Sob protestos da oposição, Assembleia aprova projeto que reajusta salários dos policiais e bombeiros militares 


O Projeto de Lei Complementar de nº 1.166/2017, que reajusta o soldo de bombeiros e policiais militares, foi aprovado em Primeira Discussão na Reunião Plenária desta terça (14), na Assembleia. A proposição, de autoria do Poder Executivo, foi acatada com as Emendas nº 01, do Governo do Estado, e nº 02, da Comissão de Finanças, debatidas em reunião conjunta de três Comissões da Casa realizada nessa segunda.

A matéria foi aprovada por unanimidade entre os 32 parlamentares presentes no momento da votação. Por orientação do líder da bancada, deputado Sílvio Costa Filho (PRB), os oposicionistas saíram do Plenário durante a votação da proposta, por discordarem da forma como ela vem tramitando. Eles foram acompanhados pelo governista Álvaro Porto (PSD) e pela deputada Priscila Krause (DEM).

Antes do início da votação, Priscila Krause, Sílvio Costa Filho, Joel da Harpa (PTN), Edilson Silva (PSOL) e Teresa Leitão (PT) já haviam suscitado Questões de Ordem para pedir esclarecimentos ao presidente da Casa, deputado Guilherme Uchoa (PDT).

Os parlamentares entenderam que a Assembleia descumpriu o artigo 231 do Regimento Interno, ao colocar o projeto para ser votado antes do prazo de cinco Reuniões Plenárias Ordinárias, o que ocorreria nesta quarta (15). O procedimento da Mesa Diretora também foi criticado pelo deputado Júlio Cavalcanti (PTB).

Priscila Krause, Edilson Silva e Teresa Leitão relataram, ainda, que foram impedidos, na última segunda (13), de dar entrada em emendas ao projeto. “Os deputados estão tendo sua atuação parlamentar cerceada, em razão de uma decisão impositiva do presidente de colocar a matéria em votação na Ordem do Dia, menos de 24 horas após aprovação nas Comissões e antes do prazo regimental”, afirmou Costa Filho.

“Está começando uma nova forma de relacionamento político. O Governo do Estado quer anular a Oposição pela força. Fico me perguntando onde está a autoestima desta Casa para permitir um atropelo desse tamanho”, emendou Teresa Leitão (PT), vice-líder da Oposição.

Em resposta, o presidente da Alepe informou que não houve desrespeito ao direito dos parlamentares, uma vez que ainda é possível a apresentação de emendas, entre a votação da matéria em Primeira e em Segunda Discussões, conforme artigo 205 do Regimento Interno. “O documento prevê que o fim da tramitação deve ocorrer em até cinco reuniões. Isso não quer dizer que o parecer tenha que ser dado apenas no último dia do prazo”, interpretou Uchoa.

O relator da matéria nas Comissões de Justiça e de Finanças, deputado Romário Dias (PSD), orientou que as emendas sejam apresentadas ainda nesta terça e publicadas amanhã. Ele se comprometeu a avaliá-las no Plenário, antes da votação do projeto em Segunda Discussão.

O vice-líder do Governo, Rodrigo Novaes (PSD), considerou que a maioria dos deputados, se entender existir relevância no projeto apreciado, pode decidir por acelerar o processo legislativo. “Tenho ouvido falar muito aqui sobre o Regimento, mas a Oposição não fala sobre o interesse do povo e sobre o respeito à Constituição”, disse, classificando de “eleitoreiras” as críticas. “O povo quer a polícia nas ruas, e, se o aumento não é o ideal, é o possível diante das condições. Não pode haver espaço para irresponsabilidade”, analisou.

Obra em Sertânia garante abastecimento para a cidade, diz Compesa


A cidade de Sertânia continuará a receber água pela rede de distribuição, apesar dos dois mananciais que atendem a cidade estarem em colapso, consequência da estiagem prolongada em Pernambuco. A Compesa finalizou, esta semana, a fase de testes do novo trecho do ramal da Adutora de Jatobá, responsável pelo abastecimento da cidade. A obra custou R$ 4 milhões e foi executada pela Casa Militar, com recursos do Ministério da Integração Nacional.

 Foram substituídos 12 mil metros da adutora, de tubulações antigas em PVC por outras em ferro, o que irá garantir maior confiabilidade operacional a distribuição de água do município, já que o trecho antigo apresentava constantes vazamentos. Segundo o diretor Regional do Interior, Marconi de Azevedo, além de evitar os frequentes vazamentos ainda conseguimos aumentar a vazão do sistema de 16 para 20 litros de água por segundo.

Câmara sedia reunião do Fórum Municipal de Educação


Nesta quarta-feira (15), pela manhã, a Câmara Municipal de Caruaru vai sediar uma reunião do Fórum Municipal de Educação. A assembleia será mais uma “mesa de diálogo” com a presença da prefeita Raquel Lyra (PSDB), convidada para debater o tema “Pensando a educação em Caruaru frente aos desafios da atual conjuntura”. A reunião, que terá a participação da Comissão Parlamentar de Educação, Cultura e Esportes, terá início às 9h, no plenário da Casa Jornalista José Carlos Florêncio.

O Fórum, segundo a coordenadora Erivalda Torres, é uma entidade que busca a participação, formação e intercâmbio de experiências sobre a educação pública. “É um espaço plural e democrático de discussão, fortalecimento e proposição de caminhos, e é também um espaço de luta para alterar a situação educacional de grande parte da população, notadamente o analfabetismo e a subescolarização”, ressalta a professora.

O vereador Daniel Finizola (PT), que também é professor e membro da Comissão de Educação da Câmara, confirmou presença e adiantou que vai fazer um convite aos participantes do encontro. “Estarei no Fórum para debater com os professores o Plano de Valorização da categoria e teremos na terça-feira, dia 21, a partir das 9h, uma audiência pública com a finalidade também de debater o Plano de Valorização e o PCC. Então, que gente possa ter a maior quantidade de professores lotando as galerias da Câmara para que a gente possa ter um debate rico e encaminhar soluções e políticas públicas que possam melhorar a ação e a atuação dos professores”, afirmou Finizola.

Apenas três vereadores no anúncio oficial do líder da oposição na Câmara de Caruaru 


Foi realizado nesta terça-feira (14), em coletiva de imprensa, o pronunciamento que oficializou o vereador Alberes Lopes (PRP) como líder da oposição na Câmara Municipal de Caruaru. Os vereadores Galego de Lajes (PSD) e Cecílio Pedro (PMDB) integram o grupo.

Em seu discurso, Alberes destacou a importância do diálogo para o processo democrático e que fará uma oposição, séria, responsável e propositiva ao governo municipal. “Nós não iremos fazer oposição por oposição, nosso diferencial será o diálogo. Agora, vamos fiscalizar e cobrar as promessas de campanha, exigindo que a Prefeitura atue nas comunidades carentes. Para isso, montamos uma equipe de profissionais qualificados, como professores, advogados, ambientalistas, entre outros, para nos auxiliar sempre que necessário sobre os projetos que chegaram à Câmara”, pontuou Alberes Lopes.

Quanto aos vereadores que se colocam como independentes, Alberes adianta que já estão havendo conversas e o grupo de oposição deverá ser reforçado em breve.

Comissão de Saúde da Câmara visita unidades e vai enviar relatório para prefeita de Caruaru

A Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara de Vereadores de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, visitou unidades de saúde nesta segunda-feira (13). O grupo é presidido pelo vereador Ranilson Enfermeiro (PDT) e tem como membros os vereadores Allyson da Farmácia (PPS) e Cecílio Pedro (PMDB).

As visitações aconteceram na Policlína do Salgado, no Hospital Municipal Manoel Afonso e na Casa de Saúde Bom Jesus, com o objetivo de fiscalizar as condições das unidades de saúde em Caruaru. A comissão produzirá um relatório, que será encaminhado a prefeita Raquel Lyra (PSDB) e a secretária de saúde, Ana Maria Albuquerque.

Licenciamento para final de placa 3 e 4 vence hoje

DETRAN-PE

A Secretaria das Cidades alerta os condutores de veículos registrados no Estado, com final de placa 3 e 4, que o prazo para pagamento do Licenciamento 2017 composto do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores – IPVA (cota única ou 1ª parcela), taxa de bombeiro, licenciamento e seguro obrigatório – DPVAT, encerra nesta terça-feira, 14.

A impressão do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos – CRLV 2017 só acontece após a quitação desses valores e possíveis multas, que devem ser feitos dentro do vencimento para evitar o atraso ou não envio do documento para o endereço cadastrado, caso o proprietário opte por essa modalidade. O condutor que andar sem o CRLV 2017, após o prazo estabelecido pelo DETRAN-PE, terá o veículo removido para depósito, além de receber uma multa no valor de R$ 293,47, e ter que arcar com as taxas para a liberação do mesmo.

Que quem fizer o pagamento do IPVA em cota única terá um desconto de 7% sobre o valor desse imposto. Quanto à entrega, são duas formas de recebimento, sendo uma via Correios, para quem optar por pagar a taxa de postagem de R$ 16,87 e a outra por meio de agendamento de atendimento para emissão do CRLV no site www.detran.pe.gov.br, onde é possível escolher o posto de atendimento. Os boletos de pagamento já foram enviados para o endereço dos proprietários pelos Correios, mas quem não recebeu por algum motivo ou desejar emitir a guia sem a taxa de postagem pode acessar o mesmo no site do Órgão CLIQUE AQUI.

Francisco José lança livro hoje em Caruaru

Francisco-Jose

Será lançado nesta terça-feira (14) em Caruaru o Livro “40 Anos no Ar”. O documento é de autoria do jornalista Francisco José, da TV Globo. Para marcar os 15 anos do curso de Jornalismo, a Devry|UNIFAVIP apoia e traz para Caruaru o evento do lançamento.

O evento será realizado terça (14) às 19h, na loja ao lado da Cia. Do Terno, no primeiro piso do Shopping Difusora. O livro pode ser adquirido no lançamento por R$ 39,90, mas já está disponível para compra na Livraria Imperatriz, no terceiro piso do Shopping Difusora. O livro é uma coletânea de histórias e experiências ao longo de sua extensa trajetória como repórter e retrata os bastidores das melhores reportagens realizadas pelo mundo.

O jornalista concede entrevista hoje no ABTV 1ª Edição e logo após no Panorama Entrevista de 13h na Globo FM 89,9.

Semináeio vai debater “Nova Sistemática de Tributação para Empresários do Setor Têxtil”

A Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (Acic) e a Associação dos Contabilistas de Caruaru e Agreste de Pernambuco (Accape) promovem no dia 16 de fevereiro, às 14h, o Seminário “Nova Sistemática de Tributação para Empresários do Setor Têxtil”, no auditório da Acic.

Com o apoio do Governo de Estado e do Sindicato das Indústrias do Vestuário do Estado de Pernambuco (Sindivest – PE), as associações trarão quatro palestrantes e dois debatedores para discutirem o assunto. Na primeira parte, os palestrantes serão o auditor da Diretoria Tributária e Orientação ao Contribuinte Theopompo Vieira e o diretor geral da II Região Fiscal da Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz – PE), Benedito Santos. Os debatedores serão o gerente do segmento econômico de Tecidos e Confecções, Edson Lustosa, e o diretor adjunto da II Região Fiscal, Miguel Angelo.

Em um segundo momento, Valdene de Morais, auditor fiscal aposentado da Sefaz – PE, e o contabilista João Cândido Júnior farão suas apresentações. A sanção do Projeto de Lei determina que estabelecimentos comerciais e industriais terão a cobrança do imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) prevista para o momento da obtenção da matéria-prima. A estimativa do Governo de Pernambuco é de ultrapassar os R$ 480 milhões por ano com a arrecadação.

A mudança na legislação tem como objetivos a redução da atividade informal, a liberação das empresas formalizadas, o equilíbrio concorrencial, incentivo ao credenciamento das empresas atacadistas e proporcionar tranqüilidade e segurança fiscal e tributária entre os comerciantes, gerando benefícios para toda cadeia têxtil do Polo de Confecções que, de acordo com o Governo, tem 70% das compras atribuídas à revenda.

Será solicitada aos participantes uma doação que pode ser dois quilos de alimentos não perecíveis ou um pacote de fraldas descartáveis. As doações serão inteiramente revertidas para uma instituição de caridade em Caruaru. Não será exigida nenhuma taxa de entrada para o seminário. Os interessados devem apenas se inscrever, previamente, através do link: CLIQUE AQUI

Temer afirma que vai afastar ministros envolvidos em casos de corrupção

Michel-Temer-foto-Agência-Brasil

O Presidente da República, Michel Temer, anunciou, que o governo federal não vai blindar ministros comprovadamente envolvidos em casos de corrupção investigados pela Operação Lava Jato. Temer afirmou mais uma vez que não irá interferir nas investigações e que não vai proteger ninguém.

“Se houver denúncia, o que significa um conjunto de provas que possam conduzir ao seu acolhimento, o ministro que estiver denunciado, será afastado provisoriamente. Se acolhida a denúncia e o ministro se transforma em réu, estou mencionando os casos da Lava jato, o afastamento é definitivo. Portanto eu faço esta declaração, para dizer que o governo não quer blindar ninguém e não vai blindar”.

O processo funciona da seguinte forma: Primeiramente o Ministério Público oferece a denúncia à Justiça, quando considera que existem provas consistentes de que houve um crime. Caso a Justiça aceite a denúncia, o investigado vira réu e começa a responder por um processo. O pronunciamento de Temer foi feito depois do Tribunal Regional Federal ter mantido a nomeação de Moreira Franco para o cargo de ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República.

O ministro, que não tem a prerrogativa do foro privilegiado, é citado na delação premiada de Cláudio Melo Filho, ex-vice-presidente de Relações Institucionais da Odebrecht. A acusação, é que ele recebeu dinheiro para defender os interesses da empreiteira. Moreira Franco nega as acusações.

Veja calendário de resgate do FGTS – educador financeiro orienta o que fazer com o valor

Foi divulgado o calendário de saques de contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). O contribuinde já pode checar o saldo disponível com o PIS, consultando o saldo no site da Caixa, no aplicativo FGTS, em caixas eletrônicos e em agências.

Contudo, o saque só poderá ser efetuado a partir das seguintes datas:

Em março
sacará o FGTS quem nasceu em janeiro e fevereiro

Em abril
nascidos em março, abril e maio

Em maio
nascidos em junho, julho e agosto

Em junho
nascidos em setembro, outubro e novembro

Em julho
nascidos em dezembro

O que fazer

A renda extra vem em boa hora, mas é preciso cuidado para não colocar em risco a reserva financeira construída após meses – ou anos – de trabalho, de acordo com o presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros), Reinaldo Domingos.

“Muitas pessoas usam rendas extras sem considerar sua situação financeira atual. Infelizmente, isso é comum. Portanto, procure levantar seus números e ter consciência se está em situação de equilíbrio, endividamento, inadimplência ou se é investidor. O ideal é que a quantia possa melhorar a qualidade de vida da pessoa e família, não apenas agora, mas especialmente no futuro. Afinal, o objetivo principal da existência desse fundo é ser um arrimo para o trabalhador em caso de demissão”, orienta Reinaldo Domingos.

Confira abaixo orientações para quem está em situação de inadimplência, de equilíbrio financeiro e também para quem já tem o hábito de investir.

Em situação de inadimplência

Caso o valor a ser resgatado seja suficiente para quitar alguma dívida em atraso totalmente, é interessante agir dessa forma. Mesmo assim, é válido negociar e conseguir descontos, diminuindo parte da dívida, para então fazer o pagamento à vista. Por outro lado, se não for para quitar 100% da dívida, avalie a opção de investir o valor para ter força para negociar no futuro.

De uma forma ou de outra, o principal a ser feito nessa situação delicada é se educar financeiramente, ou seja, mudar seu comportamento para não mais retornar à inadimplência. O primeiro passo é olhar para a sua situação de forma honesta e levantar todos os números, traçando um planejamento para renegociar a dívida – agora ou no futuro – em parcelas quem respeitem o orçamento mensal.

Em situação equilibrada ou de investidor(a)

Ainda não ter um objetivo estabelecido para o uso dessa renda extra é preocupante, pois na ausência de uma meta, o valor pode acabar sendo utilizado em compras supérfluas e de pouca importância, ao invés de contribuir para a conquista de um sonho. Cada pessoa deve ter no mínimo três: um de curto prazo (a ser realizado em um ano), outro de médio prazo (entre um e dez anos) e outro de longo prazo (a ser realizado a partir de dez anos).

Tanto na situação de equilibrado ou de investidor, é orientável fazer o saque das contas inativas assim que possível e aplicar o valor em investimentos como poupança, CDB ou tesouro direto, entre outras, que rendam mais do que o FGTS. A modalidade escolhida precisa corresponder ao prazo em que se deseja realizar o sonho, tendo em vista a possibilidade de resgatá-lo no momento desejado sem perder rendimentos.