Bolsonaro é o mais rejeitado e tem situação complicada num eventual Segundo Turno

Simulações do Segundo Turno

Ciro 44% x 33% Bolsonaro (branco/nulo: 19%; não sabe/não respondeu: 4%)

• Alckmin 41% x 32% Bolsonaro (branco/nulo: 23%; não sabe/não respondeu: 4%)

• Bolsonaro 33% x 43% Marina (branco/nulo: 20%; não sabe/não respondeu: 3%)

• Haddad 36% x 37% Bolsonaro (branco/nulo: 22%; não sabe/não respondeu: 5%)

Rejeição

O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices:

• Bolsonaro: 44%

• Marina: 26%

• Haddad: 23%

• Alckmin: 22%

• Ciro: 20%

• Meirelles: 14%

• Cabo Daciolo: 14%

• Eymael: 14%

• Alvaro Dias: 13%

• Boulos: 13%

• Vera: 13%

• Amoêdo: 12%

• João Goulart Filho: 11%

• Poderia votar em todos: 1%

• Não sabe/não respondeu: 10%

Pesquisa Ibope: Bolsonaro, 22%; Marina, 12%; Ciro, 12%; Alckmin, 9%; Haddad, 6%

Do G1

O Ibope divulgou nesta quarta-feira (5) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial.

Sobre esse levantamento, o Ibope divulgou a seguinte nota:

“Como informado ontem, na pesquisa de intenção de votos realizada entre os dias 1 e 3 de setembro, para seguir as decisões decorrentes do indeferimento da candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva, que proibiram, entre outras coisas, que o ex-presidente participasse, como candidato, de atos de campanha, o Ibope deixou de aplicar o questionário em que o nome de Lula aparecia como postulante ao cargo de presidente da República, como constava do registo da pesquisa feito no TSE.

O instituto pesquisou apenas o cenário em que o nome de Fernando Haddad, candidato a vice-presidente pelo PT, aparecia juntamente com os candidatos que pediram registro.

O Ibope indagou ao TSE se este procedimento estava correto.

Em sua decisão de hoje, o ministro Luiz Felipe Salomão explicou que, segundo a lei, o TSE está impedido de responder a consultas como essa durante o período eleitoral.

Diante disso, e convicto de que agiu de boa fé e dentro da lei, e, ainda, no intuito de não privar o eleitor de informações relevantes sobre a situação atual das intenções de voto na eleição presidencial, o Ibope, decidiu liberar os resultados da pesquisa para divulgação, decisão que contou com o apoio dos contratantes TV Globo e o ‘Estado de S.Paulo’.”

• Jair Bolsonaro (PSL): 22%

• Marina Silva (Rede): 12%

• Ciro Gomes (PDT): 12%

• Geraldo Alckmin (PSDB): 9%

• Fernando Haddad (PT): 6%

• Alvaro Dias (Podemos): 3%

• João Amoêdo (Novo): 3%

• Henrique Meirelles (MDB): 2%

• Guilherme Boulos (PSOL): 1%

• Vera (PSTU): 1%

• João Goulart Filho (PPL): 1%

• Cabo Daciolo (Patriota): 0%

• Eymael (DC): 0%

• Branco/nulos: 21%

• Não sabe/não respondeu: 7%

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “O Estado de S.Paulo”. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral e o primeiro depois que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) barrou a candidatura de Lula.

No levantamento anterior, feito de 17 a 19 de agosto, os percentuais de intenção de votos no cenário em que o candidato do PT é Haddad foram os seguintes: Bolsonaro, 20%; Marina, 12%; Ciro, 9%; Alckmin, 7%; Haddad, 4%; Alvaro Dias, 3%; Eymael, 1%; Boulos, 1%; Meirelles, 1%; Amoêdo, 1%; Cabo Daciolo, 1%; Vera, 1%; João Goulart Filho, 1%; Branco/nulos: 29%; Não sabe/não respondeu: 9%.

Sobre a última pesquisa

• Margem de erro: 2 pontos percentuais para mais ou para menos

• Quem foi ouvido: 2.002 eleitores

• Quando a pesquisa foi feita: 1 a 3 de setembro

• Registro no TSE: BR‐05003/2018

• O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

• 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Lóssio promete reduzir para 10 número de secretarias, concessões para BR-232, reestruturar Compesa e terminar Anel Viário

O candidato da Rede ao governo de Pernambuco, Júlio Lóssio, foi o último sabatinado da série com os candidatos promovidas pelas entidades de Caruaru. No início da fala, ele fez uma rápida trajetória política e explicou detalhes das ações nas duas gestões que esteve à frente da prefeitura de Petrolina.

“Minha experiência como prefeito vai ajudar no governo. Saiu uma pesquisa hoje e apareci com 3%. Já estou consolidado no terceiro lugar e acredito que vou crescer e chegar ao segundo turno. Vamos ter um governo enxuto com apenas dez secretarias”, disse.

BR 232

O candidato explicou como pretende mudar a realidade atual é duplicar a rodovia até a cidade de Salgueiro.

“Colocar no Plano Diretor a possibilidade de criar teremos de superfície para que possam ser comercializado e a obra ser financiada. A obra deve ser concluída até Salgueiro, para de lá integrar as nossas fronteiras. Vamos buscar os recursos junto ao governo federal. Também vamos permitir a concessão e não privatização”, disse.

Água e saneamento

O candidato promete reestruturar a Compesa para avançar com programas de saneamento e fornecimento de água tratada, sobretudo para áreas mais vulneráveis socialmente.

“Temos que buscar água em locais com abundância, como é o caso de trazer água da Mata Sul. Temos que buscar integrar os sistemas hídricos do Brasil. Temos programas de barragens de grande, médio e pequeno porte para garantir abastecimento e poder armazenar água aqui no Agreste”, disse.

Sobre o saneamento ele disse que pretende criar lagoas de estabilização para melhorar a situação dos rios, como é o caso do Ipojuca. “Vamos decretar de interesse público todas as fontes de água de Pernambuco, para criar unidades de conservação hídrica. Fiz isso em Petrolina com a caatinga e podemos repetir o mesmo com as pessoas que moram próximas as fontes de água”, disse.

Anel Viário

O candidato da Rede defendeu que a obra seja concluída e disse que o Anel Viário vai ajudar a desafogar o tráfego de veículos grandes no local.

“Vamos criar Apacs, esse é o melhor caminho para concluir a obra do Anel Viário. Caruaru precisa disso para que possa crescer ainda mais de forma estruturada. Mas depende também da vontade de quem estiver na prefeitura. Alguns terrenos serão desapropriados e aí fazer a economia fluir ao redor”, disse.

Pesquisa Ibope para o Senado em Pernambuco: Jarbas, 33%; Humberto, 30%; Mendonça, 23%; Silvio, 12%

Do G1 Pernambuco

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (5) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o Senado em Pernambuco:

• Jarbas (MDB): 33%

• Humberto Costa (PT): 30%

• Mendonça Filho (DEM): 23%

• Silvio Costa (Avante): 12%

• Bruno Araújo (PSDB): 8%

• Pastor Jairinho (Rede): 5%

• Adriana Rocha (Rede): 2%

• Albanise Pires (PSOL): 1%

• Alex Rola (PCO): 1%

• Eugênia (PSOL): 1%

• Hélio Cabral (PSTU): 1%

• Lídia Brunes (PROS): 1%

• Brancos/nulos – Vaga 1: 22%

• Brancos/nulos – Vaga 2: 35%

• Não sabe/não respondeu: 24%

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo “Jornal do Commercio”. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

No levantamento anterior, feito de 17 a 19 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes:

• Jarbas (MDB): 26%

• Humberto Costa (PT): 25%

• Mendonça Filho (DEM): 25%

• Bruno Araújo (PSDB): 10%

• Silvio Costa (Avante): 10%

• Pastor Jairinho (Rede): 6%

• Adriana Rocha (Rede): 4%

• Eugênia (PSOL): 2%

• Hélio Cabral (PSTU): 2%

• Albanise Pires (PSOL): 1%

• Alex Rola (PCO): 1%

• Lídia Brunes (PROS): 1%

• Branco/nulo – Vaga 1: 26%

• Branco/nulo – Vaga 2: 34%

• Não sabe/não respondeu: 26%

Sobre a pesquisa divulgada nesta quarta, 5

• Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos

• Quem foi ouvido: 1.204 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais

• Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de setembro

• Registro no TRE: PE-00240/2018

• Registro no TSE: BR-01246/2018

• O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

• 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Na modalidade espontânea da pesquisa Ibope (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:

• Jarbas (MDB): 8%

• Humberto Costa (PT): 6%

• Bruno Araújo (PSDB): 2%

• Mendonça Filho (DEM): 2%

• Silvio Costa (Avante): 2%

• Albanise Pires (PSOL): 0%

• Alex Rola (PCO): 0%

• Eugênia (PSOL): 0%

• Lídia Brunes (PROS): 0%

• Pastor Jairinho (Rede): 0%

• Adriana Rocha (Rede): –

• Hélio Cabral (PSTU): –

• Outros: 2%

• Brancos/nulos: 33%

• Não sabem/preferem não opinar: 59%

Pesquisa Ibope em Pernambuco: Paulo Câmara, 33%; Armando Monteiro, 24%

Do G1 Pernambuco

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (5) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo de Pernambuco:

• Paulo Câmara (PSB): 33%

• Armando Monteiro (PTB): 24%

• Julio Lossio (Rede): 3%

• Maurício Rands (PROS): 2%

• Ana Patrícia Alves (PCO): 1%

• Dani Portela (PSOL): 1%

• Simone Fontana (PSTU): 1%

• Brancos/nulos: 24%

• Não sabe/não respondeu: 11%

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo “Jornal do Commercio”. É o segundo levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.

No levantamento anterior, feito de 17 a 19 de agosto, os percentuais de intenção de votos eram os seguintes:

• Paulo Câmara (PSB): 27%

• Armando Monteiro (PTB): 21%

• Ana Patrícia Alves (PCO): 3%

• Julio Lossio (Rede): 3%

• Maurício Rands (PROS): 2%

• Simone Fontana (PSTU): 2%

• Dani Portela (PSOL): 1%

• Branco/nulo: 32%

• Não sabe/não respondeu: 8%

Sobre a pesquisa divulgada nesta quarta, 5

• Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos

• Quem foi ouvido: 1.204 eleitores de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais

• Quando a pesquisa foi feita: 2 a 4 de setembro

• Registro no TRE: PE-00240/2018

• Registro no TSE: BR-01246/2018

• O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro

• 0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado

Na modalidade espontânea da pesquisa Ibope (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:

• Paulo Câmara (PSB): 15%

• Armando Monteiro (PTB): 10%

• Julio Lossio (Rede): 1%

• Ana Patrícia Alves (PCO): 0%

• Maurício Rands (PROS): 0%

• Dani Portela (PSOL): 0%

• Simone Fontana (PSTU): –

• Outros: 4%

• Branco/nulo: 26%

• Não sabe/não respondeu: 45%

O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices:

• Paulo Câmara (PSB): 33%

• Ana Patrícia Alves (PCO): 25%

• Armando Monteiro (PTB): 24%

• Dani Portela (PSOL): 24%

• Julio Lossio (Rede): 23%

• Simone Fontana (PSTU): 22%

• Maurício Rands (PROS): 20%

• Poderia votar em todos: 3%

• Não sabe/não respondeu: 18%

Armando promete trocar o Pacto Pela Vida pelo “Comando Cidadão”

No guia eleitoral que veiculou nesta quarta-feira (5), Armando Monteiro, candidato a governador da coligação Pernambuco Vai Mudar, assumiu o compromisso de comandar pessoalmente o trabalho de segurança pública no Estado, com a implantação do Comando Cidadão.

O programa irá ficar diretamente ligado ao gabinete do governador, que vai definir quais as ações prioritárias e monitorar os resultados. Entre as ações do Comando Cidadão, Armando pretende resgatar o modelo de gestão implementado por Eduardo Campos em 2007, quando foi criado o Pacto pela Vida.

O Comando Cidadão irá funcionar reunindo policiais civis, militares e federais, conselhos comunitários, prefeituras e pesquisadores, para que as políticas públicas sejam decididas de forma compartilhada e democrática.

“Vamos fortalecer as polícias, investindo em tecnologia e inteligência. Nossa gestão vai implementar as patrulhas da segurança no interior, para devolver a tranquilidade às pessoas que moram fora dos grandes centros urbanos”, afirmou Armando, que deve criar 12 centrais de vigilância no Estado, dando mais agilidade às respostas da Polícia. Ele explicou que o formato do Comando Cidadão foi idealizado a partir do diálogo permanente com a sociedade, especialistas e forças policiais. “A população não pode ser mais penalizada pelo imobilismo do Governo. Já perdemos vidas demais. A gestão de Paulo Câmara foi um desastre na segurança. Além de todas estas mortes, apenas no ano passado nós tivemos quase 120 mil crimes contra o patrimônio, isso é inaceitável”, destacou Armando.

Senado: Jarbas 28%; Mendonça 23%; Humberto 22%; Bruno 14%

Da Tv Record

O Instituto Real Time Big Data realizou levantamento entre os dias 31/08 e 01/09 para senador de Pernambuco. O Instituto ouviu 1.200 entrevistados com margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos e intervalo de confiança de 95%. O número do registro no TSE é: 2352/2018.

Na disputa pelo Senado, Jarbas Vasconcelos (MDB) com 28%, Mendonça Filho (DEM) com 23% e Humberto Costa (PT) com 22% estão empatados na margem de erro; Bruno Araújo (PSDB) com 14% e Silvio Costa (Avante) 13% também estão empatados, Pastor Jairinho (Rede) 6%, Eugênia (PSOL) 5%, Albanise (PSOL) 2%, Outros 4%, Indecisos voto 1 chegam a 13%, indecisos voto 2 chegam a 40%, brancos e nulos voto 1 chegam a 13% e brancos e nulos voto 2 atingem 17%.

Real Time Big Data: Paulo Câmara 26%; Armando 23%

Da TV Record

Primeira pesquisa realizada em Pernambuco após o início do guia eleitoral, divulgada pela TV Record nacional, apresenta Paulo Câmara estagnado, em empate com Armando Monteiro. O levantamento, realizado pelo Instituto Real Time Big Data, registrado no TSE sob o número 2352/2018, tem margem de erro de 3 pontos percentuais e aponta Paulo com 26% e Armando com 23%.

O conjunto das oposições já soma 12 pontos acima de Paulo Câmara, levando-se em consideração a pontuação de Armando e de Maurício Rands (6%), Júlio Lóssio (5%), Dani Portela e Ana Patrícia Alves, cada uma com 2 pontos percentuais (Simone Fontana não pontuou). Brancos e Nulos chegaram a 25% e indecisos, 8%. A pesquisa ouviu 1.200 eleitores e foi a campo entre os dias 31 de agosto e 1º de setembro.

A rejeição de Paulo Câmara volta a se destacar no levantamento, com 47% – quase metade dos eleitores entrevistados se recusa a votar na reeleição do governador. Os demais candidatos têm taxas pelo menos 14 pontos menores: Armando (33%), Lóssio (16%), Dani Portela, Simone Fontana, Rands e Ana Patrícia Alves, 14% cada.

O empate se repete na simulação de segundo turno, com Paulo Câmara e Armando no mesmo patamar, 35% a 32%.

Zé e Wolney inauguram comitê nesta quarta-feira (5)

O deputado federal Wolney Queiroz e o ex-prefeito de Caruaru, Zé Queiroz, ambos do PDT, inauguram nesta quarta-feira (5) o Comitê central da campanha. O espaço vai funcionar na Avenida Agamenon Magalhães, principal via da cidade. Zé vai disputar a eleição para estadual e Wolney para a reeleição de federal.

No espaço, também vai funcionar o comitê da campanha de Ciro Gomes, candidato a presidência pelo PDT e de Maurício Rands, que disputa o governo pelo Pros.

Grupos antagônicos de Ferreiros apoiam Paulo Câmara

O governador e candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB), se reuniu com os principais grupos de Ferreiros.

Primeiro, Paulo participou de um comício em praça pública ao lado do prefeito Bruno Japhet (MDB). “Teve crise, teve governo contrário, mas Paulo Câmara foi para cima e manteve o Estado equilibrado. E ainda fez obras importantes em todos os municípios. Estamos com o senhor, governador”, garantiu o prefeito.

Na sequência, Paulo esteve com Zé Roberto (PSB), segundo colocado nas eleições municipais de 2016. “Conhecemos o governador e vemos o seu compromisso com o nosso Estado. A sua reeleição é fundamental e vamos lutar para que ele vença já no primeiro turno”, cravou a liderança socialista.

“Chegar em um município como Ferreiros e ter o apoio de grupos diferentes mostra como o nosso projeto acima das questões partidárias. Colocamos Pernambuco na frente e as pessoas reconhecem isso. Vamos vencer as eleições para fazer cada vez mais por todos, sem distinção”, afirmou Paulo Câmara.