É correto vetar zero em redação que ferir direitos humanos, diz especialista

Mais de sete milhões de estudantes participam neste domingo (5) do primeiro dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. A redação, que é decisiva na nota final do candidato, tem sido alvo de polêmicas neste ano por conta de uma decisão judicial. Na quarta-feira (1º), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) foi notificado da decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região que determinou a suspensão da regra que diz que quem for contrário aos direitos humanos na prova de redação pode receber nota zero.

A Advocacia-Geral da União (AGU) informou que aguarda a publicação do inteiro teor do julgamento do TRF1 para analisar o recurso cabível. A decisão judicial foi tomada em caráter de urgência a pedido da Associação Escola Sem Partido. A entidade alega que a regra é uma “punição no expressar de opinião” e argumenta que “ninguém é obrigado a dizer o que não pensa para poder ter acesso às universidades”.

Para o especialista em educação e diretor executivo da Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino (Confenen), José Sebastião Filho, a decisão garante ao aluno a liberdade de defender um ponto de vista, algo que é cobrado na própria redação.

“Eu acho que a partir do momento em que você propõe um tema de redação, onde você tem a oportunidade de se colocar enquanto sua opinião, se você segue os pré-requisitos, que são a questão da introdução, desenvolvimento, da conclusão, da concordância, da concatenação das ideias e que a partir desses pré-requisitos você consiga expor a sua ideia, o que você pensa, eu não vejo nada de errado nisso”.

Em nota, o Ministério da Educação (MEC) reafirmou que “todos os seus atos são balizados pelo respeito irrestrito aos direitos humanos, conforme a Declaração Universal dos Direitos Humanos, consagrada na Constituição Federal”. O MEC recomendou ainda que os candidatos sigam as regras do edital.

Alexandre Farias segue na UTI, diz boletim médico


O Hospital Esperança emitiu um boletim sobre o estado de saúde do jornalista Alexandre Farias. De acordo com o que foi informado, Farias segue internado na UTI, num quadro que apresenta evolução. Ele foi vítima de uma bala perdida em 16 de setembro, quando voltava para casa no Alto do Moura. Segue abaixo o boletim. 

“O paciente Carlos Alexandre Farias Silveira, de 39 anos, está no curso de tratamento com antibióticos, mantém estabilidade hemodinâmica, mas ainda necessita acompanhamento pela equipe da UTI”.

Dra. Adriana Passos
Diretora Médica do Hospital Esperança Recife

Wolney destaca parceria com governador para trazer obras em Caruaru

Em vídeo, o deputado federal Wolney Queiroz destacou as emendas conseguidas por ele para Caruaru. O pedetista esteve ao lado do governador Paulo Câmara e destacou que com a verba, será possível a construção de um bloco oncológico no Hospital Mestre Vitalino.

Serão R$ 8 milhões de investimentos já no próximo ano. “Em reunião com o governador Paulo Câmara nessa semana, ficou acertado investimentos do Governo do Estado para equipar e garantir a manutenção do bloco! Esse será um grande avanço no tratamento oncológico de Caruaru e toda a região, graças a essa importante parceria com o Governo do Estado”, disse

Wolney ainda acertou com o governador a duplicação do trecho entre o Hospital Regional do Agreste e a BR 104, área de muito movimento e que sofre grande desgaste. “Paulo Câmara se comprometeu a viabilizar as obras no início de 2018”, destacou.

Ainda na reunião, o parlamentar agradeceu a troca da eliminação da BR 104, no trecho urbano de Caruaru, demanda antiga da população, e que agora se torna realidade. Caminhões e funcionários já estão no trecho em pleno vapor, tirando fios, substituindo lâmpadas.

Câmara quer o apoio de Lula e Humberto Costa o do PSB, por Inaldo Sampaio

Humberto Costa no Senado

Não foi à toa que o governador Paulo Câmara aproveitou uma viagem que fez a Brasília na última quarta-feira para se encontrar reservadamente com a senadora Gleisi Hofmann, presidente nacional do PT. A pauta da conversa foi a eleição de 2018 em Pernambuco. O governador deseja disputar a reeleição com apoio do ex-presidente Lula, que é o maior cabo eleitoral do Estado. Mas para isto o seu partido (PSB) terá que estar coligado ao PT.

Por sua vez, o senador Humberto Costa gostaria de disputar a reeleição no palanque do governador, única forma de renovar o mandato. Portanto, eventual aliança do PSB com o PT interessa aos dois lados, ainda que desagrade ao presidente regional petista, Bruno Ribeiro e à vereadora Marília Arraes, que já se colocou à disposição do partido para ser seu candidato ao Palácio do Campo das Princesas. Até agora, sempre que é questionado sobre esta aliança, o senador desconversa.

Mas nunca deu uma declaração peremptória afastando esta possibilidade. Aliás, o caminho para esta aliança ficou desimpedido desde que o deputado Jarbas Vasconcelos declarou que não veta a presença do PT na Frente Popular. “Quer vir, venha”, disse o peemedebista

Diocese de Caruaru realiza Assembleia com padres e leigos

assembleia

A Diocese de Caruaru realiza neste sábado (4) a 22ª Assembleia Diocesana de Pastoral. O encontro reúne padres, seminaristas e leigos para a avaliação das atividades pastorais e planejamento das demandas dos próximos três anos.

O evento acontece no Santuário Nossa Senhora das Graças, no bairro Petrópolis. A programação começa às 8h com uma Concelebração Eucarística. Também serão realizadas mesas redondas com os desafios da evangelização e as orientações do Papa Francisco, escolha de prioridades, eleição da Coordenação Diocesana de Pastoral.

Também será definido o calendário de atividades para 2018, além do lançamento do Congresso Regional de Comunicação, que será realizado em Caruaru, também em 2018. A missa será presidida pelo bispo diocesano, dom Bernardino Marchió.

PM emite nota e repudia declarações de taxistas que prometeram “tocar fogo no Recife”

*NOTA OFICIAL DA POLÍCIA MILITAR DE PERNAMBUCO*

O comandante da Polícia Militar de Pernambuco, coronel Vanildo Maranhão, repudia declarações divulgadas através das redes sociais, com ameaças feitas por representantes dos taxistas sobre intenção da realização de protestos violentos no Recife, usando inclusive palavras de baixo calão e promessas de “tocar fogo” na cidade.

A Polícia Militar lembra que respeita e garante a realização de todas as manifestações democráticas e legítimas, sejam elas individuais, em grupo ou classistas, desde que salvaguardados o direito de ir e vir de todos os cidadãos, o interesse público e a segurança da população.

Enfatiza, no entanto, que a Polícia Militar está sempre preparada para garantir a tranquilidade, a ordem e a legalidade, não apenas nas ruas da capital, mas de todo o Estado. E isso será feito, em defesa do conjunto da sociedade pernambucana, utilizando dos meios legais disponíveis pela corporação.

Vereador cria projeto da Semana Municipal de Prevenção e Diagnóstico do Câncer Infantil


O vereador Alberes Lopes apresentou na Câmara Municipal, o projeto de lei que cria em Caruaru a “Semana Municipal de Prevenção e Diagnóstico do Câncer Infantil”, a ser realizada sempre na última semana do mês de novembro, fazendo parte do calendário de ações da Secretária municipal de Saúde.

Segundo Alberes Lopes, o projeto prevê a realização de uma semana educativa, com campanhas permanentes sobre os benefícios do diagnóstico precoce do Câncer Infanto-juvenil, a fim de garantir a todas as crianças do município acesso ao atendimento, diagnóstico e tratamento das neoplasias da infância. Também deverão haver investimentos na qualificação continuada dos profissionais de saúde, em pesquisas, e parcerias público-privada para a melhoria das ações.

Novas viaturas do Biesp começam a chegar em Caruaru

Biesp

Com inauguração marcada para o próximo dia 14, o 1º Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (BIESP), de Caruaru, começa a ganhar forma e se equipar, tanto com material humano, quanto estrutural.

Na foto, um caminhão transporta, na BR-232, viaturas que serão usadas pelo Batalhão. Um grande reforço para a segurança pública da região, que trará efeitos positivos imediatos para a população.

Namorado de Fátima Bernardes é de PE e vai assumir Iterpe na gestão Paulo Câmara

Fátima Bernardes

Da Coluna Folha Política

É com um pernambucano que a apresentadora Fátima Bernardes aparece de mãos dadas em foto que circula, nesta quinta-feira (2), nas redes sociais: Túlio Gadêlha. Ele é um quadro orgânico do PDT- PE e vai assumir o Instituto de Terras e Reforma Agrária do Estado de Pernambuco (Iterpe), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura da gestão Paulo Câmara, que passou à cota do PDT, recentemente, como a coluna antecipou.

O PDT, em Pernambuco, é presidido pelo deputado federal Wolney Queiroz. Túlio, que tem 29 anos, já concorreu a deputado federal em 2014. Teve 3.495 votos.

Exploração do pré-sal deve aquecer a economia do Rio de Janeiro, diz economista 

O pagamento dos royalties da exploração de petróleo e gás do pré-sal no Rio de Janeiro pode alavancar a economia do estado nas próximas décadas. A Agência Nacional do Petróleo, Biocombustíveis e Gás Natural (ANP) estima que o estado deva receber mais de R$ 65 bilhões com as áreas já contratadas e com as que serão leiloadas até 2019.

Segundo o doutor em Economia Industrial e diretor do Centro Brasileiro de Infra Estrutura (CBIE), Adriano Pires, o único caminho de recuperação do Rio de Janeiro é por meio da exploração de gás e petróleo. “Esse é o provável novo ciclo de crescimento da economia fluminense. Do ponto de vista prático, esses leilões vão gerar novos investimentos para o estado, novos empregos e uma dinâmica melhor para a economia regional”, explica.

Os contratos de exploração do pré-sal são de longa duração – 35 anos. A primeira tarefa dos investidores consiste em estudar a existência e a viabilidade dos hidrocarbonetos (gás e petróleo) após a camada de sal, por meio das perfurações de poços nos blocos localizados, em média, a sete quilômetros de profundidade a partir do mar.

“Iniciada a produção, as empresas começam a pagar os royalties. Então, os municípios mais próximos dos campos terão receitas maiores. Quanto maior for o preço do barril do petróleo mais altos serão os royalties recebidos pelo estado. A gente espera que em 2019 o preço do barril chegue a quase US$ 70”, pontua Adriano.