe: 2%)

Ciro 46X% x 32% Bolsonaro (branco/nulo: 20%; não sabe: 2%)

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos

Entrevistados: 3.240 eleitores em 225 municípios

Quando a pesquisa foi feita: 2 de outubro

Registro no TSE: BR-03147/2018

Nível de confiança: 95%

Contratantes da pesquisa: “Folha de S.Paulo”

Pesquisa Ibope para o Senado em Pernambuco: Humberto, 33%; Jarbas, 33%; Mendonça, 20%

Do G1 Pernambuco

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado em Pernambuco:

Humberto Costa (PT): 33%
Jarbas (MDB): 33%
Mendonça Filho (DEM): 20%
Silvio Costa (Avante): 11%
Bruno Araújo (PSDB): 9%
Pastor Jairinho (Rede): 5%
Adriana Rocha (Rede): 2%
Eugênia (PSOL): 2%
Hélio Cabral (PSTU): 2%
Albanise Pires (PSOL): 2%
Lídia Brunes (Pros): 1%
Alex Rola (PCO): 1%
Brancos/nulos – Vaga 1: 19%
Brancos/nulos – Vaga 2: 29%
Não sabe/não respondeu: 30%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo “Jornal do Commercio”.

No levantamento anterior, feito entre os dias 24 e 26 de setembro, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes:

Humberto Costa (PT): 32%
Jarbas (MDB): 31%
Mendonça Filho (DEM): 22%
Silvio Costa (Avante): 12%
Bruno Araújo (PSDB): 9%
Pastor Jairinho (Rede): 5%
Adriana Rocha (Rede): 3%
Eugênia (PSOL): 2%
Hélio Cabral (PSTU): 2%
Albanise Pires (PSOL): 2%
Lídia Brunes (Pros): 1%
Alex Rola (PCO): 1%
Brancos/nulos – Vaga 1: 20%
Brancos/nulos – Vaga 2: 29%
Não sabe/não respondeu: 30%
Sobre a pesquisa divulgada nesta terça, 2
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.512 eleitores
Quando a pesquisa foi feita: 29 de setembro a 1º de outubro
Registro no TRE: PE-04128/2018
Registro no TSE: BR-09633/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

Pesquisa Ibope em Pernambuco: Paulo, 39%; Armando, 27%

Do G1 Pernambuco

Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira (2) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo de Pernambuco:

Paulo Câmara (PSB): 39%
Armando Monteiro (PTB): 27%
Julio Lossio (Rede): 3%
Maurício Rands (PROS): 3%
Dani Portela (PSOL): 2%
Ana Patrícia Alves (PCO): 1%
Simone Fontana (PSTU): 1%
Brancos/nulos: 15%
Não sabe/não respondeu: 8%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo “Jornal do Commercio”.

A candidata Ana Patrícia Alves anunciou, nesta terça-feira (2), que retirou a candidatura ao governo de Pernambuco.

No levantamento anterior, feito entre os dias 24 e 26 de setembro, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes:

Paulo Câmara (PSB): 35%
Armando Monteiro (PTB): 27 %
Julio Lossio (Rede): 3%
Maurício Rands (PROS): 2%
Ana Patrícia Alves (PCO): 1%
Simone Fontana (PSTU): 1%
Dani Portela (PSOL): 1%
Brancos/nulos: 23%
Não sabe/não respondeu: 7%
Sobre a pesquisa desta terça-feira, 2
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.512 eleitores
Quando a pesquisa foi feita: de 29 setembro a 1º de outubro
Registro no TRE: PE-04128/2018
Registro no TSE: BR‐09633/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
Rejeição
O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices no levantamento feito entre e de setembro:

Paulo Câmara (PSB): 34%
Armando Monteiro (PTB): 30%
Dani Portela (PSOL): 21%
Julio Lossio (Rede): 20%
Simone Fontana (PSTU): 18%
Ana Patrícia Alves (PCO): 18%
Maurício Rands (PROS): 17%
Poderia votar em todos: 4%
Não sabe/não respondeu: 16%
Simulação de segundo turno
Paulo Câmara 43% x 34% Armando Monteiro (branco/nulo: 17%; não sabe: 6%)

Material de campanha de Ernesto Maia é apreendido por conter imagem de Lula como candidato

Do Blog do Ney Lima
No final da manhã desta terça-feira (02) policiais militares do Gati, acompanhados de um Oficial de Justiça, fizeram a apreensão, através de mandado de busca e apreensão, de material de campanha irregular. O material foi apreendido na residência onde moram parentes do candidato a deputado federal Ernesto Maia (PT).
Dentro da casa, foram achados santinhos, praguinhas, folders, uma bandeira e adesivos para carros, que colocam o nome do ex-presidente Lula (PT) como candidato nestas eleições. O mandado foi expedido pelo Juiz Eleitoral no município, Dr. Vanilson Guimarães de Santana Junior.

O material apreendido foi levado ao Cartório Eleitoral no município e, de acordo com Ariadnny Vasconcelos, chefe deste órgão, a apreensão foi motivada através de uma sequência de denúncias feitas no aplicativo “Pardal”, da Justiça Eleitoral.

Cerca de 20 denúncias foram realizadas e, segundo ela, seria uma medida preventiva da Justiça de modo a impedir que o material de campanha irregular fosse, de alguma forma distribuído.

Defesa alega que não houve crime eleitoral

A equipe de reportagem do Blog do Ney Lima conversou com Dr. Neydson Ferreira, advogado do candidato Ernesto Maia. De acordo com ele, não houve crime eleitoral já que, segundo o mesmo, os materiais não haviam sido distribuídos ao público, mas estariam apenas armazenados.

Ainda segundo o advogado, os materiais teriam sido confeccionados no período quando o nome de Lula era cogitado como candidato a presidência.

Laura Gomes assina carta compromisso do Sindicato dos Servidores do MP

A deputada Estadual e candidata à reeleição, Laura Gomes, assinou a carta compromisso que está sendo levada por servidores do Ministério Público aos candidatos. A servidora Simony Oliveira, que atua em Caruaru, esteve no escritório político da candidata onde o documento foi assinado.

A carta compromisso tem por objetivo garantir o apoio dos futuros deputados para promover a democracia interna dentro do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), além do controle social e a efetiva transparência nas atividades do órgão. 

Ao assinar o documento, a candidata recebeu do Sindsemppe um selo de “Político comprometido com a Democracia no Ministério Público”.

Marina Pacheco, diretora de arte da Nova Jerusalém, lança coleção de moda autoral


A responsável pela direção de arte do espetáculo da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, Marina Pacheco, que também é arquiteta e figurinista, alça novos voos no mundo da moda com o lançamento da primeira coleção de moda autoral e sustentável da Marina Pacheco Atelier.

Em seu trabalho de estreia, a marca traz como proposta a produção de peças para os públicos feminino e masculino com estampas que são pinturas feitas à mão, releituras de obras de mestres pintores que mudaram a visão do mundo, como Frida Kahlo, Vincent Van Gogh, Salvador Dalí e Claude Monet. “É uma coleção inteira de sobre “vestir” obras de arte”, afirma Marina.

Com foco na sustentabilidade, a grife dá preferência a tecidos de fibras naturais, de fontes renováveis – como o linho, a seda e o algodão. Além disso, tem como meta produzir moda atemporal visando ao estímulo do consumo consciente. “A ideia é contribuir para evitar desperdícios e diminuir os resíduos, já que a indústria da moda é a segunda do Brasil e quinta maior indústria poluidora do mundo.

Queremos gerar conexão afetiva entre o consumidor e as peças e estimular o reuso”, destaca a figurinista.

A coleção da Marina Pacheco Atelier pode ser encontrada na loja Espaço Bora, no Shopping Rio Mar, e também na Internet, por meio das redes sociais (@marinapachecoatelier).

Carreata em prol de Bolsonaro no próximo sábado em Caruaru

O candidato a deputado estadual pelo PSL, Silvio Nascimento, usa as redes sociais para convocar a militância que vota no presidenciável Jair Bolsonaro para um ato no próximo sábado (6), véspera da eleição.

A concentração será a partir de 17h na avenida Rui Barbosa, em frente ao INSS. Silvio e a coordenação da campanha apostam numa grande quantidade de motos e carros. A conferir.

Toffoli veta entrevista de Lula até julgamento pelo plenário do STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli decidiu na noite desta segunda-feira (1º) manter a decisão do ministro Luiz Fux que impediu a realização de uma entrevista com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pela Folha de S. Paulo.

A decisão de Fux será mantida por Toffoli até que o caso seja levado ao plenário do STF. A ordem veio após pedido de orientação do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, direcionado ao presidente do Supremo.

Esta foi a quarta decisão judicial tomada, apenas no STF. A primeira decisão foi do ministro Ricardo Lewandowski, na sexta passada (28), autorizando a realização da entrevista pela colunista Mônica Bergamo.

No mesmo dia, Fux suspendeu a decisão de Lewandowski, em resposta a pedido feito pelo Partido Novo. A Folha requereu a Lewandowski que sua decisão fosse cumprida, o que foi atendido pelo ministro nesta segunda-feira.

Antes da decisão de Toffoli, ainda falando da determinação de Fux, Lewandowski disse que o Supremo tinha censurado “um dos mais importantes veículos de comunicação do país, impedindo que fizesse uma entrevista com um com um ex-presidente da República”.

O ex-presidente Lula está preso em Curitiba desde abril, cumprindo pena após ter sido condenado pela Operação Lava Jato. A condenação levou o TSE a vetar sua candidatura nas eleições presidenciais deste ano.

Líderes de intenção de voto têm maiores taxas de rejeição por sexo, aponta Ibope

Em nova pesquisa Ibope para presidente divulgada nesta segunda-feira (1), Jair Bolsonaro (PSL) segue como o candidato com maior rejeição entre as mulheres, sendo rejeitado por 51% das eleitoras. Quando se analisa a rejeição pelo eleitorado masculino, no entanto, Fernando Haddad lidera: cerca de 43% dos homens brasileiros rejeitam o candidato do PT.

Apesar do alto índice de rejeição, a pesquisa Ibope ainda aponta Jair Bolsonaro em primeiro lugar nas intenções de voto. O presidenciável subiu 4 pontos percentuais desde a última pesquisa divulgada no dia 26 de setembro, e agora aparece com 31% das intenções.

Em segundo lugar continua o candidato Fernando Haddad (PT). O petista, no entanto, permanece estagnado com os mesmos 21% apontados na última pesquisa.

Apesar da baixa de um ponto percentual nas intenções de voto, o candidato Ciro Gomes (PDT) continua em terceiro lugar com 11%. Geraldo Alckmin (PSDB) segue estagnado com 8%. Marina Silva, da Rede, oscilou de 6% para 4% e segue em quinto lugar na disputa eleitoral.

Estão tecnicamente empatados João Amoêdo (Novo), com 3%, Álvaro Dias (Podemos), com 2%, Henrique Meirelles (MDB), com 2%, e Cabo Daciolo (Patriota) com 1%.

Os candidatos Guilherme Boulos (PSOL), Vera (PSTU), Eymael (DC) e João Goulart Filho (PPL) não pontuaram.

O número de votos brancos e nulos aumentou de 11% para 12% e aqueles que não sabem ou não responderam caiu de 7% para 5%.

A pesquisa ouviu 3.010 eleitores entre sábado (29) e domingo (30), e a margem de erro é de 2 pontos percentuais.

Trump critica relações econômicas dos EUA com Brasil

O presidente norte-americano, Donald Trump, criticou as relações comerciais dos Estados Unidos com o Brasil. As críticas foram feitas durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca. Trump aproveitou o anúncio do acordo comercial de seu país com Canadá e México para dizer que o Brasil é injusto com as companhias norte-americanas.

Após uma pergunta sobre as relações comerciais com a Índia, Trump criticou as altas tarifas impostas aos produtos norte-americanos, e destacou um perfil protecionista por parte do país asiático. O presidente completou o argumento citando o Brasil como exemplo de país que cobra tarifas demais das empresas americanas. Ele também questionou o fato de nenhum outro líder dos Estados Unidos ter questionado as taxas brasileiras.

Trmp criticou as relações econômicas com o Brasil

Sobre o novo acordo, o presidente afirmou que a interação entre Estados Unidos, Canadá e México será vantajosa para todos, negando ser uma nova Nafta, acordo implantado em 1994.
Em maio, os Estados Unidos anunciaram uma sobretaxa para a exportação de aço e alumínio do Brasil.

O comentário de Trump é feito em um contexto de guerra comercial. Os EUA estão em uma disputa com a China. Os dois países vêm, nos últimos meses, anunciando a criação e implementação de taxas sobre diversos produtos, dificultando o comércio entre eles.

As duas nações são os principais destinos dos produtos brasileiros exportados. Segundo o Ministério da Indústria, Comércio e Exterior e Serviços, só no ano passado o Brasil exportou mais de US$ 26 bilhões aos Estados Unidos. Para a China a cifra ultrapassa os US$ 50 bilhões.