Vantagem de Russomanno despenca; Marta e Doria sobem, diz Datafolha


Da Folha

A vantagem do candidato Celso Russomanno (PRB) despencou, enquanto Marta Suplicy (PMDB) e João Doria (PSDB) cresceram, embolando a disputa pela Prefeitura de São Paulo, mostra a primeira pesquisa Datafolha desde o início do horário eleitoral gratuito.

Com maior tempo de televisão, o tucano cresceu de 5% para 16% das intenções de voto, empatando tecnicamente com Marta, que cresceu de 16% para 21%. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

A senadora, por sua vez, está empatada tecnicamente com Russomanno, que registrou queda de 31% para os atuais 26%. Nas simulações de segundo turno, Russomanno vence em todos os cenários, embora com menos folga.

O levantamento, contratado pela Folha e a TV Globo, ouviu 1.092 pessoas, na quinta-feira (8). Os demais candidatos oscilaram desde a última pesquisa, realizada em 23 e 24 de agosto. O prefeito Fernando Haddad (PT) passou de 8% para 9%, mantendo o empate técnico com Luiza Erundina (PSOL), que tinha 10% e está com 7%.

Major Olímpio (SD) se manteve com 2%. Levy Fidelix (PRTB) e João Bico (PSDC) registraram 1% cada. Ricardo Young (Rede), Henrique Áreas (PCO) e Altino (PSTU) foram citados, mas não pontuaram.

Votos brancos ou nulos somaram 13%, e 4% dos entrevistados não opinaram. Em agosto, 17% disseram que votariam em branco ou nulo e 7% não opinaram.

SEGUNDO TURNO

No segundo turno, de acordo com o Datafolha, Russomanno venceria Marta de 45% por 38%. Em agosto, a diferença era de 51% a 32%.

Se a disputa fosse com Doria, a vitória de Russomanno seria mais fácil: 52% a 28%. Também nesse cenário, a diferença caiu. Em agosto, era de 63% a 16%.

Contra Haddad, Russomanno ganharia de 56% a 25%. De Erundina, 56% a 27%.

REJEIÇÃO

O prefeito ainda é o candidato com maior rejeição: 46% disseram que não votariam em Haddad, ante os 49% medidos em agosto. Marta tem 29% (ante 32% do levantamento anterior). Erundina tem 26% (ante 25%).

A rejeição de Russomanno oscilou para cima, de 18% para 21%. No caso de Doria, 20% não votariam nele de jeito nenhum (eram 22% em agosto).

Colégio de Caruaru realiza projeto para ouvir propostas de candidatos a prefeito 

O Colégio Antenor Simões realiza, a partir da próxima segunda-feira (12), o projeto “Prefeituráveis”. A iniciativa pedagógica está na terceira edição e tem como objetivo proporcionar aos alunos do Colégio Antenor Simões um momento de discussão com os candidatos à Prefeitura de Caruaru.

Para isso, os estudantes elaboram – sob a supervisão dos professores – perguntas para serem feitas aos candidatos. Cada candidato terá 30 minutos para se apresentar e expor o seu plano de governo. Após esse tempo, haverá mais 30 minutos de perguntas e respostas entre alunos e candidatos. Em seguida, dez minutos serão disponibilizados para as considerações finais. Apenas um prefeiturável participará do projeto por dia.

O projeto pedagógico abrange as seguintes disciplinas: História, Atualidade, Filosofia, Sociologia e Geografia. Os docentes envolvidos são­: Sérgio Rêgo, Sandro Porto, Edvan Alves e Gustavo Henrique. “Acredito que o ponto central da proposta desse projeto seja a ampliação do conceito de cidadania frente ao que conhecemos e vivenciamos. Incluindo a noção de participação direta”, destacou o professor Sérgio Rêgo.

O “Prefeituráveis” ocorrerá a partir das 10h30 nos dias 12, 13, 14, 19, 20, 21 e 22 de setembro, na quadra poliesportiva da unidade II do Colégio Antenor Simões, localizada na Rua Padre Antônio Vieira, número 47, Bairro Divinópolis.

Cronograma dos candidatos:

12/09 – Jorge Gomes

13/09 – Rivaldo Soares

14/09 – Tony Gel

19/09 – Raquel Lyra

20/09 – Jefferson Abraão

21/09 – Erick Lessa

22/09 – Eduardo Guerra

Mendonça Filho vem a Caruaru nesse sábado para liberar recursos a serem investidos no campus da UFPE 


O ministro da Educação, Mendonça Filho, libera, neste sábado, 10, R$ 7 milhões de reais para a Universidade Federal de Pernambuco. Os recursos serão destinados ao custeio dos restaurantes universitários da UFPE, localizados no Recife e em Caruaru, garantindo, respectivamente, a manutenção dos serviços já prestados no Campus da capital pernambucana e provendo a futura inauguração do RU caruaruense. “Desde que assumimos o MEC, já foram liberados R$ 232,9 milhões para custeio e investimento no estado de Pernambuco. Ao todo, já foram liberados mais de R$ 3 bilhões para as instituições federais no país”, destacou Mendonça. A cerimônia de assinatura da liberação será realizada às 10h, no Ginásio de Esportes do Campus Agreste, e, na ocasião, o ministro também fará a inauguração do sistema viário e de drenagem do Campus Caruaru.

Seguindo os moldes do RU do Campus Recife, serão oferecidas cerca de 1500 refeições por dia, entre almoço e jantar. Os recursos de custeio vão garantir a alimentação dos alunos até dezembro de 2017. “Com essa liberação, o MEC garante 100% de gratuidade nas refeições para os alunos em vulnerabilidade social e uma taxa de R$ 3 reais para os demais estudantes. a estruturação desse Campus beneficia não apenas a população estudantil de Caruaru, mas também de cidades vizinhas”, afirmou o ministro da Educação, Mendonça Filho. restaurante foi concluído em 2013, mas nunca houve liberação orçamentária para garantir a oferta de refeições para a comunidade acadêmica nos últimos 3 anos.

Já o sistema viário e de drenagem do Campus Caruaru tem uma área de construção de 28.967,5 m², sendo 1,5 km de vias internas construídas, e fica situado às margens da BR-104. “Ao todo, o Ministério da Educação investiu R$ 6,17 milhões na obra e ela vai sanar um problema histórico do CAA, desde sua abertura em 2010, que era a falta de infraestrutura no acesso à Universidade”, disse o ministro. 

Pesquisa – Geraldo na frente no Recife, indica Datafolha


Do G1 Pernambuco 

Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira (9) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto na corrida para a Prefeitura do Recife:

– Geraldo Julio (PSB) – 36

– João Paulo (PT) – 34

– Daniel Coelho (PSDB) – 11

– Priscila Krause (DEM) – 2

– Edilson Silva (PSOL) – 2

– Carlos Augusto Costa (PV) – 1

– Branco/nulo – 10

– Não sabe/não respondeu – 4

A candidata Simone Fontana (PSTU) foi citada, mas não alcançou 1%. O candidato Pantaleão (PCO) não foi citado.

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S.Paulo”.

O Datafolha ouviu 816 eleitores no dia 8 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral Pernambuco (TRE-PE) sob o protocolo PE-06364/2016.

Segundo turno

O Datafolha fez, pela primeira vez, uma simulação de segundo turno entre os candidatos Geraldo Julio (PSB) e João Paulo (PT). Confira o resultado:

– Geraldo Julio (PSB) – 49

– João Paulo (PT) – 39

– Banco/nulo – 9

– Não sabe/não respondeu – 3

TCE homologa Auto de Infração contra o prefeito de Buíque


Auto de Infração contra o prefeito de Buíque, Jonas Camelo de Almeida Neto, por sonegação de documentos, foi homologado pela Segunda Câmara do TCE. O relator foi o conselheiro Dirceu Rodolfo.

Segundo ele, apesar das reiteradas solicitações para que o prefeito encaminhasse ao TCE documentos indispensáveis ao exercício do controle externo, o controlador interno do município não atendeu aos pedidos. Em razão disso, foi aplicada uma multa ao prefeito no valor de R$ 35.615,00 que deverá ser recolhida no prazo de 15 dias do trânsito em julgado desta decisão.

Artigo – Corredor exclusivo para ônibus: 01 Ônibus para 40 Carros – por Adriana Leal*


A facilidade nos financiamentos de créditos para adquirir automóveis, oferecida nos últimos tempos, vem gerando o estímulo à utilização do transporte individualizado em detrimento do coletivo. Com isso, o acréscimo da frota de veículos, em todo país, veio seguido de uma queda no número de passageiros no transporte público.
Porém, segundo informações da Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos – NTU, os carros que ocupam 70% das ruas realizam apenas 30% das viagens, ou seja, mais veículos nas vias urbanas, cidades mais congestionadas, o que resulta em menos qualidade de vida. Para técnicos e estudiosos da área de trânsito e transporte, uma das opções de sustentabilidade para a equação “mobilidade urbana x meio ambiente”, nas capitais e cidades metropolitanas, seria a implantação de corredores exclusivos para ônibus.

Um ônibus convencional comporta, aproximadamente, 70 a 80 passageiros, substituindo pelo menos 40 automóveis de passeio, levando em consideração que cada um transporta, em média, duas pessoas. Uma das vantagens da exploração de vias expressas é que esse espaço exclusivo para o transporte público, apartado dos demais veículos, permite a utilização de ônibus maiores, articulados e/ou biarticulados, aumentando a capacidade do transporte para até 270 pessoas de uma só vez. Outra vantagem do corredor exclusivo é a de permitir o aumento da velocidade operacional, contribuindo para a credibilidade do serviço, além da diminuição dos custos da atividade, que serão alcançados em curto prazo, uma vez que, quanto maior o tempo de viagem, mais combustíveis e peças são utilizados.

De acordo com o Presidente Executivo da NTU, Otávio Cunha, a medida de priorização de vias exclusivas “tem um custo de implantação relativamente baixo e traz melhorias significativas para os usuários”. E ainda segundo o Diretor Administrativo daquela entidade, Marcos Bicalho, “a implantação de sistemas BRT com serviços mais rápidos e de maior qualidade iria, sem dúvida, atrair usuários de carros e motos. Essa seria uma forma, relativamente rápida, de promover, com baixo custo, melhorias no trânsito e na qualidade do ar”.
Fazendo um comparativo do uso transporte coletivo com a moto, por exemplo, observa-se que o número de acidentes é 21 vezes menor, uma vez que esses veículos de duas rodas são mais favoráveis a colocarem seus condutores em situação de risco, além de serem mais poluentes, em virtude da baixa tecnologia no controle da emissão de gases.

A Lei de Mobilidade Urbana (12.587/2012) estabelece prioridade do espaço, hoje ocupado pelos veículos individual motorizado, para implantação dos corredores exclusivos para ônibus e ciclovias. Ou seja, a criação de faixas privativas para utilização pelo transporte coletivo de passageiros é o modo mais simples, célere e barato para obtermos melhorias no trânsito, e, consequentemente, na vida de milhões de pessoas, além da redução nos custos da operação, o que possibilitaria a redução no preço das tarifas.

Cabe apenas aos governantes impulsionarem a democratização das vias públicas, através dos corredores exclusivos para ônibus, no lugar de facilitar a compra de veículos individuais motorizados, pois, um país desenvolvido não é aquele onde todos utilizam carros, mas onde todos podem ter acesso a um transporte público de qualidade.

*Adriana Leal é Advogada e Especialista em Transporte Público e Licitação e Contratos Administrativos.

Sindloja Caruaru recebe quatro candidatos à prefeitura do município para apresentação do Plano de Governo

sindloja

Com o objetivo de conhecer o plano de governo do próximo gestor municipal, o Sindicato dos Lojistas do Comércio de Caruaru vai receber, entre os dias 12 e 21 de setembro, quatro dos sete candidatos à Prefeitura do município para uma apresentação dos projetos e ideias voltadas ao setor do comércio, segmento que representa milhares de empregos na cidade e que contribui significativamente com o desenvolvimento econômico e social de Caruaru.

A iniciativa do Sindloja Caruaru, que há 27 anos representa legalmente os lojistas, vai oferecer a comerciantes, empresários e à comunidade em geral melhores condições de avaliar as propostas e considerações das coligações para o setor comercial de Caruaru. Os candidatos vão responder perguntas previamente elaboradas pelo sindicato e poderão também responder perguntas realizadas pelo auditório.

A ordem dos candidatos foi definida através de sorteio e será da seguinte maneira: na segunda-feira (12), inicia com Tony Gel (PMDB); na terça-feira (13), segue com Raquel Lyra (PSDB); no dia 20, segunda-feira, retorna com Erick Lessa (PR); e na terça-feira, dia 21, encerra com Jorge Gomes (PSB). O encontro será realizado sempre das 19h às 21h, no auditório do Sindloja Caruaru, localizado na Avenida Leão Dourado, 51-A, Bairro São Francisco.

Prefeitura de Timbaúba terá que suspender compra de livros por irregularidades em contrato

tce

O TCE determinou à secretaria de educação de Timbaúba que se abstenha de efetuar o pagamento das despesas decorrentes da aquisição de 4.445 exemplares do livro paradidático “Timbaúba, Cidade da Gente”, no valor total de R$ 500.062,50. Os livros, destinados à rede pública de ensino do município, foram fornecidos pela editora Didáticos Editora Ltda – ME, contratada pela secretaria de educação através de um processo de inexigibilidade (nº 002/2016), ou seja, com dispensa de licitação.

A suspensão do pagamento foi determinada pela conselheira Teresa Duere, por meio de uma Medida Cautelar, expedida monocraticamente após solicitação da equipe técnica da Inspetoria Regional de Surubim, em concordância com o Departamento de Controle Municipal, em função de irregularidades apontadas após fiscalização no contrato. Segundo os auditores, a contratação redundou numa aquisição antieconômica que oferecia risco de dano aos cofres do município.

A auditoria constatou que a editora Didáticos Editora – ME, cujo endereço localizava-se na cidade de Fortaleza, não tinha nenhum indicativo de atividade comercial, o que colocou em dúvida a capacidade da empresa em prestar o serviço. Outro agravante diz respeito à ausência de explicações por parte do município. Mesmo sendo questionada pelo TCE sobre a dispensa de licitação, a secretária de educação do município, Arleide de Albuquerque Guerra, não apresentou nenhuma justificativa aos questionamentos efetuados pela relatora, nem contra-argumentou as irregularidades indicadas pela auditoria.

Além de suspender o pagamento à empresa contratada, a conselheira Teresa Duere determinou ainda que fosse dada ciência do inteiro teor da decisão ao prefeito de Timbaúba, João Rodrigues da Silva Júnior, para que o mesmo zele pelo cumprimento da Medida Cautelar.

A decisão da conselheira foi referendada pelos demais ocupantes da Primeira Câmara do TCE, em sessão ocorrida na última terça-feira, 06. O Ministério Público de Contas esteve representado pelo procurador Gustavo Massa.

Prefeitura de Caruaru comemora resultado no Ideb 


NOTA – O IDEB, recém divulgado pelo MEC, mostra o melhor resultado da educação básica em Caruaru nos últimos dez anos. Do levantamento de 2005 para o atual, o índice subiu de 3.4 para 4.5 para o 5º ano. No mesmo período, para o 9º ano, a evolução positiva foi de 3.2 para 3.5.

 A melhora no IDEB reflete o forte investimento do Governo Municipal na formação de professores, na merenda escolar, no fardamento e transporte dos alunos, sempre em níveis acima do previsto na Constituição.
A aprovação recente do Plano de Valorização do Magistério, pela Câmara de Vereadores, coloca a educação de Caruaru na perspectiva de manter a evolução positiva, beneficiando mais de 40.000 alunos da população de baixa renda da cidade.  

Pesqueira: matadouro é interditado devido às condições precárias de higiene

O matadouro público de Pesqueira foi interditado na última segunda-feira (5) após uma vistoria conjunta do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) e da Vigilância Sanitária municipal constatar que as condições de funcionamento estão muito aquém do exigido por lei.

A interdição expedida pela Adagro fixou um prazo de 48 horas para que o município de Pesqueira faça as adequações necessárias para garantir que o abatedouro volte a funcionar sem oferecer riscos à população. Porém, a promotora de Justiça de Defesa da Saúde de Pesqueira, Andréa Magalhães Porto, já solicitou nova inspeção à Adagro, a fim de que seja mantida a interdição do equipamento.

“O Ministério Público tem todo o interesse em mostrar as condições em que se encontra o matadouro de Pesqueira, porque essa carne que é produzida aqui vai parar na mesa dos cidadãos. O abate de animais, nas condições em que se encontra esse matadouro, traz um grande risco para a saúde das pessoas que lá trabalham e do público em geral”, alertou a promotora de Justiça.

Andréa Porto ainda explicou que a falta de estrutura é comum a outras cidades da região, onde os matadouros foram fechados, e que essa situação levou a um aumento no número de marchantes que recorrem ao abatedouro de Pesqueira, resultando em piores condições sanitárias. A inspeção foi acompanhada pela médica veterinária da equipe técnica que faz parte do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça do Consumidor (Caop Consumidor), que detalhou as inúmeras irregularidades encontradas. Segundo os técnicos, ficou comprovado, através de registro fotográfico, que as vísceras dos animais abatidos estavam no chão, misturadas com sangue e fezes, e o abatedouro não tem a infraestrutura de escoamento adequada, uma vez que o transporte das fezes é feito em carros de mão, que transitam pelos ambientes onde é feito o corte da carne. Além disso, os trabalhadores estavam em contato direto com esses agentes contaminantes biológicos, pois não trabalham com equipamentos de proteção individual (EPIs), como botas e luvas.

Dentre as medidas apresentadas à Prefeitura de Pesqueira como necessárias para reabertura do matadouro estão providenciar EPIs para todos os trabalhadores que fazem o abate e corte das carnes; trocar as instalações elétricas, que foram feitas de forma improvisada; reformar e pintar as mesas onde é feito o corte das peças; e instalar os banheiros disponibilizados para o uso dos funcionários. “O consumo de carne que não passou pelos padrões sanitários exigidos expõe as pessoas a várias doenças graves, como a cisticercose e infecções bacterianas. Os moradores de Pesqueira precisam estar atentos a esses riscos”, complementou a promotora de Justiça.