Artigo – Fé no futuro? Por Jefferson Paz*

O Brasil está atravessando uma crise econômica, política e moral nunca antes vista na história da nossa República. Aos poucos o país dá sinais de recuperação da economia, porém, da crise política, intensificada após o processo de Impeachment da Presidente Dilma Rousseff e da moral que acentuou-se com os desdobramentos da Operação Lava Jato, ainda não. Pelo menos é o que indica recente pesquisa divulgada pelo Estadão, feita pelo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT), que aponta oito em cada dez brasileiros (77,8%) afirmam não ter “nenhuma confiança” nos partidos políticos. “Corrupção e falta de capacidade de representar os interesses dos eleitores” são os principais ingredientes que levam as pessoas a não confiarem nos partidos políticos, segundo o estudo. Outra amostragem do levantamento diz que 83,2% dos eleitores entrevistados, não simpatizam com nenhum partido político. Fica, sendo assim, evidente o descrédito dos partidos políticos e dos políticos perante a população.

Na democracia, a existência de partidos políticos é fundamental para a manutenção do sistema democrático, dando sobrevida aos ideais do povo. Com o fim do bipartidarismo no Brasil, depois de um longo e tenebroso período de golpe militar (1964-1985), e retorno do pluripartidarismo, surgem algumas legendas como o PT, PMDB, PSDB e muitas outras agremiações. Para nortear a vida orgânica dos partidos, são criados os programas partidários. Neles, estão as linhas ideológicas e projetos à serem defendidos por aquelas agremiações, a fim de atrair adeptos daqueles pensamentos. Aquilo que deveria ser um instrumento de representação democrático do povo, uma tribuna do povo no poder, acabou sendo um acessório dos grandes caciques políticos. O que aconteceu no nosso caso, foi uma apropriação indevida, por parte dos grandes políticos do país, dos partidos políticos, num apego ao patrimonialismo. Transformando-os em um grande balcão de negócios, onde o partido que tem mais tempo de TV e Rádio, e “maior fatia do bolo” no fundo partidário, vale mais, logo, quem os comanda, tem mais poder de barganha. É assim que funciona, infelizmente.

Sem vida orgânica e ausência total de democracia interna, os partidos entram no abismo da política miúda, desconsiderando por completo seus programas e estatutos, e por conseguinte, os interesses do povo. Somado aos recentes escândalos de corrupção, desvendados pela Operação Lava Jato, o que contribuiu copiosamente para essa grande e grave crise política no Brasil, temos a rejeição à Política. O espelho dessa crise política, moral e de representatividade, está nos candidatos que se apresentam como pré-candidatos à Presidência da República, amargando altos índices de rejeição. Geraldo Alckmin, por exemplo, um político experimentado, conhecido em todo país e que já disputou à Presidência em 2006, apresenta hoje 70% de rejeição, segundo levantamento mensal que o Estadão-Ipsos vem realizando. Ciro Gomes, outro político experimentado na vida pública, já foi governador, prefeito e deputado federal, também apresenta alta em rejeição 65%, logo em seguida Jair Bolsonaro aparece com 64% e Marina Silva com 63%. Claro que na medida que o período eleitoral vai se aproximando, a expectativa desses números tendem a mudar, porque eles (os candidatos), vão se posicionando e apresentando suas propostas, os eleitores vão vendo, conhecendo e definindo seus votos, aumentando a rejeição de uns e diminuindo de outros. Contudo, o alerta está na rejeição da população à política.

A bem da verdade, é que esses estudos e pesquisas, apontam um norte para as eleições de outubro desse ano: ausência dos eleitores no processo eleitoral. Como aconteceu, recentemente, com a eleição suplementar para o Governo Estadual do Estado de Tocantins, em que mais de 51% do eleitorado se absteve, votou branco ou nulo. Para a classe política reconquistar o povo, precisa fazer o caminho reverso de como a política está sendo feita hoje. Não é clichê dizer que as vozes das ruas precisam ser ouvidas. Que o povo precisa ser priorizado. O povo está desencantado da política, por causa dos próprios políticos, mas o voto e participação popular será sempre o dispositivo de mudança. Para mudarmos a política, não devermos esquecer que o remédio é sempre mais política.

Esperança e fé no futuro!!

*Jefferson Paz é graduado em Administração Pública pela ASCES-UNITA e filiado ao MDB de Pernambuco. 

Nyadja Menezes deixa prefeitura de Caruaru; coronel Luís Aureliano sai em agosto

Foi confirmado pelo blog na tarde desta quinta-feira (28/6) a saída de mais dois secretários do primeiro escalão da prefeitura de Caruaru. Nyadja Menezes deixa o comando da secretaria de Urbanismo e Obras e Luis Aureliano deixa a pasta de Ordem Pública em agosto.

Nyadja volta para a Compesa onde durante muitos anos ficou à frente da gerência regional. Já o coronel Luis Aureliano deve voltar por questões pessoais para o Recife.

O blog apurou que o coronel já tinha pedido para deixar a gestão, mas a pedido da prefeita Raquel Lyra fica até o fim de julho.

É a terceira baixa no primeiro escalão do governo Raquel em uma semana, já que o secretário de Serviços Públicos Humberto Corrêa pediu exoneração do cargo. A tucana ainda não divulgou o nome dos substitutos.

Marco Aurélio dá liminar para soltar Eduardo Cunha

Da Coluna de Lauro Jardim

O ex-presidente da Câmara, contudo, continuará preso em Curitiba.

Motivo: os advogados de Cunha, Pedro Ivo Velloso e Ticiano Figueiredo, conseguiram o habeas corpus para um dos dois casos em que o ex-deputado está condenado.

A  liminar concedida hoje por Marco Aurélio refere-se às investigações da Operação Manus, em que Cunha e Henrique Eduardo Alves foram condenados por atuar em favor de empreiteiras nas obras da Arena Dunas, em Natal. As propinas neste caso somam R$ 11,5 milhões.

Cunha tem outra condenação por seu envolvimento em desvios em investimentos do FI-FGTS.

PP fica na Frente Popular e apoia reeleição de Paulo Câmara, diz Eduardo da Fonte

Em entrevista do jornalista Aldo Vilela na Rádio CBN Recife, o deputado federal e presidente do PP em Pernambuco, Eduardo da Fonte, disse que respeita o senador Armando Monteiro e considera ele um grande quadro da política, mas garantiu que o PP fica na Frente Popular e vai apoiar a reeleição do governador Paulo Câmara.

Sobre a vaga na majoritária, ele disse que o PP colocou o partido a disposição, mas que não vai ter imposição de nomes ou cargos.

Resposta da secretaria de Serviços Públicos a artigo escrito ao blog

Essa semana o leitor Oscar Mariano escreveu um artigo e fez críticas à algumas questões envolvendo a secretaria de Serviços Públicos da prefeitura de Caruaru. Por meio de nota, a secretaria esclareceu alguns pontos e rebateu outros. Segue a íntegra da nota:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Secretaria de Serviços Públicos informa que as ações de melhoria do parque de iluminação pública do município estão sendo realizadas em todos os bairros e zonas rurais. É notável que a modernização do parque de iluminação, com a substituição das luminárias convencionais por luminárias de LED vem ocorrendo gradativamente, desde o ano passado, em toda zona urbana, iniciando pelas principais avenidas e rotas de ônibus.

O município atualmente possui mais de 30 mil pontos de iluminação e, de acordo com as prioridades como rota de ônibus, rotas de colégios e unidades de saúde, o parque será 100% modernizado.

Com relação ao acesso do bairro Nina Liberato, também conhecido como Lagoa de Pedra 1 e 2, a responsabilidade pela implantação da rede é da construtora. O município só será responsável pelo mesmo a partir da conclusão da obra e entrega a prefeitura. O artigo cita a praça do bairro que encontra-se sem iluminação, a equipe da Secretaria de Serviços Públicos informa que a obra para implantação do poste já foi iniciada e encontra-se em período de cura da base do posteamento.

Após ler o artigo, a equipe da Secretaria de Serviços Públicos visitou o local e conversou com os moradores a respeito da iluminação e os mesmos afirmaram que há alguns pontos apagados que precisam de manutenção, mas em sua maioria as luminárias não apresentam problemas e que a falta de iluminação total refere-se ao acesso e não ao bairro como um todo. Conforme citado anteriormente, o acesso é de responsabilidade da construtora e está em fase de aprovação na concessionaria Celpe. Após a conclusão do processo, a secretaria ficará responsável pela manutenção.

A Secretaria de Serviços Públicos está à disposição para quaisquer informações e dúvidas.

Marcela Amaral* – Secretária Executiva de Serviços Públicos

Opinião de Mário – Novo secretário de Serviços Públicos deve ter o perfil mais político

Com o pedido de demissão do secretário de Serviços Públicos, Humberto Correia, a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, deve anunciar até o dia 30 desse mês o nome para substituir ele no comando de uma das mais importantes secretarias para a engenharia da gestão.

Feira da Sulanca e coleta de lixo, além da iluminação pública fazem parte do pacote de serviços oferecidos pela secretaria. No entanto, apesar da competência de Humberto, um dos técnicos apresentados pela tucana no início do governo, o perfil do novo secretário ou secretária deve ser mais político.

A relação com os vereadores é um exemplo disso. Os governistas reclamam do trato que tinham com o atual secretário e cobram mais atenção para resolver problemas básicos, que interferem na rotina dos vereadores e com uma base tão ampla, ter habilidade para atender aos mais diversos pedidos.

O exemplo da secretaria de Agricultura é uma forma que pode ser copiada. O novo titular da Pasta, Zé Carlos Menezes, foi vereador e sabe muito bem os caminhos que levam para evitar pequenas crises, que as vezes se tornam um grande problema. Desde que Zé assumiu que não houve mais queixa com relação a essa secretaria.

O período que o novo gestor vai assumir também é bem complicado. Com o passar de junho, praticamente chega o período eleitoral e as atenções se voltam para a campanha e não é uma situação fácil de ser administrada. Os auxilares também devem ser pensados.

O exemplo de Ytalo Farias pode ser seguido. O jovem Executivo era atencioso com todos e deixou uma boa impressão após pedir a saída do governo, após passar num concurso da Caixa. Não é uma tarefa fácil, mas que pode ser bem sucedida a depender do perfil e modos operandi do novo gestor ou gestora.

Pagamento de salário
A Prefeitura de Caruaru informa que, nesta quinta-feira (28), estará realizando o pagamento do salário aos servidores públicos municipais relativo ao mês de junho. Com isso, cerca de R$ 20 milhões serão injetados na economia do município.

Exposição
Ressocializar, capacitar e cuidar são algumas das práticas presentes no dia a dia da Casa de Semiliberdade (Casem) Caruaru, uma das unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) no Agreste de Pernambuco. O resultado mais recente nesse trabalho continuado foi a conclusão das primeiras turmas das oficinas “Cores em giz” e “Arte em telhas e tapeçaria”, ministradas por agentes socioeducativos. As peças serão expostas na Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte), que começa no próximo dia 4, no Centro de Convenções, em Olinda.

Apoio a Jarbas

“Estou muito feliz com esse apoio de Ricardo Costa, pois não é de hoje que militamos juntos. Ricardo é o primeiro deputado a me declarar apoio. Ele sempre foi um homem e político de palavra”, falou o deputado federal Jarbas Vasconcelos, depois de ter se reunido com o deputado estadual Ricardo Costa em seu escritório político Debate. Ricardo é o primeiro parlamentar a anunciar oficialmente o apoio ao pleito de Jarbas em ocupar uma cadeira no Senado, nesta próxima eleição.

Alberes a espera do apoio de Zé e Wolney
O vereador e pré-candidato a deputado estadual Alberes Lopes segue na expectativa de confirmar o apoio que vai receber do deputado federal Wolney Queiroz e do ex-prefeito José Queiroz para a campanha a deputado. No entanto, se Queiroz decidir disputar a eleição de deputado estadual, ele garantiu que retira a pré-candidatura e vai pedir votos para Zé.

Livro sobre corrupção

Após o auge das manifestações que tomaram o Brasil em meados de 2014, a política nacional entrou em declínio com a instauração de inúmeras investigações da Polícia Federal, investigações e a prisão de vários nomes fortes do cenário político. Esse foi o cenário inspirador para o 17º livro do empreendedor Janguiê Diniz, intitulado “Falta de Educação gera corrupção” e que será lançado nesta quinta-feira (28), na UNINASSAU Boa Viagem, a partir das 18h.

Resultado do Idepe
O governador Paulo Câmara recebe, nesta quinta-feira (28.06), no Palácio do Campo das Princesas, gestores, professores e estudantes das Redes Municipal e Estadual para a divulgação dos destaques do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (IDEPE) no ano de 2017. A solenidade de divulgação e premiação é um dos eventos mais importantes do calendário da educação pública de Pernambuco e tem como objetivo valorizar o trabalho das escolas, Gerências Regionais de Educação (GREs) e municípios que obtiveram bons desempenhos educacionais no Estado.

Novidades
Duas novidades serão apresentadas nesta edição: a premiação para as escolas municipais melhores colocadas no ensino fundamental – além da tradicional premiação para os municípios com melhores resultados – e para as escolas estaduais que mais cresceram nos seus índices. Nas escolas estaduais, destaque para as localizadas no Sertão, que ocupam 8 dos 10 primeiros lugares no ranking IDEPE do Ensino Médio.

Mulher na política
O Panorama Entrevista desta quinta-feira (28) recebe três mulheres para debater sobre as mulheres na política. As professoras Elba Ravane, Karla Falcão e Nayara Souza participam do programa, que vai ao ar a partir de 13h na Globo FM 89,9.

Muita comida gigante ainda em Caruaru

Hoje nós teremos mais comidas gigantes, será realizada a festa do Salgadinho Gigante, na rua Doutor Pedro Eustáquio Vieira, no bairro do Salgado, às 19h.

Já amanhã, acontece a festa do Mungunzá, na Praça 14 de Julho, Centro de Caruaru. O evento, que terá início às 15h, acontece há 19 anos.

No mesmo dia será a vez dos moradores do bairro Santa Rosa degustarem do Maior 40 do Mundo. O evento será realizado a partir das 15h e contará com atrações musicais.

No sábado será a vez da Festa da Macaxeira, na Vila Campos, no Distrito Industrial, a partir das 16h. O evento chega a sua 12ª edição.

Para o domingo, teremos na Vila Rafael, zona rural de Caruaru, o Maior Xerém com Galinha do Mundo. A festa é realizada na comunidade há 15 anos.

Também no dia primeiro será realizada a Festa da Paçoca, na rua Guilherme Fortunato de Brito, bairro Jardim Panorama, às 15h. No dia 7 de julho será a vez do Bolo de Rolo, na Rua Barão de Caruaru, no bairro Salgado.

E encerrando o calendário das comidas gigantes, no dia 14, será degustada a Canjica Gigante na Vila Peladas, a partir das 18h. A festa é realizada há 19 anos.

Abono salarial de 2017 começa a ser pago em julho

O Governo Federal anunciou para o dia 26 de julho o início do pagamento do abono salarial PIS/Pasep ano-base 2017. O calendário foi definido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). A estimativa é que sejam destinados 18 bilhões de reais a 23 milhões e meio de trabalhadores.

Quem nasceu de julho a dezembro, recebe o benefício ainda este ano. Já os nascidos entre janeiro e junho, terão o recurso disponível para saque em 2019. Em qualquer situação, o dinheiro ficará à disposição do trabalhador até 28 de junho de 2019, prazo final para o recebimento.

Os empregados da iniciativa privada, vinculados ao PIS, sacam o dinheiro na Caixa Econômica Federal. Para os funcionários públicos, associados ao Pasep, a referência é o Banco do Brasil. Quem for correntista desses bancos terão o benefício creditado em conta no período estabelecido no calendário.

Para ter direito ao PIS/Pasep é necessário ter trabalhado formalmente por pelo menos um mês em 2017 com remuneração média de até dois salários mínimos. Além disso, o trabalhador já deveria estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter tido seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.

Missa para celebrar 50 anos de ordenação sacerdotal de Dom Dino

Nesta sexta-feira (29), às 10h será celebrada uma missa, em comemoração dos 50 anos de vida sacerdotal de Dom Dino. Será no Santuário da Graça, Fafica, com a presença de todo o clero Diocesano, além de vários bispos e padres de todo o País.

Antes de ser bispo, ele era padre na Diocese de Palmares, onde passou 16 anos. Depois foi nomeado por João Paulo II para ser bispo da Diocese de Pesqueira, onde passou 12 anos à frente daquela Diocese. Em 2003 foi chamado para outra missão, desta vez na Diocese de Caruaru, onde está a quinze anos.