Artigo – Estamos às portas das eleições gerais deste 2018 – por Severino Melo*

Nunca é demais repetir que voto é fidúcia e fidúcia significa confiança.

A pleno pulmão eu já disse em campanha eleitoral: “Se não confiar não precisa votar”.

O eleitor não aquilata o poder que deterá nos dias 07 e 28 de outubro do ano em curso.

Poderia ser comparado a um poderoso elefante que pesa e dá trombada no que lhe vier pela frente.

Mas, infelizmente, queda-se inerte rente “às verdades políticas”, noutras palavras, “mentiras eleitorais” que de forma mais sofisticada se repetem a cada pleito.

Não bastasse o poder econômico do candidato para lhe fazer diferente daqueles que tentam o voto pela persuasão, a difusão de suas “verdades políticas” chegam aos ouvidos mais longínquos.

A priori, pobre não vota em pobre!

O eleitor comum adora ter um mandatário de luxo!

Na campanha eleitoral os candidatos se fazem de humildes e comparecem em casas que a elas só voltarão quatro anos depois… Cobrando mais quatro anos, porque os primeiros quatro foram muito curtos e passaram rápido e não deu tempo cumprir o prometido. E neste caso, os senadores, é mais grave, precisam de 16 anos e não só dos 08 anos do mandato inicial.

A idolatria é tamanha que até ex-operário que se torna milionário, através da “política profissional”, sem conseguir explicar a evolução patrimonial e mesmo após condenado, ainda é “desculpado” por parte de seu eleitorado que também sofreu as consequências dos seus crimes de “lesa pátria”.

Feliz o eleitor que tem um bom candidato e igualmente feliz deveria ser o candidato que tem um bom eleitorado. Todavia, nem sempre esse casamento dá certo, pois um tem o “dinheiro” e o outro tem o voto que se transmuda em “mercadoria”.

Por mais que se propale que voto não tem preço, tem consequência… O eleitor insiste em votar contra si mesmo, desde que aufira alguma vantagem antes de chegar à urna.

O eleitor se rende inicialmente ao líder da comunidade, depois ao próprio candidato a cargo eletivo… Depois se decepciona com todo sistema.

Quiçá este 2018 seja um ano exótico em relação aos de outras eleições pretéritas.

Que o eleitor não reeleja políticos para os mesmos cargos!

Que a opção não seja pelo candidato mais rico e sim pelo mais capaz.

Que os corruptos sejam ceifados e entregues à justiça.

Que o País reencontre, enfim, sua rota de verdadeira Ordem e Progresso!

*Severino Melo – smelo2006@gmail.com / fone-zap 999727818 – para quem mandato não é emprego e política não é profissão.  

União de Mães de Anjos tem encontro em Caruaru

A Asces-Unita sedia a realização do Encontro da União de Mães de Anjos (UMA), nesta sexta-feira (20/04), das 8h às 12h, no Campus I, na Avenida Portugal, 584, bairro Universitário, em Caruaru.  O objetivo do evento é fortalecer a organização no interior do Estado de Pernambuco. Serão oferecidas atividades práticas, oficinas e palestras durante o evento. A expectativa é de que 80 mães participem.

O apoio da Asces-Unita se dá por meio do Projeto Formação e Prática em Serviço Social ligado ao curso homônimo. “É um momento importante para a formalização de uma parceria entre a Instituição e a UMA, além de ser uma oportunidade de ampliarmos ainda mais as iniciativas em torno desta população que foi acometida pela Síndrome Congênita do Zika Vírus”, explicou a coordenadora do projeto da Asces-Unita, a professora Ana Mircéia.

Além da Asces-Unita, a FioCruz também apoia a iniciativa.

Humberto segue périplo pelo Estado para defender Lula

Mantendo a disposição de percorrer o Estado para organizar ações em favor da liberdade do ex-presidente Lula, o líder da Oposição no Senado, Humberto Costa, viaja neste final de semana ao Sertão do Estado, onde vai se reunir com lideranças políticas locais.

A ideia é multiplicar atos em favor do petista em Pernambuco. Ao todo, o senador deve percorrer mais de 1.500 quilômetros e visitar os municípios de Serra Talhada, Parnamirim, Salgueiro, Granito e Petrolina.

Falta de estrutura na feira do São João da Escócia será tema de reunião

A situação dos feira do bairro São João da Escócia será debatida nesta sexta-feira (20), entre o vereador Tafarel (PRP), a prefeita Raquel Lyra e representantes dos feirantes na sede da Prefeitura de Caruaru. O objetivo do encontro é debater as soluções para os feirantes que foram prejudicados após as chuvas que caíram na cidade na última sexta-feira (13).

Devido ao alto volume da chuva, uma “boca de lobo” entupiu e causou alagamentos por toda a Rua Maria Antonieta, onde a feira é realizada semanalmente. Com isso, comerciantes e compradores perderam diversos produtos.

Deputado do PSB defende candidatura de Joaquim Barbosa

O deputado federal Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara a partir de junho, afirmou que a eventual candidatura do ex-ministro do STF Joaquim Barbosa pelo partido vem para somar às forças progressistas nas eleições presidenciais, e não pode ser considerado um fator de divisão do bloco.

“Não me parece ter nenhuma contradição insuperável o fato do PSB, eventualmente, ter uma candidatura que tenha história, espírito republicano e trabalho na vida pública em defesa da ética, algo que a sociedade valoriza. Vai somar a todos os candidatos progressistas que estão na disputa eleitoral contra as forças do liberalismo selvagem, traduzido no governo de Michel Temer e seus aliados”, disse o parlamentar nesta terça-feira (19), em entrevista à Rádio CBN.

Para Tadeu, a filiação de Barbosa mostrou que ele tem identidade com os valores do partido, e o projeto presidencial vem ganhando apoio junto à bancada socialista. A declaração acontece no momento em que PSB e PT avaliam uma aliança no plano estadual. Segundo o deputado, não há impossibilidade dessa aliança vir a se concretizar, mesmo com o PSB optando por uma candidatura de Barbosa e o PT tendo outro presidenciável.

“Devemos ter uma aliança, uma cumplicidade, entre os partidos de centro-esquerda, e lá na frente a gente poder ter, dado o ambiente de diálogo, um candidato desse campo, que pode ser do PT, do PDT, com Ciro Gomes, pode ser Marina (Silva/Rede) e que pode ser o ministro Joaquim Barbosa também. A gente não pode ter essa pretensão hegemônica que apenas um partido pode nos representar contra essa onda conservadora que vem ganhando muitos espaços”, afirmou.

A guerra da Síria em debate no Panorama Entrevista desta quinta-feira (19)

O confronto na Síria será o tema do Panorama Entrevista desta quinta-feira (19). No estúdio, o jornalista Mário Flávio recebe os professoras Nilton Augusto, Marcelo Bezerra e Paulo André (P.A).

🎧 Você acompanha a partir de 13h na Globo FM Caruaru 89,9, no site www.globofm89.com.br ou assiste pelo https://www.facebook.com/globofmcaruaru.

Para participar é só mandar o zap pelo 99431 3782.

Tony Gel destaca 161 anos de lançamento do Livro dos Espíritos

Os 161 anos de lançamento do Livro dos Espíritos – primeira das cinco obras da codificação da doutrina espírita – foram ressaltados no discurso do deputado Tony Gel (MDB) durante a Reunião Plenária desta quarta (18). A publicação consiste em 1.018 perguntas formuladas pelo pedagogo francês de pseudônimo Allan Kardec e respondidas, graças ao fenômeno da mediunidade, por indivíduos desencarnados.

O parlamentar explicou o contexto em que a obra foi lançada. “Por volta dos anos 1850, fenômenos mediúnicos chamados de mesas giratórias serviam de passatempo para pessoas em vários salões de Paris”, explicou, informando que tais eventos chamaram a atenção do pedagogo Hippolyte Léon Denizard Rivail (Allan Kardec), que passou, então, a participar de reuniões mediúnicas.

“As reuniões deixaram Kardec aturdido, pois ele anteviu que havia algo de muito sério ali. Passou, assim, a coordenar longos encontros, quando fazia perguntas e colhia respostas dadas por inteligências denominadas de espíritos”, continuou, destacando o caráter científico da doutrina espírita. Em aparte, o deputado Isaltino Nascimento (PSB) elogiou a iniciativa de Tony Gel ao destacar a data.

Em Caruaru, grupo do PT cria comitê em defesa de Lula, realiza reunião na Câmara e não convida vereador do partido

PT

Na última segunda-feira (16) foi criado em Caruaru um Comitê Popular em defesa do ex-presidente Lula, preso em Curitiba. O encontro, intitulado de “Comitê Popular em Defesa da Democracia e de Lula (Caruaru-PE e Região)” ou “Comitê Popular Lula Livre”, aconteceu na Sala das Comissões da Câmara dos Vereadores de Caruaru, com o objetivo de debater sobre a atual situação política no Brasil e segundo os organizadores, a “injusta perseguição e prisão política de Lula”.

O que chamou atenção foi que mesmo a reunião sendo realizada na Câmara, o único vereador do partido na cidade, Daniel Finizola, não estava presente ao evento. O blog ouviu a equipe do parlamentar e foi confirmado que ele não foi convidado para ir ate a reunião da criação do Comitê.

A reunião foi organizada pelo grupo ligado ao ex-presidente do PT, Adilson Lira, que é desafeto de Finizola.

Motorista que matou casal é indiciado por homicídio doloso

MOTORISTA-2

A Polícia Civil concluiu, nesta quarta-feira (18), o inquérito sobre o acidente que matou um casal na noite do dia 19 de março, em Caruaru. O motorista José Aurélio Santos de Meira, de 36 anos, foi indiciado por homicídio doloso (quando há a intenção de matar) e homicídio qualificado por meio cruel. A prisão preventiva dele será solicitada.

De acordo com o delegado Márcio Martins, após a perícia, ficou confirmado que o suspeito havia ingerido bebida alcoólica e estava em alta velocidade. Várias testemunhas foram ouvidas para a conclusão do inquérito.

O acidente, que chocou a população, aconteceu próximo a UPAE, acesso a BR-232. O casal estava em uma motocicleta, que foi violentamente atingida pelo veículo Golf. Rogério José Santos da Silva, 31 anos, e Adelma Alaíde da Silva, 29, morreram no Hospital Regional do Agreste (HRA). Rogério foi arrastado por cerca de 500 metros até a Rua do Vassoural.

No dia 22 de março, o motorista compareceu à 20ª Delegacia de Homicídios de Caruaru em companhia de um advogado e permaneceu em silêncio. Ele afirmou que se pronunciaria em juízo. Com informações do site da Rádio Liberdade.

Humberto sofre primeira derrota no PT estadual

Humberto Costa no Senado

Por Inaldo Sampaio

O PT pernambucano está tão fragilizado após a saída de João Paulo dos quadros do partido que ficou sem poder de fogo até para negociar uma aliança com o PSB visando às próximas eleições, como era desejo do senador Humberto Costa. Aliás, o líder da Oposição no Senado acaba de sofrer internamente uma grande derrota.

O partido aprovou uma resolução pela qual deve ter o seu próprio candidato ao Governo do Estado. O nome será conhecido até o próximo mês de maio. Era desejo do senador oferecer o apoio do seu partido ao governador Paulo Câmara em troca de sua candidatura à reeleição na chapa da Frente Popular.

Só que, minoritário hoje no partido, que perdeu vários quadros para o PCdoB, entre eles o ex-prefeito do Recife, o senador terá que conviver agora com uma situação que não estava nos seus planos: apoiar um desses três pré-candidatos ao Palácio do Campo das Princesas: a vereadora Marília Arraes, o deputado Odacy Amorim ou o militante José de Oliveira.

Se voltasse à Frente Popular, o PT caminharia sem sua base sindical representada pela CUT, Fetape (Federação dos Trabalhadores na Agricultura) e Sintepe (Sindicato dos Trabalhadores em Educação). Agora, a luta do senador será pela sua sobrevivência política. Como não tem mais bases para concorrer à reeleição, resta-lhe a opção de lutar por um mandato de deputado federal, já que o PT-PE não tem nenhum.