Raquel promete pagar valores atrasados a instituições de assistência social


A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, e o secretário de Desenvolvimento Social do município, Fernando Silva, reuniram-se, nesta quarta (08), com uma comissão formada por funcionários e mães de crianças atendidas pelas instituições GERPE, UNECAR e UNEPE. Durante boa parte da manhã da quarta, houve um protesto na frente da prefeitura, com parentes, funcionários e pessoas que são atendidas pelas instituições. 

O intuito do encontro, que aconteceu na Sala de Monitoramento da prefeitura, foi explicar às entidades sobre os trâmites que foram necessários para regulamentar a situação das instituições, que estão sem receber o repasse dos recursos federais.

De acordo com a prefeita, 22 instituições de assistência social que prestam serviço em Caruaru estavam sem a devida regulamentação no Cadastro Nacional de Entidades de Assistência Social, no período de janeiro à maio deste ano. Agora, com a publicação no Diário Oficial, é possível dar andamento aos tramites burocráticos para o pagamento do período de outubro de 2017 à março 2018. Em relação ao período de maio à setembro de 2017 as entidades precisam entregar o plano de ação, relatório e prestação de contas para que a prefeitura possa liberar o recurso, desde que as instituições apresentem a documentação exigida nesse processo.

“Nos comprometemos em fazer uma força tarefa com a nossa Comissão de Licitação e a Procuradoria Municipal para poder analisar a documentação que as instituições ficaram de trazer e assim poder validar a prestação de contas”, garantiu a prefeita. 

A representante da GERPE, Edna Dantas, falou em nome da comissão. “Agora vai ser bem mais rápido para se resolver, já que a prefeita disse que vai fazer o máximo para facilitar o processo. Espero que corra tudo certo para que nossos usuários possam ser atendidos o quanto antes”, afirmou.